SIRESP ameaça cortar comunicações se o Governo não pagar dívida

Elvis Gonzalez / EPA

A apenas uma semana do aumento do nível de perigo dos fogos, os satélites de comunicações podem ser desligados por falta de pagamento do Estado.

A SIRESP, S.A. está a ameaçar desligar os satélites de comunicação, que funcionam como alternativa e asseguram a transmissão das comunicações em caso de falha dos outros meios, caso o Governo não pague os mais de 11 milhões de euros que deve à empresa.

A notícia é avançada esta sexta-feira pelo Jornal de Notícias, que adianta que estes sistemas de redundância foram instalados após as falhas de comunicação que ocorreram nos incêndios de 2017 e fazem parte de um investimento que o consórcio quer que o Governo pague, mas que o Tribunal de Contas chumbou por duas vezes.

O valor da dívida, de mais de 11 milhões de euros, diz respeito a investimentos feitos no ano passado a pedido do Governo: nove milhões de euros em sistemas de redundância determinados em Conselho de Ministros, oito rendas mensais de 200 mil euros e outros custos relativos à manutenção de antenas e uso de satélite. A dívida pode ditar a insolvência da empresa já em setembro.

Se o Governo não pagar a dívida, a empresa ameaça desligar os equipamentos com recurso a satélite. Esta situação acontece a apenas uma semana da subida do estado de alerta da Proteção Civil relativamente a fogos rurais.

O Jornal de Notícias realça que ainda não é claro de que forma o investimento vai ser pago. O Governo comprometeu-se a assegurá-lo, mas o Tribunal de Contas chumbou por duas vezes a possibilidade de ser o Estado a cumprir esses custos por falta de documentação e pareceres.

O sistema de redundância foi proposto pela comissão técnica independente que avaliou os incêndios de 2017 e consiste na ativação de estações base com ligação a satélite sempre que há uma falha noutra estação.

Nos últimos meses, a SIRESP, S.A., empresa que é controlada maioritariamente pela Altice, reuniu com as Secretarias de Estado das Finanças, do Tesouro e da Proteção Civil e alertou para as dificuldades da empresa. O Executivo tem até esta sexta-feira para apresentar uma solução.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O SIRESP falhou redondamente quando foi mais necessário, e não foi só uma vez, mas não foi responsabilizado.
    Agora querem que o povo pague mais para essa aberração disfuncional?
    Quem é que anda a meter dinheiro ao bolso que não lhe deveria pertencer?
    Rico desgoverno este que paga tudo o que lhe pedem, eu também quero uns milhões…

  2. Aí está mais uma bela PPP!…
    Falharam em vários momentos de emergência e, em vez de corrigir e indemnizar o Estado, ainda querem mais dinheiro!

RESPONDER

Veneno de tarântula pode ser benéfico no tratamento de dores viscerais

Uma equipa de investigadores australianos identificou dois peptídeos do veneno da tarântula, que podem ajudar a aliviar dores em órgãos do sistema digestivo. Há algum tempo que os cientistas investigam a funcionalidade do veneno em doenças, …

Cientistas propõem reciclar beatas de cigarro para fazer tijolos

Os cientistas afirmam que se apenas 2,5% dos tijolos produzidos em todo o mundo, anualmente, incluíssem 1% de beatas, seria possível reciclar todas as pontas de cigarro a nível global. Um grupo de investigadores da Escola …

Taxa de natalidade desce quase um terço em cidade chinesa

As autoridades chinesas reconheceram oficialmente que a taxa de nascimentos em Xinjiang, cidade situada no noroeste da China, desceu quase um terço em 2018, comparada com o ano anterior. De acordo com a CNN, o governo …

Dynetics revela o módulo lunar do programa Artemis (incluindo o interior)

A empresa norte-americana Dynetics revelou, no dia 15 de setembro, um modelo em escala real do módulo lunar especialmente projetado para levar os astronautas da NASA à Lua já em 2024, como parte do programa …

Polícia de Nova Iorque de origem tibetana acusado de espiar ao serviço da China

Um polícia nova-iorquino originário do Tibete foi acusado de espionagem pelas autoridades norte-americanas por, supostamente, ter recolhido para o Governo chinês informações sobre a comunidade tibetana em Nova Iorque. De acordo com a acusação das autoridades …

Football Leaks. PJ desconhecia acesso das autoridades francesas às provas

O inspetor da PJ, José Amador, revelou, esta terça-feira, que esta polícia não teve conhecimento do acesso das autoridades francesas às provas apreendidas a Rui Pinto durante a sua detenção na Hungria. Na quinta sessão do …

Aldeões ajudam tropas indianas que enfrentam militares chineses nos Himalaias

Cerca de 100 residentes da vila de Chushul atravessam o território indiano de Ladakh para chegar a um pico dos Himalaias conhecido como Black Top, a uma altitude de mais de 4500 metros, levando suprimentos …

Detido na Rússia líder religioso que diz ser a reencarnação de Jesus

O líder religioso, que diz ser a reencarnação de Jesus, foi detido, na Rússia, esta terça-feira, durante uma operação especial. De acordo com as imagens divulgadas pelo jornal The Guardian, vários agentes da polícia, armados e …

Covid-19: Universidade de Coimbra tem novo programa de rastreio aleatório para alunos e docentes

A Universidade de Coimbra (UC) preparou um Plano de Prevenção e Protocolo de Atuação para garantir o regresso às aulas em segurança para alunos, professores, docentes e comunidade. "Tendo em conta a situação pandémica que estamos …

Jogador substituído aos 14 segundos

Substituição insólita foi realizada na primeira divisão da Estónia. Jovem nem tocou na bola. Jogo da 21.ª jornada do campeonato nacional da Estónia, primeira divisão. O FCI Levadia recebe o JK Nõmme Kalju e vence por …