Governo suspende atividade não urgente nos hospitais de Lisboa. Mais de 60 mil cirurgias urgentes estão em atraso devido à pandemia

Giuseppe Lami / EPA

Numa altura em que o número de casos de covid-19 não pára de aumentar, são muitos os hospitais que estão prestes a pisar a linha vermelha. O Governo já tomou medidas.

Portugal registou ontem 10.027 novos casos de infeção com o novo coronavírus, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia, e 91 mortes relacionadas com a covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Neste sentido, o Governo suspendeu a atividade não urgente nos hospitais de Lisboa. O objetivo é que os hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo elevem os planos de contingência para o nível máximo.

A ministra da Saúde, Marta Temido, enviou uma circular para a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo com indicações para que se suspenda de imediato toda a atividade não urgente dos hospitais.

A decisão surge após a recomendação da Comissão de Acompanhamento da Resposta Nacional em Medicina Intensiva para a covid-19, na sequência de uma reunião realizada na terça-feira para analisar a situação epidemiológica e a ocupação de camas nesta região.

Segundo avança o DN, o Centro Hospitalar Lisboa Norte está a avaliar o reforço da sua capacidade, uma vez que tem 140 doentes internados, sendo que a capacidade máxima é de 160 camas.

De acordo com dados oficiais, o Centro Hospitalar Lisboa Central (CHLC)tinha na tarde desta quarta-feira 204 internamentos, estando assim perto da capacidade máxima, que é de 219 camas.

Marta Temido admitiu ontem no parlamento, durante o debate sobre o novo estado de emergência, que a situação epidemiológica atual mostra necessidade de “medidas excecionais”.

Também no Hospital de Évora, o afluxo de doentes com covid-19 subiu 40% entre o início e o fim de dezembro e deverá agravar-se, alertou hoje a responsável hospitalar, apelando ao transporte só de infetados que efetivamente necessitem.

“O apelo” é para que, “quem está positivo, mas que não necessita de cuidados hospitalares”, permaneça na sua residência, seja domicílio privado, seja lar, “até efetivamente ter sintomas que justifiquem a necessidade de vir à Urgência do hospital”, afirmou a presidente do conselho de administração do Hospital do Espírito Santo de Évora.

Mais de 60 mil cirurgias em atraso

Segundo o Jornal de Notícias, o número de cirurgias em atraso tem vindo a aumentar nos últimos meses, sendo que se registaram em outubro 67.121 utentes a aguardar operação já fora do tempo recomendado, o que equivale a um terço do total de 209.385 operações em lista de espera.

De acordo com os dados do Portal da Transparência do Sistema Nacional de Saúde (SNS), 20,5% dos doentes esperavam por operação fora dos prazos recomendados em janeiro de 2019, enquanto que em outubro do ano passado a taxa subiu para os 32,1%.

Contudo, é preciso recuar quatro anos para encontrar um valor tão baixo de inscritos para cirurgias, fruto da diminuição das cirurgias programadas.

“Os recursos não são elásticos e foram redimensionados para a covid-19, o que teve efeito no atraso da atividade cirúrgica, além de que tudo hoje se faz mais lentamente: proteções individuais, circuitos alterados, testes aos utentes”, explicou Alexandre Lourenço, presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares, ao JN.

Lourenço alerta para a urgência de reabilitar os cuidados de saúde primários, que não estão a referenciar doentes para cirurgias, o que se reflete no baixo número de operações marcadas. “Não estão a ser diagnosticadas patologias que seriam depois referenciadas para os hospitais para plano terapêutico, incluindo cirurgia”, explica.

Ana Moura, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Como é possivel não ver mais longe??
    quantos cancros vao ficar por diagnosticar nas consultas de rotina, quantos seguimentos de doença não serão feitos e mais uma vez adiados!
    O Covid é um problema mas não é o unico. Fala-se muito mas tudo fica na mesma. Depois os politicos falam que assumem toda a responsabilidade mas isso são palavras vazias.

RESPONDER

Pizza para Itália e salmão para a Noruega. Emissora pede desculpa por imagens usadas nos Jogos Olímpicos

O canal de televisão sul-coreano MBC pediu desculpa publicamente após usar imagens para representar países durante a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Fotos de pizza para a comitiva italiana, de salmão para a …

"Quanto mais cedo, melhor". A dona da Marlboro apoia a proibição dos cigarros até 2030

O CEO da Philip Morris Internacional, dona da Marlboro, apoia a proibição da venda de cigarros, mas os activistas anti-tabaco já acusaram a empresa de hipocrisia por tentar comprar uma farmacêutica enquanto lucra com o …

Bezos e Branson não são astronautas, clarifica Administração da Aviação norte-americana

Dúvida instalou-se depois dos voos que levaram os dois bilionários ao espaço. Novas diretrizes da Administração Federal de Aviação vêm esclarecer.  Após os voos que os tornaram nos primeiros turistas espaciais, Jeff Bezos e Richard Branson …

Soldados afegãos buscam refúgio no Paquistão após perderem postos na fronteira

Quase meia centena de soldados afegãos buscaram asilo no Paquistão após perderem para os Talibãs o controle das posições militares na fronteira, informou o exército paquistanês esta segunda-feira. Centenas de soldados do exército afegão e oficiais …

Portugal ultrapassa Estados Unidos em população com vacinação completa

EUA vivem atualmente um planalto no seu processo de vacinação, com pouco mais de meio milhão de cidadãos a serem vacinados diariamente. Desaceleração no ritmo de inoculações é atribuída a motivações pessoais da população e …

Mulher que vestia camisola com capa do Charlie Hebdo ferida em Londres

Uma mulher que vestia uma camisola estampada com uma capa da revista satírica francesa Charlie Hebdo foi ferida levemente com arma branca no domingo em Hyde Park, em Londres, informou a polícia, que pediu colaboração …

Novo Banco. Comissão de inquérito aprova que resolução do BES foi "fraude política"

A comissão de inquérito ao Novo Banco aprovou uma proposta do PCP de alteração ao relatório referindo que a resolução do BES e a sua capitalização inicial, de 4.900 milhões de euros, foi "uma fraude …

BCP prevê saída de mais de 800 trabalhadores e admite despedimento coletivo

O presidente do BCP disse esta segunda-feira que deverão sair do banco mais de 800 trabalhadores, abaixo da meta inicial de 1.000, mas que depende dos funcionários que aceitarem rescindir e mantém a possibilidade de …

Jogos Olímpicos. Ouro e prata para atletas de...13 anos

Pódio muito jovem na estreia do skate feminino. A espreitar o pódio ficou uma norte-americana com quase o triplo da idade. O skate está a "viver" os seus primeiros dias na história dos Jogos Olímpicos. Inserido …

SEF e PSP reforçam fiscalização às regras aplicáveis nas viagens de avião

O SEF e a PSP reforçaram a fiscalização nos aeroportos às regras do tráfego aéreo devido às variantes de covid-19 e ao aumento do número de voos previsto para as próximas semanas, segundo um despacho …