Bloco irritado. Governo adia mudanças nos recibos verdes para 2019

Tiago Petinga / Lusa

Catarina Martins

Além de adiar a entrada em vigor do novo regime dos recibos verdes para 2019, a proposta do Governo ignora ainda algumas das propostas do Bloco de Esquerda.

Segundo o Público, apesar de as mudanças no regime dos recibos verdes estarem prometidas desde 2015, o Governo voltou a adiar o novo regime que só deverá entrar em vigor em janeiro de 2019.

O jornal escreve que este novo prazo, previsto num documento do Ministério do Trabalho, deixou “o Bloco de Esquerda em polvorosa”, partido que exige ao Executivo que as novas regras entrem em vigor já no início de 2018, mesmo que seja necessário definir um período transitório de três meses ou um pouco mais.

A nova data é justificada pelo Governo com base na “extrema complexidade associada à operacionalização do novo regime e à necessidade, não só, de assegurar a respetiva entrada em vigor sem constrangimento e sem problemas, mas também de promover um período alargado de divulgação e clarificação do novo regime”, cita o diário.

“Evidentemente que o novo regime não pode entrar em vigor de um dia para o outro, porque implica a adaptação dos serviços e do sistema informático, mas esse trabalho já devia estar feito”, afirma José Soeiro, responsável do BE pela área da Segurança Social, em declarações ao Público.

Além de adiar a entrada em vigor das novas regras, a proposta do Executivo mantém a taxa contributiva dos trabalhadores independentes nos 29,5%; não revê as isenções; mantém as restrições no acesso ao subsídio de desemprego e não altera o conceito de entidade contratante.

O compromisso é fazer um novo regime e não um remendo temporal ao regime, reduzindo apenas o período de referência para o apuramento do rendimento relevante”, critica Soeiro. “Não seria aceitável que o compromisso ficasse pelo caminho”, conclui.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Pois as antes das eleições promessa não faltam. As eleições já foram e estão na mó de cima toca a retirar o que anteriormente tinham anunciado. Típico destas politicos…!!

  2. O que o Bloco de Esquerda propõe e quer fazer valer irá prejudicar milhares de “falsos” trabalhadores independentes que para poderem receber algumas centenas de euros por ano executando trabalhos em áreas de dança,canto,teatro,etc. obrigam-nos a passarem recibos verdes como “prestação de serviços”.
    A maior parte destes “artistas” descontam para a segurança social como trabalhadores dependentes e agora ficam isentos de fazerem descontos para a SS sobre estes valores.
    Ora o bloco quer que também aqui se façam descontos para a segurança social.Se isso acontecer haverá milhares destes trabalhadores que vão ficar muito prejudicados.Já basta este pouco rendimento agravar o IRS.O partido socialista “empurra” este assunto porque sabe que pode perder muitos votos e não arrisca.

  3. Porque o estado não financia, os descontos do recibos verdes! Para segurança social além que os próprios ja descontao? Para de futuro tenhao o minimo de sobrevivência.

RESPONDER

Grande carruagem cerimonial descoberta quase intacta em Pompeia

Uma grande carruagem cerimonial de quatro rodas, com elementos de ferro, decorações de bronze e estanho, restos de madeira mineralizada e vestígios de elementos orgânicos, como cordas, foi encontrada quase intacta na área arqueológica de …

FC Porto 0-0 Sporting | Nulo com sabor a vitória para o "leão"

O “clássico” do Dragão, entre FC Porto e Sporting, terminou sem golos, sem grande futebol, e com um “leão” cada vez mais perto do título, apesar de ainda faltar muito campeonato.  A igualdade permite à formação …

Adolesceste entusiasta por pirotecnia construiu o seu próprio simulador profissional de fogos de artifício

O FWsim foi lançado pela primeira vez em 2010 como um software de planeamento de fogos de artifício, voltado para profissionais de pirotecnia e entusiastas de fogos de artifício. Em 2006, conta o Vice, Lukas Trötzmüller …

Pela primeira vez em 45 anos, uma casa vitoriana "flutuou" pelas ruas de San Francisco

A manhã de 21 de fevereiro em San Francisco, nos Estados Unidos, foi um pouco diferente do normal: uma casa vitoriana passou a "flutuar" pelas ruas da cidade. De acordo com o BuzzFeed News, uma equipa …

Nação Cherokee pede à Jeep que deixe de usar o nome da tribo nos seus carros

"É hora de a Jeep reconsiderar chamar os seus SUVs Cherokee e Grand Cherokee". Pela primeira vez, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para parar de usar o seu nome nos seus …

PCP quer apoios a 100% para pais "imediatamente e com efeitos retroativos"

O secretário-geral do PCP pediu ao Governo, este sábado, apoios a 100% para os trabalhadores que estão em casa com os filhos, pagos "imediatamente e com efeitos retroativos", e defendeu um plano de desconfinamento "setor …

Naufrágio grego que levava partes do Partenon está a revelar os seus segredos

A última expedição de mergulhadores ao navio grego Mentor, que naufragou perto da ilha Citera em 1802, recuperou várias peças do cordame, moedas, a sola de couro de um sapato, uma fivela de metal, uma …

Chega vai reagir "muito veementemente" na rua à tentativa de ilegalização

O líder do Chega disse, este sábado, que o partido vai responder "muito veementemente" e com "presença na rua", já em março, à tentativa de ilegalização da estrutura promovida por Ana Gomes. "Quero deixar claro aqui, …

Procura-se candidato para dormir. Site oferece 1650 euros e uma noite num resort

Este pode ser, literalmente, um emprego de sonho: fazer dinheiro enquanto se dorme, incluindo uma noite num resort de 5 estrelas. O site Sleep Standards, que se dedica a dar informação sobre pesquisas e produtos relacionados …

Catarina Martins faz apelo a Costa. "Moratórias têm de ser estendidas já"

A coordenadora do Bloco de Esquerda fez um apelo direto ao primeiro-ministro, este sábado, para que não espere que "seja tarde demais" e decida já estender as moratórias, evitando assim uma vaga de despejos e …