Rússia regista primeira vacina contra coronavírus (e filha de Putin já a tomou)

José Cruz / ABr

Vladimir Putin, Presidente da Rússia

A Rússia tornou-se esta terça-feira o primeiro país do mundo a registar uma vacina contra o novo coronavírus, anunciou o presidente russo, Vladimir Putin, acrescentando que uma das suas filhas já foi inoculada.

“Esta manhã foi registada, pela primeira vez no mundo, uma vacina contra o novo coronavírus”, disse Putin durante uma reunião com membros do governo russo.

De acordo com o chefe de Estado, a vacina russa é “eficaz” e superou todas as provas necessárias assim como permite uma “imunidade estável” face ao covid-19. A vacina foi desenvolvida pelo instituto Gamaleya, em Moscovo, e foi aprovada esta terça-feira pelo Ministério da Saúde russo, depois de dois meses de testes com humanos.

Putin acrescentou que uma das suas duas filhas já recebeu uma dose da vacina e está a sentir-se bem.

As autoridades russas já haviam anunciado que os profissionais de saúde, professores e outros grupos de risco serão os primeiros a serem inoculados.

No entanto, muitos cientistas no país e no estrangeiro questionaram a decisão de registar a vacina antes de os cientistas completarem a chamada Fase 3 do estudo. Essa fase por norma demora vários meses e envolve milhares de pessoas e é a única forma de se provar que a vacina experimental é segura e funciona.

Segundo o Ministério da Saúde da Rússia, esta vacina vai entrar em circulação em 1 de janeiro de 2021. Nas últimas semanas, a Rússia “garantiu” a produção de milhares de doses de vacinas contra o novo coronavírus e “vários milhões” no princípio do próximo ano.

No final de julho, a Rússia disse acreditar que teria a vacina contra o novo coronavírus pronta em agosto. No mesmo mês, foi noticiado que o APT29, um grupo de piratas informáticos com ligações ao Kremlin e a campanhas de hackers sancionadas pela Rússia, está a tentar sabotar o desenvolvimento de uma vacina contra a covid-19 no ocidente. A denúncia foi feita por agências de cibersegurança dos Estados Unidos, Reino Unido e Canadá.

A pandemia de SARS CoV-2 já provocou mais de 733 mil mortos e infetou mais de 20 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China. Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

    • Não diga isso, fica mal! Se é verdade e foi corretamente desenvolvido e testado, porque não tomá-lo. Não façamos política (guerra fria) com medicamentos que sejam bons para a humanidade.

  1. Oh sim… devem ter uma vacina, devem…
    Porque fazer vacinas é como fazer propaganda!…
    2 meses de testes… hahahahaaa!…

    • Muito gostamos nós – ou gosta Eu – de opinar sobre aquilo de que nada sabemos… Por isso somos o povo mais desnvolvido do Mundo…

        • Mais um crente apalermado pronto para testar a vacina russa!…
          Depois não te esqueças de nos mostrar o resultado…
          Mas, não tenhas muitas esperanças; infelizmente, ainda não há vacina contra a estupidez!!

      • Se gostas de opinar sobre o que “nada sabes”, é problema teu!!
        Mas, oh Nuno, tu estás longe de ser evoluído e, o “povo mais evoluído do mundo”, não consegue fazer vacinas em 2 meses!…
        Será que os russos, que mal conseguem ter comida para 2 meses, fazem super-mega vacinas?
        Talvez… mas só anjinhos apalermados como tu é que as vão testar!…
        Vai lá tomar a vacina ée depois anda cá contar o resultado!
        Pode ser que um dos efeitos secundários seja deixares de ser lerdo…

  2. Será mera propaganda à moda da antiga URSS ou é real? Segundo me constou, naquele tempo fixava-se o prazo para cumprir um objetivo e cumpria-se. Contudo, as coisas, no que toca a desenvolver vacinas, não funcionam desta maneira, isto é à base de propaganda. Dizem os cientistas, inclusive cientistas russos, e bem, que falta a terceira fase, de teste massivo em pessoas! Venham, pois, daí, os testes massivos, e depois cantemos todos vitória: a humanidade ganhou uma vacina para o coronavíus!

