EUA já têm plano para vacinar. Primeiras doses estão previstas para antes das presidenciais

As autoridades de saúde dos Estados Unidos pediram que os estados estejam preparados para a distribuição massiva de uma vacina contra a covid-19 até ao início de novembro e antes das eleições presidenciais, divulgou a agência de notícias AFP.

Os Centros de Prevenção e Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos “exigem urgentemente” que os estados façam o que for necessário para que os centros de distribuição de uma futura vacina possam estar “totalmente operacionais em 1 de novembro de 2020″, refere uma carta escrita pelo diretor do organismo, Robert Redfield, enviada aos governadores dos estados e consultada pela AFP.

O documento enviado pelo responsável do CDC menciona, em particular, o levantamento de restrições administrativas, ou a emissão de autorizações e licenças.

Este é um novo indício de que a corrida à vacina está a todo o vapor no país mais afetado pela pandemia no mundo.

As autoridades de saúde “estão a preparar-se rapidamente para a implementação de uma distribuição em grande escala de vacinas contra a covid-19 no outono de 2020″, refere a carta de Robert Redfield.

O presidente norte-americano, Donald Trump, candidato à reeleição em 3 de novembro, disse na semana passada que os Estados Unidos teriam uma vacina “este ano”.

Várias vacinas estão atualmente em ensaios clínicos, mas não é certo que uma delas seja segura ou eficaz, mas as autoridades estão já a preparar uma possível distribuição para economizar tempo precioso.

Um documento publicado no jornal New York Times, e enviado às autoridades locais de saúde no mesmo dia da carta enviada pelo responsável do CDC, descreve três cenários que dependem da evolução de uma “vacina A” e “vacina B”. Esta indicação parece corresponder às vacinas desenvolvidas pela Pfizer e Moderna, segundo analisa o diário americano.

Os Estados Unidos já encomendaram milhões de doses de vacinas a essas empresas.

“Os cenários descritos devem ser usados pelos estados e jurisdições locais para desenvolver um plano operacional para a vacinação precoce contra a covid-19 quando as quantidades de vacinas serão limitadas”, explica o documento.

São ainda detalhadas as condições necessárias ao seu armazenamento, e ainda as populações que devem ter prioridade na vacinação, como os profissionais de saúde.

No início de agosto, a Rússia tornou-se o primeiro país a conceder aprovação regulatória para uma vacina contra a covid-19 após menos de dois meses de testes em humanos. A vacina aprovada, chamada de “Sputnik V” em homenagem ao primeiro satélite do mundo lançado pela União Soviética, foi saudada como segura e eficaz pelas autoridades russas.

A pandemia do coronavírus que provoca a covid-19 já provocou pelo menos 857.824 mortos e infetou mais de 25,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP. Os Estados Unidos são o país com mais mortos (184.689) e também com mais casos de infeção confirmados (mais de seis milhões).

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bilardo foi "distraído" para não saber da morte de Maradona

Carlos Bilardo continua sem saber que Diego Maradona morreu. Família tenta proteger saúde do antigo selecionador argentino. Diego Armando Maradona morreu em novembro e Carlos Bilardo continua sem saber desse falecimento. A família tenta proteger a …

Processo de envelhecimento é imparável, revela estudo

Um novo estudo, que envolveu cientistas de 14 países, confirmou que provavelmente não podemos diminuir a velocidade com que envelhecemos, devido a restrições biológicas. A pesquisa, publicada na quarta-feira na Nature Comunications, inclui especialistas da Universidade …

Inglaterra 0-0 Escócia | Nulo total no dérbi britânico

A Inglaterra empatou hoje 0-0 com a Escócia, em jogo da segunda jornada do Grupo D do Euro 2020 de futebol, e desperdiçou a oportunidade de garantir já um lugar nos oitavos de final do …

Infeção pelo coronavírus pode não garantir proteção prolongada, revela estudo

Um novo estudo britânico sugere que uma infeção pelo SARS-CoV-2 não garante que o hospedeiro desenvolva uma resposta imunitária prolongada contra o vírus, sendo a imunidade "altamente variável de pessoa para pessoa". Segundo a pesquisa do …

Ex-ministro da Bolívia planeou um segundo golpe usando mercenários dos EUA

O vazamento de gravações telefónicas e e-mails revelam que um ex-ministro da Defesa boliviano estava a preparar-se para usar tropas estrangeiras para impedir que o partido de esquerda MAS regressasse ao poder. Os documentos e registos …

Espécie rara de orquídea encontrada em telhado de banco de investimentos em Londres

Uma espécie rara de orquídea, que se acredita estar extinta no Reino Unido, foi descoberta no jardim do telhado de um banco de investimentos em Londres. Segundo o The Guardian, a Serapias parviflora, uma espécie rara …

Pintura de David Bowie comprada por três euros vai agora ser leiloada por milhares

A pintura do ícone do rock, David Bowie, deverá ser vendida por milhares de dólares num leilão de arte online. O retrato, intitulado "DHead XLVI", faz parte de um conjunto de aproximadamente 47 obras que David …

Vila Nova de Milfontes vai ter praia para cães

A praia pet friendly, que fica próxima de Furnas-Rio, vai funcionar já esta época balnear de forma experimental. Uma praia concessionada que também admite cães vai funcionar, nesta época balnear, de forma experimental, em Vila Nova …

Podia ser um quadro de Dalí, mas é só o degelo glacial na Islândia

Na Islândia, o degelo glacial criou uma paisagem deslumbrante que o fotógrafo espanhol Manuel Ismael Gómez de Almería não deixou passar em branco. Faz lembrar a arte surrealista de Salvador Dalí, mas é uma versão ampliada …

Digby, o cão dos bombeiros, ajudou a salvar uma mulher do suicídio

O cão Digby desempenhou um importante papel ao salvar uma mulher que estava a ponderar pôr fim à sua própria vida no Reino Unido. Digby é um cão terapeuta que ajuda as pessoas a lidar com …