Um ano depois do terror em Alcochete, Sporting renasce das cinzas

António Cotrim / LUSA

Faz hoje um ano que o Sporting viveu um dos dias mais negros da sua história. O ataque à Academia de Alcochete causou o pânico entre jogadores, técnicos e adeptos. Agora, o Sporting renasce mais forte do que se pensa.

Pelas piores razões, o dia 15 de maio de 2018 ficará eternamente na memória de todos os sportinguistas. Incrédulos, todos aqueles que estavam na academia do clube, em Alcochete, viram 41 pessoas invadirem o balneário e lançarem o terror.

O incidente causou mossa imediata na estrutura do clube e não tardou até que as consequências surgissem. Rui Patrício, Daniel Podence, Gelson Martins, William Carvalho Rúben Ribeiro e Rafael Leão saíram em definitivo após apresentem cartas de rescisão com justa causa.

O cenário poderia ter sido pior, já que também Bruno Fernandes, Bas Dost e Rodrigo Battaglia fizeram o mesmo. Com a saída de Bruno de Carvalho da presidência do clube, os novos dirigentes conseguiram convencer estes três jogadores a regressarem, mas para tal, foi preciso despender 5,6 milhões de euros.

O clube conseguiu também chegar a acordo com Rui Patrício e William Carvalho, mas os dois jogadores acabariam por zarpar para destinos diferentes. Patrício transferiu-se para o Wolves por 18 milhões de euros e William foi para o Bétis por 16 milhões.

Desilusão no adeus

Em declarações ao jornal Record, Rui Patrício justificou que “tinha-se tornado insustentável” a sua continuidade no clube. O guardião, que dedicou grande parte da sua carreira aos ‘leões’, diz que suportou e viveu situações menos positivas para poder representar o clube.

“Nunca faltei ao respeito a ninguém nem nunca o irei fazer, pois o meu silêncio até hoje, foi exclusivamente por respeito a todos”, escreveu o internacional português na despedida aos adeptos sportinguistas.

Daniel Podence, que viria a mudar-se para o Olympiacos, mostrou desagrado por tudo o que aconteceu. Durante o ataque, o jogador foi enfiado dentro de um dos cacifos do balneário.

“Apesar de tudo que o Sporting me ensinou, ninguém me ensinou a lidar com um ambiente de ameaças, de violência, onde temo pela minha segurança e pela da minha família e nem deveriam ter ensinado, porque o futebol ou outro desporto não devem ser assim”, escreveu.

Gelson Martins, que esta terça-feira chegou a acordo com o Atlético Madrid para se transferir em definitivo, diz que nunca quis prejudicar o Sporting. “O meu principal foco e preocupação passou sempre por conseguir encerrar de forma benéfica para o clube a situação que me envolvia”, escreveu o internacional português.

A recuperação financeira

O clube ficou também perto do precipício financeiro. “O Sporting corre o risco de não ter liquidez para fazer face aos seus compromissos nesta atual situação, que se vai arrastar”, disse, na altura, José Maria Ricciardi. O banqueiro e sócio do Sporting avisou que o clube poderia estar em “risco de insolvência“.

Para esclarecer aos sócios o estado das contas do clube, Frederico Varandas encomendou uma auditoria. Os resultados, divulgados num total de 254 páginas, diagnosticaram vários problemas que se acumularam durante a presidência de Bruno de Carvalho.

Apesar de estar mergulhado em problemas financeiros, o clube conseguiu um resultado positivo de 6,45 milhões de euros no primeiro trimestre. No entanto, o maior encaixe aconteceu com a venda de jogadores. Segundo o JE, Rui Patrício, William Carvalho e Gelson Martins renderam 60,5 milhões de euros aos cofres de Frederico Varandas.

Há ainda a joia da coroa leonina: Bruno Fernandes. No mês passado, o Sporting pedia 70 milhões de euros pelo internacional português, o que pode subir ainda mais o lucro do Sporting com a venda de jogadores.

Incertezas judiciais

Um ano volvido e a instrução do ataque à Academia do Sporting ainda não começou. Isto depois de, ainda esta segunda-feira, o juiz ter sido recusado pela terceira vez.

A instrução, fase facultativa em que Carlos Delca iria decidir se o processo segue para julgamento, foi requerida por mais de uma dezena de arguidos, entre os quais o ex-presidente do Sporting Bruno de Carvalho e o antigo oficial de ligação aos adeptos do clube Bruno Jacinto.

Os primeiros 23 detidos pela invasão à academia e consequentes agressões a técnicos, futebolistas e outros elementos da equipa leonina ficaram todos sujeitos à medida de coação de prisão preventiva em 21 de maio.

