Coronavirus chegou a Espanha. Caso do S.João deu negativo

Está confirmado o primeiro caso de coronavírus em Espanha. Trata-se de um homem de nacionalidade alemã

O primeiro caso confirmado de coronavírus em Espanha é uma das cinco pessoas que estavam em observação em La Gomera depois de terem estado em contacto, na Alemanha, com um doente infectado com o 2019-nCoV.

De acordo com o El País, o protocolo de segurança foi ativado após um alerta do Ministério da Saúde para a localização de dois turistas que tinham estado em contacto com o paciente infetado. O protocolo foi entretanto estendido a outras três pessoas com quem os dois turistas tinham estado em contacto.

Segundo o ministério da Saúde de Espanha, o paciente está internado e encontra-se em quarentena no Hospital Nossa Senhora de Guadalupe, nas lhas Canárias.

Até agora, quer as cinco amostras provenientes das Canárias, quer outras 12 antes analisadas pelo Centro Nacional de Microbiologia do Instituto de Saúde Carlos III, tinham dado resultados negativos para o 2019-nCoV.

Caso suspeito de coronavírus no Porto é negativo

O resultado das análises laboratoriais no caso da pessoa suspeita de infeção por coronavírus em observação no Hospital São João, no Porto, foi negativo, disse à agência Lusa uma fonte do Serviço Nacional de Saúde.

O homem, de nacionalidade estrangeira e que se encontrava na zona de Felgueiras, distrito do Porto, foi levado na sexta-feira, ao hospital de São João com infeção respiratória. O período de incubação do vírus é de 14 dias e o homem regressou da China no dia 22 de janeiro, onde teria contactado uma pessoa supostamente infetada pelo 2019-nCoV.

Com este resultado negativo, Portugal mantém-se sem registo oficial de qualquer pessoa infetada por coronavírus. Uma primeira suspeita, envolvendo um homem regressado da China em 25 de janeiro e observado no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, foi afastada no dia seguinte, também após realização de exames.

A DGS pediu a quem regresse de Wuhan ou de outras regiões afetadas na China e que apresente febre, tosse ou dificuldades respiratórias que contacte o SNS24 – 808 24 24 24.

Numa orientação divulgada na quinta-feira à noite, a DGS informou que os casos suspeitos de coronavírus detetados em Portugal devem ser colocados numa área de isolamento e os profissionais que os detetem devem usar equipamentos de proteção individual.

No entanto, a DGS ainda não decidiu o que vai fazer com cidadãos que vão chegar de Wuhan. Em conferência de imprensa esta sexta-feira, em Lisboa, a Diretora Geral da Saúde, Graça Freitas, explicou que há vários protocolos em cima da mesa, que a DGS já pediu a opinião a vários especialistas e e seguirá a opção que for mais consensual.

“Tudo o que sabemos é que os passageiros vão chegar numa determinada hora e determinado dia a um aeroporto em França. O Ministério dos Negócios Estrangeiros está a gerir esta operação que é de imensa complexidade, pelos muitos contornos que tem, inclusivamente diplomáticos”, explicou Graça Freitas.

“O rastreio vai ser feito de uma de duas formas, com inquérito epidemiológico ou com análises”, acrescentou Graça Freitas, esclarecendo que o rastreio laboratorial pode não ser 100% conclusivo se a pessoa em questão estiver no período de incubação.

Número de mortos aumenta para 259

O número de vítimas mortais devido ao novo coronavírus, detetado na cidade de Wuhan, na província de Hubei, na China, aumentou hoje para 259, anunciaram as autoridades de Pequim. Segundo a AP, o número de pessoas infetadas subiu para 11.791.

Este surto de pneumonia provocado por um novo coronavírus (2019-nCoV) foi detetado no final do ano em Wuhan.

Além do território continental da China e das regiões chinesas de Macau e Hong Kong, há mais de 50 casos de infeção confirmados em 24 outros países, com as novas notificações na Rússia, Suécia e Espanha.

Os sintomas associados à infeção causada pelo novo coronavírus são mais intensos do que uma gripe e incluem febre, dor, mal-estar geral e dificuldades respiratórias, como falta de ar. Na quinta-feira, a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou uma situação de emergência de saúde pública de âmbito internacional (PHEIC) por causa do surto do novo coronavírus na China.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

França investe oito mil milhões de euros para aumentar profissionais de saúde

O Governo francês anunciou, esta segunda-feira, que vai disponibilizar quase oito milhões de euros para que os profissionais de saúde possam ter aumentos salariais.  De acordo com a rádio Renascença, a medida foi anunciada pelo novo …

Máscaras e luvas usadas para proteger contra covid-19 enchem rios europeus

Os principais rios da Europa estão cheios de máscaras cirúrgicas e luvas médicas descartadas por pessoas que utilizaram estes equipamentos para se protegem contra o novo coronavírus, denunciaram cientistas. Segundo noticiou na segunda-feira a agência AFP, …

Dez milhões de crianças "podem nunca voltar à escola" após coronavírus

A pandemia de coronavírus causou uma "emergência educacional sem precedentes", com 9,7 milhões de crianças afetadas pelo encerramento de escolas em risco de nunca voltar às aulas, alertou na segunda-feira a Organização Não Governamental (ONG) …

Nos Estados Unidos, há uma máquina obsoleta a dificultar a resposta à pandemia. Chama-se fax

O facto de vários departamentos de saúde pública norte-americanos ainda utilizarem o fax para trocarem informação com hospitais, centros de saúde e laboratórios que realizam testes de deteção do novo coronavírus é um grande problema …

Uber passa a estar disponível em todo o país

A plataforma de transporte pode, a partir desta terça-feira, ter operadores em todo o território nacional, considerando ser um passo importante num contexto em que o turismo interno ganha relevância, no âmbito da pandemia da …

Profissionais do SNS já trabalharam oito milhões de horas extra no primeiro semestre

No primeiro semestre de 2020, contam-se mais 1,2 milhões de horas suplementares trabalhadas, sendo que só em maio a subida foi superior a 471 mil. Segundo o Jornal de Notícias, nos primeiros seis meses deste ano, …

Rui Moreira diz que não é possível prevenir festejos de adeptos do FC Porto

O presidente da Câmara Municipal do Porto disse, esta terça-feira, não ser possível tomar medidas de prevenção em relação a possíveis festejos de adeptos do FC Porto pela conquista do título, pedindo apenas que se …

Mulher assintomática provoca surto de 71 infetados na China. Bastou entrar sozinha num elevador

A passagem de uma mulher infetada com covid-19, mas assintomática, por um elevador de um edifício habitacional na China deu origem a um surto de 71 contagiados. De acordo com o estudo publicado pelo Centro de …

Detido em França um dos pedófilos da "darknet" mais procurados do mundo

A polícia francesa prendeu um suspeito de gerir portais na "darknet" que permitiram a "milhares de internautas de todo o mundo ter acesso a fotografias ou vídeos de caráter pedopornográfico", anunciou, esta segunda-feira, o Ministério …

Mais seis mortes e 233 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta terça-feira, mais seis mortes e 233 novos casos de infeção por covid-19 em relação a segunda-feira. Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS), dos 233 novos casos, 143 são na região …