Já há mais britânicos contra o Brexit do que a favor

Sean Dempsey / EPA

A três meses da data prevista para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem conclui que a maioria da população britânica é a favor da permanência na UE.

De acordo com a sondagem realizada pela empresa YouGov junto de 25 mil eleitores, se agora fosse realizado um referendo, 46% votariam a favor da permanência, 39% a favor da saída e os restantes não saberiam, não votariam ou simplesmente não quiseram responder a essa questão.

Quando estes últimos são retirados da amostra, a proporção passa para 54% a favor da permanência na UE e 46% a defender o Brexit, adianta a agência Reuters.

O inquérito, encomendado pela campanha People’s Vote – que defende um novo referendo -, mostra a polarização dos eleitores britânicos em relação ao Brexit, já visível em outras sondagens realizados nos últimos meses, com uma tendência ténue a favor da permanência na UE – ao contrário do referendo de 2016, que deu a vitória à saída do Reino Unido da UE, com 52% dos votos.

Embora a primeira-ministra Theresa May seja contra um novo referendo, 41% dos britânicos não concordam e querem ter uma nova palavra a dizer. Apenas 36% acreditam que o Brexit deve ser votado no Parlamento e, se os indecisos forem removidos da amostra, a divisão é de 53% contra 47%.

Theresa May não tem conseguido obter a aprovação dos deputados para aprovar o acordo sobre o Brexit no Parlamento, o que levanta questões sobre a possibilidade de fechar um acordo e sobre as consequências e riscos que isso poderá trazer.

May alerta para “território desconhecido”

A primeira-ministra britânica advertiu no domingo que o Reino Unido entrará num “território desconhecido” se o parlamento recusar este mês o acordo do Brexit a que chegou com a União Europeia.

A chefe do Governo confirmou numa entrevista que tenciona submeter o acordo a votação durante a terceira semana de janeiro, uma votação que em dezembro tinha adiado devido à falta de maioria parlamentar que o apoie.

“Se o acordo não for aprovado vamos entrar num território desconhecido. Não acredito que alguém possa dizer exatamente o que ocorreria, em termos da reação que veríamos no parlamento”, defendeu a primeira-ministra.

May insistiu que espera nos próximos dias obter novas garantias pela parte da UE que outorguem “confiança” aos críticos do pacto de que o mecanismo de salvaguarda para evitar uma fronteira da Irlanda do Norte não se converta em permanente.

A primeira-ministra britânica insistiu que é contrária à convocatória de um segundo referendo, defendendo que seria uma “falta de respeito” face ao resultado da consulta de junho de 2016, na qual 51,9% dos votantes optaram pela saída da UE.

May também sublinhou que não há tempo para organizar um referendo antes de 29 de março e que por isso essa opção obrigaria a adiar o Brexit.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A "Chernobyl flutuante" chegou finalmente à sua base na Rússia

A central nuclear flutuante Akadémik Lomonósov, a única deste tipo em todo o mundo, chegou, no fim de semana passado, ao porto de Pevek, na região oriental de Chukotka, no extremo norte da Rússia, onde …

A Terra tem um terceiro pólo (e está a derreter)

https://vimeo.com/360314209 Situado na plataforma tibetana a 6740 metros de acima do nível do mar, os glaciares no sopé da cadeia montanhosa Meili já perderam um quarto do gelo desde 1970 - e o pior está para …

Sinéad O’Connor acusa Prince de ter “batido em várias mulheres” e de a ter tentado agredir

A cantora Sinéad O’Connor fez revelações duras sobre Prince no programa da estação televisiva britânica ITV, Good Morning Britain. Segundo a cantora e compositora irlandesa, o músico Prince, que morreu em 2016 por overdose, terá agredido …

Ex-funcionária da Google alerta para a produção de robôs assassinos que podem despoletar uma guerra

A Google pediu a Laura Nolan para reforçar os drones militares dos EUA. Recusou e demitiu-se. Agora, alerta para o perigo destas armas que podem originar uma guerra. Cerca de um ano depois de se ter …

Boris Johnson comparou o Reino Unido ao Hulk (e ele não gostou)

Há 12 anos que o ator Mark Ruffalo encarna Hulk, uma das mais célebres personagens da Marvel, no cinema. Agora, decidiu pronunciar-se sobre o Brexit, depois de Boris Johnson ter evocado Hulk. Para o primeiro-ministro, o …

Família encontrou mais de 2.200 fetos preservados em casa de médico norte-americano

Uma família encontrou mais de 2.200 fetos preservados na casa de um médico norte-americano que morreu no início deste mês. O The Guardian avançou este domingo que uma família encontrou 2.246 fetos preservados em casa de …

Mais plástico e menos peixe. Explorador britânico teme pelo mar português

Farto de ver cada vez mais plástico e menos peixe no oceano, o veterano explorador e documentarista britânico Paul Rose defende que Portugal deve criar mais áreas marinhas protegidas. Paul Rose, que mergulha desde os anos …

Há 10 anos, Banksy pintou chimpanzés no Parlamento inglês. Agora, o quadro vai a leilão

Em 2009, o artista de rua conhecido como Banksy pintou uma enorme tela a óleo do parlamento inglês, mas em vez de deputados os tribunos eram chimpanzés. Banksy pintou o quadro, com quatro metros de comprimento, …

Tempestade em Espanha derrubou palmeira que era Património da Humanidade

A queda de "La Centinela", a árvore mais alta do conjunto que a Unesco classificou como Património da Humanidade desde 2000, está entre os danos materiais causados pela passagem da "gota fria" - um fenómeno …

Dador de esperma teve 12 filhos com autismo (e foi processado)

Danielle Rizzo tem dois filhos autistas, um com seis anos e outro com sete. Ambos foram concebidos com recurso a um dador anónimo. Há três anos, Rizzo descobriu que estes fazem parte de uma "família" …