Bruno de Carvalho chegou a estar detido durante cinco dias no posto da GNR de Alcochete, tendo sido libertado após pagar uma caução de 70 mil euros. Ficou com a obrigação de se apresentar diariamente na esquadra da polícia da área da sua residência.

Bruno de Carvalho, Mustafá e Bruno Jacinto estão acusados, como autores morais, de 40 crimes de ameaça agravada, 19 de ofensa à integridade física qualificada, 38 de sequestro, um de detenção de arma proibida e crimes que são classificados como terrorismo, não quantificados. O líder da claque Juventude Leonina está também acusado de um crime de tráfico de droga.

Keizerball salva época

Depois do ataque a Alcochete, Jorge Jesus rescindiu com os verdes e brancos e rumou para a Arábia Saudita. Para o substituir, chegou o experiente José Peseiro, que regressava ao Sporting quase 15 anos depois. O treinador português acabou por não conseguir apresentar resultados e o Sporting voltou a ficar sem treinador.

O panorama não estava favorável para os ‘leões’, que fazia o que conseguia para se tentar reerguer. A opção escolhida por Varandas foi Marcel Keizer, que estava a treinar nos Emirados Árabes Unidos. No leme do clube, o treinador conseguiu calibrar o foco dos jogadores e pôs a equipa a jogar um futebol mais apelativo.

E se todos esperavam que, depois de tudo que aconteceu em Alcochete, a época fosse descarrilar, a verdade é que o Sporting conseguiu igualar (e até superar em alguns aspetos) os resultados da época passada.

Esta temporada, o Sporting sagrou-se campeão da Taça da Liga, ao derrotar o FC Porto na final, e conseguiu assegurar o terceiro lugar do campeonato — o mesmo que a temporada passada. Na Europa, ao contrário do ano passado, conseguiu passar a fase de grupos, onde acabou por ser arrumado pelo Villarreal nos 16 avos-de-final.

A juntar a tudo isso, o Sporting vai ainda disputar a final da Taça de Portugal no Jamor, podendo ainda adicionar esse título ao seu palmarés.

DC, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A Evolução mostra que podemos ser a única forma de vida inteligente no Universo

As reduzidas probabilidades que acompanham a nossa evolução ao longo da história podem ser uma pista que talvez sejamos a única forma de vida inteligente no Universo. Será que estamos sozinhos no Universo? Tudo se resume …

A China está a usar a educação como arma para controlar o Tibete

A China quer obrigar crianças tibetanas a abandonarem as escolas da região e mudarem-se para escolas chinesas. O objetivo, segundo uma especialista, é "tirar o tibetano da criança". A batalha geopolítica entre a China e o …

Revelada explosão violenta no coração de um sistema que alberga um buraco negro

Uma equipa de astrónomos, liderada pela Universidade de Southampton, usou câmaras de última geração para criar um filme com alta taxa de quadros de um sistema com um buraco negro em crescimento e a um …

"É altura de dizer basta". Sporting corta com as claques

O Sporting rescindiu “com efeitos imediatos” os protocolos que celebrou em 31 de julho com a Associação Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI – Associação, anunciou hoje o clube, devido à “escalada de …

Poluição atmosférica associada a abortos espontâneos

Elevados níveis de poluição atmosférica foram associados a abortos espontâneos num estudo feito com mulheres grávidas a viver e trabalhar em Beijing, na China. A China é um dos países que mais sofre com a poluição …

Empresas espanholas dominam obras públicas na ferrovia

As empresas espanholas dominam as obras públicas na ferrovia em Portugal, ascendendo a sua quota a 70%, avança o Expresso na sua edição deste sábado. Para presidente da Associação de Empresas de Construção e Obras …

Cada vez mais mulheres denunciam abusos médicos durante o parto

Um número crescente de mulheres tem vindo a denunciar casos de abuso durante o trabalho de parto. No entanto, pouco está a ser feito para mudar isto. Durante o parto, as mulheres ficam numa posição vulnerável …

Já podemos explorar "Melckmeyd", naufrágio holandês do século XVII

Nas profundezas do Oceano Atlântico, perto da costa da Islândia, encontram-se os destroços de um navio holandês que afundou há 360 anos, no qual agora podemos "mergulhar" graças a uma experiência de realidade virtual. Quando a …

Os furacões podem provocar atividade sísmica tal como um terramoto

Uma equipa de cientistas descobriu um novo fenómeno geofísico no qual furacões ou fortes tempestades podem produzir vibrações no fundo do oceano tão fortes quanto um terramoto de magnitude 3.5. "As tempestades, furacões ou ciclones extratropicais …

Quem anda mais devagar pode envelhecer mais rapidamente

A velocidade a que caminham as pessoas aos 45 anos pode ser um indicador de como é que o cérebro e o corpo envelhecem, revela um novo estudo levado a cabo por uma equipa de …