  3. Se temos direito a uma opinião, passo a citar…não retiro uma palavra do meu comentário, não é uma questão de ódio, religião ou quer que seja, simplesmente sei o que digo e infelizmente nem tao proximo teremos uma “cura” para esse vírus que tantas mortes tem provocado e ira continuar a provocar…sejamos honestos e realistas nos últimos tempos temos assistido a uma propaganda política de vários presidentes a assumir a cura atravez de um qualquer medicamento e nisto tudo nao assisti a um unico laboratório a criar essa tao procurada vacina…

    • Certo, mas o problema são os crentes alienados que não percebem a diferença entre ciência e opinião (ou propaganda)!…

RESPONDER

Portugal já está a vacinar 100 mil pessoas por dia. 10% da população já tomou duas doses

Na quinta-feira, cerca de 100 mil pessoas receberam a vacina contra a covid-19, o que antecipa em uma semana esta meta definida pela task force do plano de vacinação. Cerca de 100 mil pessoas receberam a …

Açores vão ter testes gratuitos em farmácias e rastreios laborais aleatórios

Os Açores vão passar a disponibilizar testes rápidos gratuitos para o despiste da covid-19 nas farmácias, testes de saliva para a testagem massiva aos alunos e rastreios laborais aleatórios, anunciou esta quinta-feira o secretário regional …

Uma morte e 377 novos casos nas últimas 24 horas. Rt e incidência recuam

O boletim da DGS desta sexta-feira dá conta de mais 377 novos casos em Portugal. Registou-se ainda mais um óbito. Nesta sexta-feira, dia 7 de maio, o país tem 22.421 casos ativos, menos 114 do que …

MP investiga morte de bebé que terá sido esquecido no carro em Lisboa

O Ministério Público instaurou um inquérito para averiguar as circunstâncias da morte de uma criança de dois anos que terá ficado esquecida no interior de um carro, em Lisboa. A mãe ter-se-á esquecido do bebé …

Governo está a preparar contestação de providência cautelar sobre Zmar

O ministro da Administração Interna afirmou hoje que já está a ser preparada a contestação à providência cautelar que suspende a requisição civil das casas do complexo Zmar, adiantando que o Ministério não foi ainda …

Subsídio europeu de 150 euros mensais para tirar 5 milhões de crianças da pobreza severa

Arrancou nesta sexta-feira, no Porto, a Cimeira Social promovida pela presidência portuguesa do Conselho da União Europeia. Um momento que o ex-ministro Pedro Marques aproveita para lançar a ideia de um novo apoio social de …

Banca empresta 475 milhões para Fundo de Resolução pagar ao Novo Banco

O sindicato bancário, composto por sete bancos, vai proceder ao financiamento do Fundo de Resolução para este cumprir a injeção de capital no Novo Banco já na próxima semana. O Jornal Económico avança, esta sexta-feira, que …

China suspende "diálogo económico" com a Austrália e denuncia "mentalidade de Guerra Fria"

Esta quinta-feira, o Governo chinês anunciou a suspensão "por tempo indefinido" de todas as atividades realizadas no âmbito da iniciativa "Diálogo Económico Estratégico China-Austrália". As relações entra a China e o ocidente estão cada vez mais …

Bolsonaro diz ter tido sintomas de reinfeção. China acusa-o de "politizar" novo coronavírus

O Presidente do Brasil admitiu na quinta-feira que teve sintomas de reinfeção pelo novo coronavírus "há poucos dias" e afirmou que tomou ivermectina, fármaco sem comprovação científica contra a covid-19. As declarações de Jair Bolsonaro foram …

"É fácil despedir". PCP quer mudar regime de despedimento coletivo e extinção de postos de trabalho

O PCP vai entregar na Assembleia da República esta sexta-feira um projeto de lei que visa limitar os despedimentos coletivos e a extinção de postos de trabalho, eliminando o despedimento por inadaptação. O objetivo do partido …