Covid-19. Pena de prisão até cinco anos para quem furar a quarentena

Os portugueses que não cumprirem o isolamento pedido pela Direção-Geral da Saúde (DGS) para travar a transmissão do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19) arriscam incorrer num crime de propagação de doença, cuja pena de prisão pode ir até aos cinco anos.

A moldura penal para este crime é relembrada esta quarta-feira pelo Jornal de Notícias, que ouviu vários especialistas.

“O Código Penal estabelece uma punição para a difusão voluntária de doenças (…) A partir do momento em que existe um aviso das autoridades para as pessoas ficarem resguardadas, confinadas às suas casas, e se comprovar que há um incumprimento da medida para travar a doença e até a possam estar a difundir, é normal que essas pessoas possam vir a ser sancionadas”, disse ao matutino o o juiz desembargador Eurico Reis.

Existe alguma “flexibilidade das medidas administrativas”, para que “não se imponha a lei de forma desproporcionada contra a realidade” e para que as pessoas afetadas possam,”a título excecional, ir comprar alimentos, com máscaras e luvas”.

Ainda assim, frisa, “há uma obrigação moral destas pessoas ficarem em casa”.

Luísa Neto, do Conselho de Saúde Pública e docente da Faculdade de Direito da Universidade do Porto, disse ao Jornal de Notícias que “não há problemas de constitucionalidade na imposição destas medidas”.

“Apesar de quem tem uma visão restritiva da Constituição achar que o isolamento só pode acontecer em casos de internamento psiquiátrico compulsivo, há outros artigos da Constituição que permitem decisões de isolamento“, considerou.

“A quarentena não é sinónimo de férias”

A Câmara de Felgueiras reportou às autoridades de saúde locais e nacional que teve conhecimento de relatos que davam conta que algumas pessoas que tinham a indicação para permanecer em isolamento não o estavam a cumprir.

No Facebook, a Junta de Freguesia de Idães/Barrosas, neste concelho, fez um alerta à população, dizendo que eventuais incumprimentos iam ser reportados às autoridades. “Respeitem! A quarentena não é sinónimo de férias nem de passeios na vila. Resguardem-se”, pode ler-se na publicação desta segunda-feira, 8 de março.

Em Lousada, distrito do Porto, também há relatos de que pessoas furaram a quarentena.

A região Norte é a mais afetada pelo novo coronavírus que já infetou mais de 100 mil pessoas em todo o mundo. Idães é o maior foco da doença, com 19 infetados e 200 em isolamento. O surto começou com um funcionário da empresa de calçado Fego-Fla, de Lousada, que esteve numa feira em Milão e manteve contacto com a população local.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. A solução para respeitarem a quarentena é entrar no bolso das pessoas, ou seja, quem não cumprir terá uma coima que irá de 1.000€ a 5.000€, com possível retenção de ordenado, só assim respeitaram. A potencial prisão … iria pôr em risco os presos “coitadinhos”, e teriam de ser nós a mantê-los.

      • Quando tiver alguma sugestão, opinião ou uma única ideia da sua autoria, sem se aproveitar dos comentários dos outros intervenientes para se exibir…….AVISE !…….. Definição de lorpa (Pateta- Simplório-Ingénuo-Tolo-Imbecil- Idiota-Boçal-Grosseiro). Escolheu um Pseudo que lhe cabe muito bem !…Vá ………tome a medicação!

  2. Sim claro que sim, depois enviam essas pessoas presas para o Parlamento ou S. Bento porque os presos das prisões vão ser todos emnviados para casa como já acontece no Irão e em parte na Itália

RESPONDER

Aprovado prolongamento do prazo para entrega de teses de mestrado e doutoramento

O parlamento aprovou esta segunda-feira uma proposta de aditamento ao OE2021 que permite que seja prorrogado até ao final do ano letivo o prazo de entrega e apresentação das teses de mestrado e doutoramento. “É prorrogado, …

Chinês de 105 anos quebra recorde do Guinness. É a pessoa mais velha do mundo a voar de parapente

Yu Te-Hsin, um homem chinês de 105 anos, quebrou o recorde do Guinness e tornou-se a pessoa mais velha a voar de parapente. Durante a passada primavera, Yu Te-Hsin, de 105 anos, foi fazer um piquenique …

5G. Altice Portugal avança com providência cautelar contra Anacom e duas queixas em Bruxelas

A Altice Portugal entregou, na sexta-feira, uma providência cautelar contra a Anacom e duas participações à Comissão Europeia, no âmbito do leilão do 5G. "A Altice Portugal já avançou, na passada sexta-feira, com uma providência cautelar …

Em 2022, embalagens descartáveis de refeições vão ter taxa de 30 cêntimos

O Parlamento aprovou, esta terça-feira, uma proposta do PAN para taxar em 30 cêntimos, a partir de 2022, as embalagens descartáveis para refeições usadas em serviços de entrega ao domicílio e take away. A proposta foi …

China declara que erradicou a pobreza extrema

A China declarou na segunda-feira que a pobreza extrema foi eliminada em todo o país, uma das bandeiras do Partido Comunista Chinês (PCC) para reduzir as desigualdades na sociedade. Nove condados, na província de Guizhou, foram …

Campanha anticorrupção. Presidente das Filipinas já despediu cerca de 800 funcionários

O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, despediu cerca de 800 funcionários governamentais por atividades ilegais, desde que iniciou o mandato em 2016, no âmbito de uma campanha anticorrupção. "Continuarei a perseguir todos os trabalhadores do governo …

Crónica ZAP - Nota Artística por Nuno Miguel Teixeira

Nota artística: vais trabalhar à 1h da manhã, mas vais contente

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/sacavenense-1-7-sporting-o-musical Eles sabem que, provavelmente, vão perder. Perderão, quase de certeza. Mas este é o jogo da vida deles. É o jogo em que eles demonstram ainda mais o amor pela camisola, o amor pelo jogo. …

Coligação negativa obriga Governo a fazer avaliação ambiental estratégica do novo aeroporto

O Governo terá de proceder, no próximo ano, a uma avaliação ambiental estratégica para o novo aeroporto de Lisboa, segundo duas propostas de alteração ao Orçamento do Estado para 2021 aprovadas, esta terça-feira, através de …

Companhia aérea australiana vai exigir vacinação contra a covid-19 a passageiros internacionais

A companhia aérea australiana Qantas vai exigir que os passageiros de voos internacionais sejam previamente vacinados contra a covid-19, anunciou o presidente executivo da empresa. O requisito de ser vacinado contra a covid-19 para viajar na …

Ministra da Saúde admite prémios para quem está a trabalhar na segunda vaga

A ministra da Saúde admitiu a possibilidade de virem a existir prémios para os profissionais de saúde que estão a trabalhar na área covid-19 nesta segunda vaga, à semelhança do que vai acontecer para os …