Valas no Irão para enterrar vítimas do Covid-19 visíveis do espaço. Madrid tem aumento galopante de casos

Em Qom, no Irão, foram escavadas duas valas para sepultar as vítimas mortais de Covid-19. Essas valas são visíveis do espaço e revelam que o número de mortos é superior ao divulgado pelas autoridades. Entretanto, enquanto o número de infetados estabiliza na Coreia do Sul, em Madrid o aumento é galopante.

Segundo noticiou o Washington Post, citado pelo Observador, há duas semanas as autoridades terão começado a escavar duas valas com vários metros de comprimento, no maior cemitério de Qom, cidade xiita com 1,2 milhões de habitantes, que fica a cerca de 180 quilómetros de Teerão, onde surgiram os primeiros dois casos de infeção no país.

Essas valas, indicaram especialistas referidos pelo Washington Post, destinam-se a sepultar o número crescente de vítimas mortais do Covid-19 na região.

A dimensão das valas e a velocidade com que foram feitas sugerem que as autoridades não têm realizado os rituais fúnebres tradicionais, com a presença de familiares no local e com os enterros feitos em parcelas de terreno individuais, indicou um analista da Maxar Technologies, empresa do Colorado responsável pelas imagens de satélite.

https://twitter.com/DDaltonBennett/status/1238111630073958403

O Washington Post comparou imagens de satélite do terreno captadas em outubro com fotografias das semanas que sucederam ao início do surto no país, com os primeiros casos descobertos a 19 de fevereiro.

A 03 de março, a BBC divulgou um vídeo de corpos a serem sepultados no cemitério de Qom. “Esta é a secção das vítimas do coronavírus”, afirmou o narrador. “Até agora, mais de 80 [pessoas] foram enterradas nesta secção, e eles só falam em 34 mortes”.

Num outro vídeo, supostamente gravado no mesmo cemitério a 03 de março, quando as autoridades davam conta de de 77 mortes e duas mil pessoas infetadas, o narrador referiu: “Um trabalhador disse-me que já deve ter enterrado mais de 250 vítimas do coronavírus até agora”. “Isto é tudo sepulturas e são recentes. São todas dos últimos dias”.

Deste o início do surto que o Irão é apontado por não revelar a real dimensão do vírus no país. O balanço mais recente, divulgado na quinta-feira, aponta para mais de 10 mil casos confirmados e 429 mortes.

Número de casos diários desce na Coreia do Sul

A Coreia do Sul registou na quinta-feira, pelo segundo dia consecutivo, o menor número de novos casos diários de coronavírus em quase três semanas, 110, elevando o número de infetados para 7.979. Desse total, 7.402 são casos ativos, depois de 510 pacientes terem recebido alta hospitalar. O número de vítimas mortais é de 67.

Das 110 novas transmissões, 63 voltou a ser associada ao foco principal do país (88% dos casos), a cidade de Daegu (a cerca de 230 quilómetros da capital, Seul) e na província de Gyeongsang do Norte, indicou o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças Contagiosas.

No entanto, Gyeongsang do Norte não registou novos casos pela primeira vez desde 19 de fevereiro, da mesma forma que Daegu, onde vivem 2,4 milhões de pessoas, somou o menor número de infeções diárias desde 22 de fevereiro.

A Coreia do Sul está a realizar 18 mil testes por dia e é o país no mundo que mais análises efetua: 4.700 por milhão de habitantes. Embora os números apontem para uma estabilização da epidemia no país, após três semanas de esforços, as autoridades dão conta de pequenos surtos de infeção comunitária, especialmente em Seul.

Aumento galopante em Madrid

Ao contrário do que está a acontecer na Coreia do Sul, em Madrid, Espanha, houve um aumento galopante de novos casos de pessoas infetadas. Há quase dois mil infetados e 40 mortes relacionadas com a doença, revelou o Diário de Notícias.

Segundo o Mundo, o país já conta com mais de 3000 infetados e todas as comunidades encerraram as escolas, com a bolsa espanhola a colapsar. Crescem as recomendações médicas para que os cidadãos permaneçam em casa e não alastrem a doença, que já causou 86 mortes no país.

