Covid-19. Pena de prisão até cinco anos para quem furar a quarentena

Os portugueses que não cumprirem o isolamento pedido pela Direção-Geral da Saúde (DGS) para travar a transmissão do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19) arriscam incorrer num crime de propagação de doença, cuja pena de prisão pode ir até aos cinco anos.

A moldura penal para este crime é relembrada esta quarta-feira pelo Jornal de Notícias, que ouviu vários especialistas.

“O Código Penal estabelece uma punição para a difusão voluntária de doenças (…) A partir do momento em que existe um aviso das autoridades para as pessoas ficarem resguardadas, confinadas às suas casas, e se comprovar que há um incumprimento da medida para travar a doença e até a possam estar a difundir, é normal que essas pessoas possam vir a ser sancionadas”, disse ao matutino o o juiz desembargador Eurico Reis.

Existe alguma “flexibilidade das medidas administrativas”, para que “não se imponha a lei de forma desproporcionada contra a realidade” e para que as pessoas afetadas possam,”a título excecional, ir comprar alimentos, com máscaras e luvas”.

Ainda assim, frisa, “há uma obrigação moral destas pessoas ficarem em casa”.

Luísa Neto, do Conselho de Saúde Pública e docente da Faculdade de Direito da Universidade do Porto, disse ao Jornal de Notícias que “não há problemas de constitucionalidade na imposição destas medidas”.

“Apesar de quem tem uma visão restritiva da Constituição achar que o isolamento só pode acontecer em casos de internamento psiquiátrico compulsivo, há outros artigos da Constituição que permitem decisões de isolamento“, considerou.

“A quarentena não é sinónimo de férias”

A Câmara de Felgueiras reportou às autoridades de saúde locais e nacional que teve conhecimento de relatos que davam conta que algumas pessoas que tinham a indicação para permanecer em isolamento não o estavam a cumprir.

No Facebook, a Junta de Freguesia de Idães/Barrosas, neste concelho, fez um alerta à população, dizendo que eventuais incumprimentos iam ser reportados às autoridades. “Respeitem! A quarentena não é sinónimo de férias nem de passeios na vila. Resguardem-se”, pode ler-se na publicação desta segunda-feira, 8 de março.

Em Lousada, distrito do Porto, também há relatos de que pessoas furaram a quarentena.

A região Norte é a mais afetada pelo novo coronavírus que já infetou mais de 100 mil pessoas em todo o mundo. Idães é o maior foco da doença, com 19 infetados e 200 em isolamento. O surto começou com um funcionário da empresa de calçado Fego-Fla, de Lousada, que esteve numa feira em Milão e manteve contacto com a população local.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. A solução para respeitarem a quarentena é entrar no bolso das pessoas, ou seja, quem não cumprir terá uma coima que irá de 1.000€ a 5.000€, com possível retenção de ordenado, só assim respeitaram. A potencial prisão … iria pôr em risco os presos “coitadinhos”, e teriam de ser nós a mantê-los.

      • Quando tiver alguma sugestão, opinião ou uma única ideia da sua autoria, sem se aproveitar dos comentários dos outros intervenientes para se exibir…….AVISE !…….. Definição de lorpa (Pateta- Simplório-Ingénuo-Tolo-Imbecil- Idiota-Boçal-Grosseiro). Escolheu um Pseudo que lhe cabe muito bem !…Vá ………tome a medicação!

  2. Sim claro que sim, depois enviam essas pessoas presas para o Parlamento ou S. Bento porque os presos das prisões vão ser todos emnviados para casa como já acontece no Irão e em parte na Itália

RESPONDER

Arqueólogos revelam condições horríveis de campo de concentração nazi no Reino Unido

Uma equipa de arqueólogos revelou as condições horríveis de um campo de concentração nazi em Alderney, a ilha britânica mais setentrional do Canal da Mancha, onde estavam prisioneiros políticos e trabalhadores forçados durante a Segunda …

Governo quer reabrir ensino secundário a 4 de maio. Telescola deve arrancar depois da Páscoa

O Governo está a preparar a reabertura das escolas apenas para o ensino secundário para 4 de maio. Ainda falta ouvir a Direção-geral da Saúde, os especialistas, o Conselho Nacional de Educação e o Conselho …

“Não há razão para alarme”. Governo quer perdoar penas até dois anos e antecipar liberdade condicional

A proposta de lei do Governo que estabelece um regime excecional para as prisões, no âmbito da pandemia covid-19, já deu entrada na Assembleia da República, podendo ser consultada na página oficial do Parlamento. No diploma, …

O nosso cérebro evoluiu para acumular mantimentos (e julgar os outros por fazer o mesmo)

O nosso cérebro evoluiu de uma forma que, em situações de stress, acumulamos mantimentos e julgamos os outros por fazer exatamente o mesmo. Os media estão repletos de histórias – e a condenação – de pessoas que …

Autarca de Vieira do Minho denuncia: testes estão a ser desviados para Lisboa

O Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Gerês/Cabreira, Vieira do Minho, detetou 77 infetados pelo novo coronavírus, com os autarcas da área a reclamarem contra a demora na distribuição de testes, disse esta sexta-feira à …

Trump recomenda uso de máscaras (mas recusa-se a usá-las)

Esta sexta-feira, os Estados Unidos tiveram, pelo quarto dia consecutivo, o maior número de mortes em 24 horas, num total de 1.094, e contam com quase 30 mil novos casos. No seu briefing diário, de acordo …

A Antártida já foi uma floresta tropical

A Antártida pode ter sido o lar de ecossistemas quentes e pantanosos cercados por fetos e árvores coníferas há 90 milhões de anos, altura marcada pelo auge dos dinossauros. Uma análise do solo antigo extraído da …

Algumas estrelas têm "veneno" dentro de si (e é por isso que explodem)

Algumas estrelas têm um "veneno" dentro de si: o elemento néon no núcleo das estrelas pode desencadear uma reação química que leva a uma morte definitiva e explosiva. Estrelas menos massivas, como o nosso Sol, expandem-se …

Criada tecnologia que traduz pensamentos diretamente em texto

Uma equipa de investigadores diz ter criado um sistema capaz de traduzir sinais cerebrais diretamente em texto escrito. Este é um passo promissor para que no futuro seja possível escrever num computador apenas com o …

Desaparecimentos, mistérios e lendas. O Triângulo do Alasca pode ser mais perigoso do que o das Bermudas

Milhares de pessoas desaparecem todos os anos no estado norte-americano do Alasca, fazendo lembrar as histórias do Triângulo das Bermudas, onde aviões e navios desapareceram sem deixar rastro. De acordo com a revista The Atlantic, três …