Cerca de 200 turistas ingleses desrespeitam quarentena e saem de estância de esqui na Suíça

Cerca de 200 turistas britânicos, que estavam obrigados a cumprir uma quarentena de dez dias numa estância de esqui na localidade suíça de Verbier, fugiram clandestinamente durante a noite, foi divulgado esta segunda-feira.

Estes cerca de 200 turistas britânicos fazem parte de um grupo de 420 abrangidos pelas medidas de quarentena impostas pelo Governo da Suíça aos viajantes do Reino Unido, após o surgimento naquele país de uma nova variante do vírus da covid-19, segundo noticia a agência AFP.

Os turistas encontram-se a cumprir quarentena na estância de esqui de Verbier, situada na comuna de Bagnes, um destino muito popular entre os britânicos.

Segundo explicou o responsável de comunicação da comuna de Bagnes, Jean-Marc Sandoz, a partir da implementação destas restrições, em 14 de dezembro, alguns turistas britânicos decidiram regressar ao Reino Unido, mas outros acabaram por permanecer na estância de esqui de Verbier.

“Não se pode culpá-los. Para a maioria, a quarentena era insustentável. Imagine moverem-se quatro pessoas num quarto de hotel de 20 metros quadrados”, justificou.

Jean Sandoz referiu que a fuga dos turistas britânicos só foi detetada após o pessoal do hotel ter reparado que os tabuleiros de refeição permaneciam intactos.

A nova variante do coronavírus SARS-CoV-2 identificada no Reino Unido, apresentada como mais contagiosa e que está a inquietar o mundo, já está a circular em vários países e territórios, dentro e fora da Europa.

A variante inglesa do vírus já foi também detetada, pelo menos, nos Países Baixos, na Alemanha, França, Espanha, Japão, Suécia, Itália, Canadá, Noruega e Coreia do Sul. Também já foi detetada a nova variante do coronavírus na ilha da Madeira.

Mais de 50 países impuseram restrições nas viagens para o Reino Unido. Além disso, a proibição da ligação do Canal da Mancha já provocou problemas no porto de Dover e gerou receios de, em breve, haver escassez de alimentos nos supermercados do Reino Unido devido à suspensão das cadeias de abastecimento.

ZAP ZAP // Lua

PARTILHAR

RESPONDER

“É como ser queimado com ácido quente“. Planta venenosa australiana causa dores que podem durar anos

Os "cabelos" da planta gympie-gympie causam uma picada tão tóxica que a dor pode durar anos. Esta pode ser encontrada nas florestas australianas. A gympie-gympie, ou dendrocnide moroides, é um tipo de arbusto que recebe o …

Sporting 1-1 Famalicão | Leão volta a tremer e vê Porto a 6

Segundo empate consecutivo do Sporting na Liga NOS, e pelo mesmo resultado, 1-1. Na recepção ao Famalicão, o líder do campeonato começou bem, marcou, mas sofreu um golo de imediato e nunca mais se encontrou …

Arqueólogos descobrem túnel medieval na Polónia. Tinha restos mortais de 18 carmelitas

Uma equipa de arqueólogos descobriu um cemitério medieval onde estava sediado um mosteiro do século XIV. No local foi ainda encontrado um túnel com dezoito esqueletos de padres carmelitas. A descoberta ocorreu em Jaslo - uma …

Militantes apoiados pelo Al-Qaeda defendem uso de mel contra a covid-19

O Al-Shabaab, um grupo rebelde islâmico apoiado pela Al-Qaeda, apela ao boicote à vacina da AstraZeneca contra a covid-19. A alternativa é "cominho preto e mel". A vacina da AstraZeneca não está apenas a levantar preocupações …

Em menos de um ano, a polícia foi chamada a intervir pelo menos nove vezes na mansão dos Sussex

A vida nos Estados Unidos não tem sido fácil para os duques de Sussex. No último ano, a polícia da Califórnia foi chamada pelo menos nove menos à mansão onde o casal habita desde que …

Rivalidade entre China e Índia é obstáculo à maior aproximação entre os BRICS, diz especialista

Apesar de os BRICS representarem "o tipo de relações entre países que queremos no século XXI", a rivalidade entre a Índia e a China ainda é um obstáculo a uma maior integração, dizem os especialistas. Na …

Variante sul-africana pode resistir à Pfizer. China pondera misturar vacinas

A variante do coronavírus descoberta na África do Sul pode "romper" a vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech até certo ponto, concluiu um estudo em Israel, embora a sua prevalência no país seja baixa e …

Rússia garante que não haverá guerra com Ucrânia. EUA desconfiam e prometem consequências

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, descartou este domingo a possibilidade de uma guerra com a Ucrânia, depois de Kiev ter manifestado preocupação com o reforço de tropas russas nas suas fronteiras. “Ninguém está a embarcar …

Inspetores do SEF rejeitam extinção sem aval do Parlamento (e dizem estar em causa o Espaço Schengen)

O sindicato dos inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) rejeitou este domingo a extinção daquele organismo sem a aprovação formal da Assembleia da República e considerou que está em causa a permanência de …

Testes rápidos registaram maior número de sempre. APED defende venda nos super e hipermercados

O recurso a testes rápidos de antigénio à covid-19 está a aumentar em Portugal, tendo atingido o maior número a 7 de abril, com mais de 34 mil realizados nesse dia, segundo dados do Instituto …