Ruiz Escudero, delegado de saúde de Madrid, disse ao esRadio, citado pelo Mundo, que a situação da pandemia na região é “muito preocupante”. Os Mossos d’Esquadra estão esta sexta-feira a controlar os acessos aos municípios em isolamento: Igualada, Vilanova del Camí, Santa Margarida de Montbui e Òdena.

Maxim Shipenkov / EPA

Entretanto, Alicante tornou-se a primeira cidade a suspender as procissões e outros eventos relacionados com a Semana Santa. Foi também encerrada a fronteira de Melilha, com o governo espanhol a recomendar a todos os cidadãos de Marrocos que regressem à cidade o mais rápido possível.

Canadá. Mulher do primeiro-ministro com coronavírus

O governo do Canadá informou na quinta-feira que Sophie Gregoire Trudeau, mulher do primeiro-ministro Justin Trudeau, foi diagnosticada com o coronavírus. A primeira-dama regressou de Londres com sintomas de gripe e foi submetida a exames, revelou a agência France-Presse.

Antes do anúncio do contágio da esposa, o primeiro-ministro informou que pretendia trabalhar a partir de casa nos próximos dias. “Embora não sinta nenhum sintoma, o primeiro-ministro optou por trabalhar em casa em auto-isolamento como precaução até que os resultados (da sua mulher) sejam conhecidos”, indicou num comunicado.

O presidente e a vice-primeira-ministra do Canadá, Chrystia Freeland, vão conversar por telefone com os líderes provinciais para “considerar ações coletivas para limitar a disseminação do Covid-19 e proteger os canadianos”.

O coronavírus infetou mais de 150 pessoas no Canadá e provocou uma morte desde o início da pandemia.

Com 13 casos no território, o Quebec anunciou uma medidas para impedir a propagação na província, pedindo aos viajantes que regressam do exterior que sejam isolados por duas semanas. Foram também proibidas reuniões em locais fechados com mais de 250 pessoas e pedido à população que trabalhe a partir de casa sempre que possível.

Ministro australiano testa positivo a Covid-19

O ministro do Interior australiano, Peter Dutton, confirmou esta sexta-feira ter testado positivo ao Covid-19, depois de uma viagem aos Estados Unidos (EUA), o primeiro caso no identificado no Governo, avançou a agência Lusa.

d.r. news.com.au

O ministro da Interior australiano, Peter Dutton

“Hoje de manhã acordei com febre e dores de garganta. Imediatamente contactei o Departamento de Saúde e fui testado. Foi informado hoje à tarde que o teste deu positivo”, anunciou em comunicado. “É política das autoridades de saúde que qualquer pessoa que tenha testado positivo seja admitida no hospital e eu cumpri esse conselho. Estou bem e darei informação atualizada oportunamente”, disse.

Dutton participou na terça-feira numa reunião do Conselho de Ministros, presidida pelo primeiro-ministro Scott Morrison, que esteve, por seu lado, em contacto nos últimos dias com os principais responsáveis dos estados e territórios australianos.

O ministro tinha no início deste mês viajado até aos EUA onde se reuniu com membros da Five Eyes Alliance em Washington a 05 de março, altura em que esteve com responsáveis de vários países.

Nova Iorque declara estado de emergência

Também na quinta-feira, o presidente da Câmara de Nova Iorque, Bill de Blasio, declarou  o estado de emergência, enquanto a Disneyland, na Califórnia, vai encerrar ao público no sábado, noticiou a Lusa. O responsável adiantou que estas medidas para combater a propagação do novo coronavírus podem estender-se “durante alguns meses”.

Esta decisão, que concede poderes especiais às autoridades locais, adiciona-se à declaração anunciada na quinta-feira pelo governador do estado de Nova Iorque, Andrew Cuomo, que proibiu qualquer atividade ou evento com mais de 500 participantes, decisão que levou ao encerramento de teatros e recintos desportivos.

