Lacerda Sales diz que haverá “tolerância zero” para vacinação indevida

José Sena Goulão / Lusa

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, reafirmou hoje no Algarve que haverá “tolerância zero” para vacinações indevidas e que o plano de vacinação contemplará listas suplementares para as vacinas sobrantes.

“O grupo de trabalho tem reforçado as suas orientações para que no caso de haver doses sobrantes, existam listas suplementares elaboradas com critérios de priorização do plano de vacinação, para que possam ser usadas as vacinas sobrantes” afirmou.

À margem de uma visita ao hospital de Faro, o governante revelou que essas listas “não existiam” e que eram as entidades responsáveis pelas vacinação que elaboravam a listagem, defendendo que “na generalidade o processo tem corrido bem”.

Para o secretário de Estado, a vacinação de pessoas de grupo não prioritárias é uma questão que se está a “colocar agora com mais premência” e por isso o grupo de trabalho decidiu “dar indicações e muito bem”, para se criassem as “listas suplementares, de acordo com o plano de vacinação e os critérios de priorização”.

Informou ainda que estão a ser promovidas pela Inspeção de Atividades em Saúde auditorias de âmbito nacional e há “procedimentos que terão sanções quer ao nível disciplinar e criminal, se durante a sede de inquérito tal se provar”.

Questionado pelos jornalistas sobre se estão garantidas as vacinas necessárias para as segundas doses, afirmou que “está garantida a administração da segunda dose a todos os que levaram a primeira”, incluindo os que a tomaram invalidamente”.

Segundo António Lacerda Sales, já foram administradas “338 mil doses, 68 mil já com segunda dose”.

Em relação às recomendações de outros países em desaconselhar a administração da vacina da AstraZeneca a pessoas com mais de 50 anos, António Lacerda Sales afirmou que Portugal irá seguir a “melhor evidência científica”.

“Se vier a comprovar-se que essa vacinação é preferível em pessoas com menos de 50 anos, assim o faremos, se assim não for, manteremos o nosso plano de vacinação tal como está”, sublinhou.

Depois da visita à unidade de Faro, o secretário de Estado deslocou ao Hospital de Portimão e ao Pavilhão Arena, onde está instalado um hospital de campanha com uma enfermaria para doentes com covid-19.

Referindo-se a essa estrutura, destacou o facto de poder aumentar a capacidade em receber doentes, passando de uma “unidade de estrutura de apoio de retaguarda” para outra, com a possibilidade e acolher pacientes com “necessidade de alto fluxo” de oxigénio.

O governante revelou que o conselho de administração do Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) lhe garantiu que caso fosse necessário estariam “ventiladores à disposição” e conseguiriam “implementar uma unidade” dentro do Portimão Arena.

A ministra da Saúde, Marta Temido, também referiu que o Governo está empenhado em que casos de vacinação indevida contra a covid-19 não se repitam e disse que o incumprimento do plano de vacinação merece “veemente repúdio”.

A ministra, que falava numa conferência de imprensa para dar conta do andamento do plano de vacinação contra o novo coronavírus, que provoca a doença covid-19, disse que o Ministério da Saúde está empenhado em que os casos de incumprimento “sejam tratados adequadamente”, porque o processo de vacinação “não pode sofrer fragilidades”.

A propósito de casos que têm sido divulgados de que foram vacinadas pessoas que não são consideradas prioritárias, Marta Temido afirmou que todas as situações que tenham sido reportadas como desvios às regras do plano de vacinação “serão investigadas por quem de direito e serão retiradas as consequências após a investigação”.

O Ministério Público anunciou que abriu inquéritos em relação a casos que envolvem o INEM de Lisboa e do Porto, a Segurança Social de Setúbal e outras instituições na vacinação contra a covid-19 de casos não prioritários.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Na Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, ao leme do comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. …

Governo aperta regras. Passageiros do Brasil ou Reino Unido têm de ter teste negativo e cumprir isolamento

Os passageiros provenientes do Brasil e do Reino Unido vão ser obrigados a apresentar um teste negativo e a cumprir 14 dias de isolamento profilático. A partir deste domingo, os passageiros provenientes do Brasil e do …

O primeiro hotel espacial mudou de nome (e deverá abrir em 2027)

Fechado em casa a sonhar com a próxima viagem? Esqueça as praias paradisíacas ou as grandes metrópoles. As férias do futuro podem vir a ser no Espaço. Tudo começou em 2019, quando a empresa californiana Gateway …

Testes rápidos esgotam na Alemanha no primeiro dia em que são postos à venda

O processo de vacinação na Alemanha continua lento. O Governo está a contar com a realização em massa de testes rápidos de antigénio para iniciar um plano de desconfinamento progressivo. As principais cadeias de supermercados …