Corbyn quer eleições (e vai adiar o Brexit se as vencer)

andymiah / Flickr

O líder do Partido Trabalhista britânico, Jeremy Corbyn

Num discurso em Wakefield, sobre a estratégia do Labour para a saída do Reino Unido da União Europeia, Corbyn estabeleceu como prioridade chumbar o acordo da primeira-ministra e marcar eleições de seguida.

Apesar de reconhecer que quer propor uma moção de censura ao executivo conservador de May, o trabalhista preferiu esconder o jogo – não disse quando o faria. “A nossa prioridade terá de ser convocar uma eleição. Não só é a opção mais prática, como é também a mais democrática”, insistiu.

Jeremy Corbyn pôs um travão aos anseios de uma fatia alargada do Partido Trabalhista, que quer acelerar a apresentação de uma moção de censura ao Governo de Theresa May e quer ouvir o líder defender um segundo referendo ao Brexit.

Cornyn, contudo, admite que poderá ser necessário adiar a data de saída, para poder sentar-se à mesa com Bruxelas, escreve o Público.

May teve duas derrotas no Parlamento em dois dias: viu os deputados limitarem a ação do Governo num cenário de divórcio sem acordo e reduzirem, de 21 para três dias, o tempo disponível para apresentar o seu plano B para o Brexit, se o plano A for chumbado.

Face à oposição dentro e fora da aliança parlamentar entre o Partido Conservador e o Partido Unionista Democrático, tudo aponta para uma terceira derrota, mais estrondosa na terça-feira, quando o acordo for apresentado na Câmara dos Comuns.

Corbyn pautou-se pela ambiguidade. Por um lado, desafiou May a convocar eleições e assegurou que se a primeira-ministra não o fizer, o Labour avança para a censura. Mas por outro, disse que essa movimentação só ocorrerá “no momento em que o partido entender que terá melhores hipóteses de sucesso”.

“É óbvio que não temos deputados suficientes para ganhar uma moção sozinhos. Por isso precisamos que os restantes membros da câmara votem connosco, para acabarmos com o impasse”, justificou.

Apesar de Bruxelas já ter repetido que o acordo na mesa é o único que está disposta a oferecer, Corbyn continua convicto de que é possível rever os termos do Brexit. Uma possibilidade que, defende, está ao alcance do vencedor das eleições, que receberá “um mandato renovado para negociar um acordo melhor para o Reino Unido”.

Com a saída da UE agendada para 29 de março, resta pouco tempo para pôr em prática o plano de Corbyn. Questionado sobre o calendário apertado em que pretende ter uma moção, uma eleição, uma renegociação do acordo e um divórcio, o trabalhista acabou por admitir: um Governo liderado por si teria de pedir aos 27 Estados-membros a extensão do prazo definido pelo artigo 50º do Tratado da UE e adiamento da data de saída.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E no final caso vença vai fazer as pazes com os nossos guarda-costas europeus e exigir-lhes ainda mais regalias e descompromissos do que aqueles que tinham anteriormente e nós cá deste lado do continente vamos achar muita graça como os ingleses conseguem sempre ludibriar estes nossos atentos protectores. Será que ainda vamos ter a libra como moeda, conduzir à esquerda e inglês como língua única?

RESPONDER

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …

Chega apresenta oito candidatos para o distrito do Porto. Ventura acredita que vai ter "grande resultado"

O líder do Chega anunciou este sábado oito candidatos às próximas eleições autárquicas no distrito do Porto, onde André Ventura acredita que o partido vai ter "um grande resultado". "Fizemos esta deslocação ao Porto para anunciar …