O parque de diversões Disneylândia, na Califórnia – estado que já conta com quase 200 casos confirmados -, vai fechar ao público a partir deste sábado, medida de precaução que se estenderá até ao fim do mês, informou um porta-voz da empresa nesta quinta-feira. Não foram registados casos de infeção nas instalações.

A Disney informou que continuará a pagar aos funcionários durante esse período e que vai reembolsar aqueles que queiram alterar ou cancelar suas visitas.

O parque Universal Studios, outro importante ponto turístico em Los Angeles, anunciou pouco depois que também permanecerá fechado entre os dias 14 e 28 de março.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Há algo que não seja visível do espaço hoje em dia? Sobretudo nos termos em que o assunto é posto na notícia no Washigton Post, em que é “visível do espaço” porque se vêem nas imagens tirados pelos satélites (quando os satélites hoje em dia até já podem ver a matrícula do meu carro)

RESPONDER

Jogo de loucos em Itália. Milan de Ibrahimovic derrota Juve de CR7 com golo português

Cristiano Ronaldo fez o 2-0 para a Juventus em casa do AC Milan, porém, o campeão perdeu 4-2 e desperdiçou a oportunidade de ampliar para 10 os pontos de vantagem para a Lazio, derrotada em …

A maior promessa do futebol alemão pede para sair. Chelsea prepara 100 milhões de euros

O internacional alemão Kai Havertz pediu à direção do Leverkusen para sair este verão. O Chelsea é o principal candidato à contratação do médio, tendo de desembolsar 100 milhões de euros. Kai Havertz é provavelmente a …

"A sombra de Sarkozy" e a filha de imigrantes cabo-verdianos. Novo Governo de Macron vira à direita

É um "Governo mais à direita do que nunca". O desabafo é do líder dos socialistas franceses, Olivier Faure, numa crítica ao Presidente Emmanuel Macron pelas escolhas que fez para o novo Governo do país. …

Trincão ainda não pôs os pés em Camp Nou e já tem pretendentes

O português Francisco Trincão, contratado em março passado pelo Barcelona ao Sporting de Braga, ainda não colocou os pés em Camp Nou e já tem clubes interessados na sua compra ao clube catalão. O negócio que …

Costa e Conte perfeitamente alinhados. Previsões de Bruxelas exigem um acordo europeu imediato

Os primeiros-ministros de Portugal e de Itália defenderam que o agravamento das previsões negativas da economia da Comissão Europeia impõe um acordo entre os 27 Estados-membros já na próxima reunião do Conselho Europeu. Esta posição comum …

Novo Banco vendeu ativos com 70% de desconto a fundo com ligações ao seu chairman

O chairman do Novo Banco, Byron Haines, liderou um banco detido pelo fundo norte-americano Cerberus. Foi precisamente este fundo a que o Novo Banco vendeu quase 200 imóveis com um desconto de 70%. O Novo Banco …

As antigas águas da Austrália estavam cheias de escorpiões gigantes predadores

As antigas águas em redor da Austrália podem ter estado cheias de enormes escorpiões marinhos predadores que mediam 2,5 metros de comprimento. Conhecidos como Eurypterida, estes animais ferozes foram os maiores predadores marinhos a aparecer no …

Siza Vieira sobre Efacec: Estado está a salvar uma empresa viável e não os bancos que financiaram Isabel dos Santos

O ministro da Economia esclareceu esta terça-feira que o Estado está a “salvar uma empresa” e não “os financiadores e os acionistas” da Efacec e que o valor da indemnização não será suficiente para saldar …

Casos de covid-19 encerram Câmara de Paços de Ferreira. Presidente está infetado

A Câmara Municipal de Paços de Ferreira, distrito do Porto, anunciou esta quarta-feira que o seu edifício sede se encontra temporariamente encerrado depois de terem sido detetado casos positivos de covid-19 entre os trabalhadores. "A …

Megaoperação do SEF. Três detidos e 150 possíveis vítimas de tráfico humano e imigração ilegal

Uma megaoperação do SEF, em Santarém, já levou à detenção de três suspeitos de tráfico humano e imigração ilegal. Já foram identificadas 150 possíveis vítimas. O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) está a levar a …