Suspeitos do assalto a Tancos já estão identificados

Paulo Novais / Lusa

Militares à entrada dos Paióis Nacionais do Polígono Militar de Tancos

A Procuradoria Geral da República terá já apresentado ao Ministério da Defesa uma participação disciplinar contra a Polícia Judiciária Militar. Há dois militares identificados como suspeitos no assalto.

dois militares identificados como suspeitos no caso do roubo de armamento nos Paióis Nacionais de Tancos, de onde desapareceram em junho granadas de mão ofensivas e munições de calibre militar, revela o SOL na sua edição deste sábado.

Segundo afirmou na altura o Exército, “foi detectada uma violação dos perímetros de segurança dos Paióis Nacionais de Tancos e o arrombamento de dois paiolins”, em sequência do que terá sido confirmado o desaparecimento de armamento diverso.

As especulações de que se tratasse de um caso de terrorismo foram desde cedo afastadas  pelas autoridades, que levantaram suspeitas de que se tratasse de “uma encomenda proveniente do submundo do crime organizado“.

Entretanto, segundo garantiu ao SOL fonte conhecedora do processo, a Procuradoria Geral da República já terá apresentado ao Ministério da Defesa uma participação disciplinar relativa à actuação da Polícia Judiciária Militar na apreensão do armamento dos Paióis Nacionais de Tancos, recuperado na quarta-feira na Chamusca.

Segundo o semanário, a Polícia Judiciária não terá ficado satisfeita por não ter sido imediatamente informada da descoberta do material furtado, e quer agora garantias de que “a intervenção da PJM na recolha das armas não prejudica a investigação”.

Questionada pelo jornal, a PGR não confirmou a queixa, dizendo que “nada mais tinha a acrescentar à informação já prestada”.

O assalto aos Paióis de Tancos abriu uma guerra entre o Ministério Público e os militares, mas as quezílias entre a Polícia Judiciária Militar e o Ministério Público não são novidade. Esta é uma guerra antiga que, com o passar dos anos, se tem acentuado.

A Polícia Judiciária Militar, órgão da Polícia Criminal que actua no âmbito dos crimes estritamente militares e que depende do Ministério da Defesa, é constituída por cerca de cem militares de carreira que frequentaram a escola da Polícia Judiciária.

Apesar de ser o Departamento Central de Investigação e Acção Penal a liderar a investigação, para os militares, o assalto a Tancos “é um crime essencialmente militar” – razão pela qual a PJM terá entendido actuar de imediato, na madrugada de quarta-feira, após a chamada anónima que conduziu à recuperação do material roubado.

No entanto, o “mal-estar entre o DCIAP e a PJM é notório”, e segundo explica esta sexta-feira ao JN um ex-procurador, o que está em causa é “garantir que não houve intenção de esconder alguma coisa que os militares não tinham interesse em que se soubesse”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Afinal não existiu mesmo roubo, no verdadeiro sentido da palavra-não entraram carros do exterior para levar material, tambem não rebentaram com a rede para lá entrar etc….. Foi tudo de dentro para fora. e SABE-SE LÁ QUANDO ISSO ACONTECEU.

  2. Guerrinhas politicas entre 2 serviços que deviam trabalhar para um objetivo comum ! Pouca vergonha. Deixem-se de politiquices e apurem a verdade.

  3. Um juizo de valor: Temos em PORTUGAL o que designo de uma tropa fandanga. Nao admira, foram paridos pelos mesmos capitaes que concretizaram a 3ª abrilada de estroinas imberbes e covardolas de Portugal (uns apatridas a soldo dos russofilos e afins).

  4. Agora me lembro porque é que alguém em tempo oportuno lançou a ideia de que o “assalto” a Tancos não passava de uma artimanha para atacar o Governo, neste caso o PS. Como, afinal, não houve assalto, houve uma malandrice, essa ideia faz todo o sentido. Coitado do País que tem desta gente.

RESPONDER

Um aumento de 2 euros por mês para quem ganha mil. Proposta do Governo revolta a Função Pública

O aumento salarial de 0,3% proposto pelo Governo para a Função Pública em 2020, vai garantir um acréscimo líquido anual de 26,25 euros para um trabalhador que ganhe cerca de mil euros por mês, segundo …

Tribunal ordena ao Facebook que reative conta de partido neofascista italiano

Um tribunal de Roma ordenou que o Facebook reativasse a conta do partido italiano neofascista CasaPound, obrigando ainda a rede social a pagar 800 euros por cada dia que a conta esteve desativada. De acordo com …

Franceses não dão tréguas. Greves podem durar até ao Natal

As mobilizações em França contra a reforma dos sistema de pensões, que paralisam vários setores mas sobretudo os transportes públicos, entraram no seu nono dia esta sexta-feira e podem continuar até ao Natal. Os sindicatos de …

Treinadores portugueses dominam provas europeias. Vão 9 a sorteio

Nove treinadores portugueses vão continuar das provas europeias, que incluem a Liga Europa e a Liga dos Campeões. Ao todo, seguem nas competições 48 clubes, que vão ver o seu futuro decidido no sorteio da …

Aumentos da Função Pública. Frente Comum abandona negociações com o Governo (e já pensa em formas de luta)

A Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública abandonou as negociações com o Governo sobre as medidas a incluir no próximo Orçamento do Estado, indignada com os aumentos salariais de 0,3% propostos pelo Executivo. Segundo relatou …

Alphonso Davies. De refugiado no Gana a um dos maiores prodígios da Baviera

Alphonso Davies é um dos maiores talentos do futebol mundial na atualidade. O jogador nasceu num campo de refugiados no Gana e brilha agora nos relvados de Munique. Nascido já no novo milénio, Alphonso Davies é …

Bruxelas deverá aceitar redução do IVA da luz por escalões de consumo

A intenção do Governo de aplicar uma redução do IVA da eletricidade por escalões de consumo deverá ter o aval da Comissão Europeia. A notícia é avançado pelo Jornal de Negócios, que recorda que, em abril, …

Diretora da RTP boicotou investigação do "Sexta às 9" a instituto onde deu aulas

A diretora da RTP Maria Flor Pedroso confessou ter informado a diretora de uma instituição de ensino sobre uma investigação que estava a ser feita pela equipa do programa "Sexta às 9". Há uma nova polémica …

Bruno Lage renova com o Benfica até 2024

O treinador do Benfica, Bruno Lage, renovou o contrato até 2024, anunciou hoje o clube campeão português de futebol, no seu site oficial. Bruno Lage, de 43 anos, assumiu o comando da equipa principal do Benfica …

Autonomia para a contratação nos hospitais continua a depender de Centeno

Os hospitais já não precisam de autorização do Ministério das Finanças para substituir os profissionais de saúde. Porém, se quiserem ter total autonomia, continuam a precisar da aprovação do ministério tutelado por Mário Centeno. Na quarta-feira, …