Governo suspende atividade não urgente nos hospitais de Lisboa. Mais de 60 mil cirurgias urgentes estão em atraso devido à pandemia

Giuseppe Lami / EPA

Numa altura em que o número de casos de covid-19 não pára de aumentar, são muitos os hospitais que estão prestes a pisar a linha vermelha. O Governo já tomou medidas.

Portugal registou ontem 10.027 novos casos de infeção com o novo coronavírus, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia, e 91 mortes relacionadas com a covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Neste sentido, o Governo suspendeu a atividade não urgente nos hospitais de Lisboa. O objetivo é que os hospitais da região de Lisboa e Vale do Tejo elevem os planos de contingência para o nível máximo.

A ministra da Saúde, Marta Temido, enviou uma circular para a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo com indicações para que se suspenda de imediato toda a atividade não urgente dos hospitais.

A decisão surge após a recomendação da Comissão de Acompanhamento da Resposta Nacional em Medicina Intensiva para a covid-19, na sequência de uma reunião realizada na terça-feira para analisar a situação epidemiológica e a ocupação de camas nesta região.

Segundo avança o DN, o Centro Hospitalar Lisboa Norte está a avaliar o reforço da sua capacidade, uma vez que tem 140 doentes internados, sendo que a capacidade máxima é de 160 camas.

De acordo com dados oficiais, o Centro Hospitalar Lisboa Central (CHLC)tinha na tarde desta quarta-feira 204 internamentos, estando assim perto da capacidade máxima, que é de 219 camas.

Marta Temido admitiu ontem no parlamento, durante o debate sobre o novo estado de emergência, que a situação epidemiológica atual mostra necessidade de “medidas excecionais”.

Também no Hospital de Évora, o afluxo de doentes com covid-19 subiu 40% entre o início e o fim de dezembro e deverá agravar-se, alertou hoje a responsável hospitalar, apelando ao transporte só de infetados que efetivamente necessitem.

“O apelo” é para que, “quem está positivo, mas que não necessita de cuidados hospitalares”, permaneça na sua residência, seja domicílio privado, seja lar, “até efetivamente ter sintomas que justifiquem a necessidade de vir à Urgência do hospital”, afirmou a presidente do conselho de administração do Hospital do Espírito Santo de Évora.

Mais de 60 mil cirurgias em atraso

Segundo o Jornal de Notícias, o número de cirurgias em atraso tem vindo a aumentar nos últimos meses, sendo que se registaram em outubro 67.121 utentes a aguardar operação já fora do tempo recomendado, o que equivale a um terço do total de 209.385 operações em lista de espera.

De acordo com os dados do Portal da Transparência do Sistema Nacional de Saúde (SNS), 20,5% dos doentes esperavam por operação fora dos prazos recomendados em janeiro de 2019, enquanto que em outubro do ano passado a taxa subiu para os 32,1%.

Contudo, é preciso recuar quatro anos para encontrar um valor tão baixo de inscritos para cirurgias, fruto da diminuição das cirurgias programadas.

“Os recursos não são elásticos e foram redimensionados para a covid-19, o que teve efeito no atraso da atividade cirúrgica, além de que tudo hoje se faz mais lentamente: proteções individuais, circuitos alterados, testes aos utentes”, explicou Alexandre Lourenço, presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares, ao JN.

Lourenço alerta para a urgência de reabilitar os cuidados de saúde primários, que não estão a referenciar doentes para cirurgias, o que se reflete no baixo número de operações marcadas. “Não estão a ser diagnosticadas patologias que seriam depois referenciadas para os hospitais para plano terapêutico, incluindo cirurgia”, explica.

Ana Isabel Moura Ana Moura, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Como é possivel não ver mais longe??
    quantos cancros vao ficar por diagnosticar nas consultas de rotina, quantos seguimentos de doença não serão feitos e mais uma vez adiados!
    O Covid é um problema mas não é o unico. Fala-se muito mas tudo fica na mesma. Depois os politicos falam que assumem toda a responsabilidade mas isso são palavras vazias.

A fronteira mais importante da China é imaginária: a Linha Hu

A Linha Hu, também conhecida como linha Heihe-Tengchong, é uma linha imaginária que divida a China em duas partes com áreas quase iguais. Estende-se da cidade de Heihe até Tengchong. Desenhada pela primeira vez em 1935, …

Algumas pessoas moram em aeroportos durante meses (ou até mesmo anos)

Aeroportos não servem de casa apenas para os sem-abrigo. Há pessoas que, involuntariamente ou não, ficam lá durante meses e, em alguns casos, até mesmo anos. Em janeiro, as autoridades de Chicago prenderam um homem de …

Senado da Carolina do Sul aprova fuzilamento como método de execução

Com esta decisão, a Carolina do Sul poderá converter-se no quarto estado do país a incorporar este método de execução de pena de morte, depois do Utah, Oklahoma e Mississípi. De acordo com a agência noticiosa …

"Oxigénio tornou-se ouro". Criminosos lucram com a sua escassez no México

A pandemia de covid-19 deixou a Cidade do México a atravessar uma grande escassez de oxigénio médico. Criminosos estão a aproveitar para lucrar com a situação. A capital mexicana registou um pico de infeções e hospitalizações …

Meteorito do tamanho de um damasco caiu em França (e os astrónomos precisam de ajuda para encontrá-lo)

Os entusiastas do Espaço estão a ser instados a procurar um meteorito do tamanho de um damasco que caiu no fim de semana passado no sudoeste de França.  O meteorito, com peso estimado em 150 gramas, …

Professora pediu a alunos para fingir que eram escravos e escreverem carta para África

Uma professora de uma escola secundária no Mississippi, nos Estados Unidos, está a ser alvo de críticas devido a uma fotografia de um trabalho de casa divulgada nas redes sociais. Foi pedido aos alunos do 8.º …

Obra de Churchill que pertencia a Angelina Jolie vendida por valor recorde

O quadro pintado pelo antigo primeiro-ministro britânico foi vendido por 8,3 milhões de libras. A pintura foi um presente de Winston Churchill para o presidente dos Estados Unidos, Franklin D. Roosevelt, e agora foi leiloada …

Milhares fugiram, mas Sakae Kato ficou. O homem que salva gatos abandonados em Fukushima há 10 anos

Durante a última década, um homem em Fukushima, no Japão, tem salvado todos os gatos na área abandonada de onde milhares de pessoas fugiram durante o desastre da central nuclear - e ainda continua a …

Governador de Nova Iorque "reescreveu relatório" para esconder mortes em lares

  Assistentes do governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, terão reescrito um relatório das autoridades de saúde locais, no verão de 2020, que apontava para um número de mortes por covid-19 nos lares de idosos muito …

"Europa vai andar para trás". Pandemia faz "descarrilar conquistas de igualdade"

Empregos perdidos, horários de trabalho reduzidos e violência doméstica crescente provam que o impacto da pandemia foi mais forte nas mulheres e fez “descarrilar as conquistas de igualdade”, alerta o Instituto Europeu para a Igualdade …