Aviação desespera por apoios financeiros. “O Apocalipse é agora”

Blake Burkhart / Flickr

A crise do novo coronavírus deverá privar o setor mundial de transporte aéreo de 252 mil milhões de dólares de receitas este ano, mais do dobro do previsto anteriormente (113 mil milhões dólares).

“Trata-se da crise mais profunda de sempre para a nossa indústria”, afirmou o diretor-geral da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), Alexandre de Juniac, durante uma conferência telefónica, apelando a governos para ajudarem quando se aproxima “uma crise de liquidez”. “Precisamos desesperadamente de dinheiro”, adiantou.

A crise causada pela pandemia de Covid-19 afeta agora 98% do tráfego de passageiros em todo o mundo, de acordo com a IATA, precisando que no início do ano uma companhia aérea dispunha de uma margem de dois meses de tesouraria.

Na semana passada, as companhias, muitas com a quase totalidade da frota em terra devido às restrições de circulação impostas devido à pandemia, já tinham lançado um apelo para uma ajuda até 200 mil milhões de dólares (cerca de 185 mil milhões de euros).

A Associação Internacional de Transporte Aéreo, que reúne 290 companhias que representam 82% do tráfego mundial, pediu “apoio financeiro direto” para os transportadores de passageiros e de mercadorias para compensar o que não ganham e superar as dificuldades de tesouraria, mas também empréstimos e garantias da parte dos Governos e bancos centrais ou alívio nos impostos e nos encargos sociais.

“Para as companhias aéreas, o Apocalipse é agora. E há uma pequena e cada vez menor janela para que os Governos nos forneçam uma linha de apoio financeiro para impedir que uma crise de liquidez feche o setor”, disse ainda, citado pelo portal Techxplor.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. A massificação da aviação é exatamente um dos responsáveis diretos por esta pandemia : cá na nossa terra lusa até um sem abrigo reúne facilmente 50,00 euros para ir á CHINA na Companhia Low-Coast “EASYJET” tomar um café … Ou outra semelhante – as perdas de tesouraria destas companhias privadas é da responsabilidade delas e dos seus mentores ( Brason e outros) – é deixá-las cair … É a lei do mercado livre .A minha empresa unipessoal tem a facturação a “zeros” e é certo que ninguém me vai dar dinheiro para eu pagar as minhas despesas e o meu salário (sou o único empregado da mesma ); com hotéis, motéis e hostels, AL, deve ser a mesma coisa – quem abriu milhares de hotéis pelo mundo que assuma agora o problema de tesouraria… quem mandou abrir tanto hotel? – comam agora da sua ganância! pois “ Não há sol que sempre dure!” – Não previram esta crise ? Problema de quem investiu – No mercado acionista não é assim ? O risco é sempre de quem investe !…
    Olé!

    • Concordo em parte. Também sou trabalhador independente mas, felizmente, tenho trabalho, não sei é se vou receber…
      Para mim, o maior mal das empresas aeronáuticas é de ligarem o mundo globalmente, nem falo de dinheiro, o povo arranja sempre dinheiro para viajar.
      Haja festa que o dinheiro logo se vê, primeiro as viagens.
      Se virmos bem, os contágios têm sido maioritariamente provenientes de pessoas que voltam de viagens, de avião, de barco, etc.
      Mas os custos virão para todos os outros, quanto menores as pessoas forem na escala social mais vão ser sacrificados.
      Desejos de altos voos…

    • Porra…sendo você trabalhador independente acusa os outros de lutar por ter o seu trabalho. Como eram os do alojamento local. Eles são gananciosos, você não.
      Para além disso, acha incorrecto os voos serem baratos. Acaso a deslocação pelo mundo só pode ser efectuada por “ricos”?? Os restantes, teremos de nos contentar com andar de metro e camioneta?

  2. Os Pilotos que dispensem os ordenados chorudos que recebem todo o ano. Antes eu viajava com direito a bagagem e agora só posso levar um par de cuecas ou então pagar cerca de 100,00 euros por uma mala de 32 kg.
    Agora se desse para voltarem atrás no tempo as companhias Aéreas não levariam dinheiro pelas malas dos clientes, para terem passageiros.

RESPONDER

Metade dos chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se em bloco

Uma dezena de chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se esta segunda-feira, em protesto contra a falta de condições de trabalho e o "desinvestimento" no Serviço Nacional de Saúde. Contactada pela agência Lusa, …

Primeiro-ministro da Polónia acusa UE de ter "arma apontada à cabeça" do país

O primeiro-ministro polaco acusou a União Europeia (UE), esta segunda-feira, de "ter uma arma pontada à cabeça" da Polónia, ao exigir que Varsóvia reveja as reformas judiciais, ameaçando-a com sanções. Numa entrevista publicada pelo Financial Times, …

Carlos César acusa BE e PCP de terem preferido "jogos de poder"

O presidente do PS acusou, esta segunda-feira, os partidos de esquerda de terem preferido "os jogos de poder", no seguimento do anúncio de ambos do voto contra o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "BE e …

O dirigente do PSD Paulo Mota Pinto

Mota Pinto aponta "irresponsabilidade" de marcar diretas. Rangel reforça importância de ter líder "fortemente legitimado"

O dirigente do PSD defendeu, esta segunda-feira, que o partido "está preparado" para legislativas antecipadas, defendendo que estas devem ocorrer "o mais rapidamente possível". Em declarações à agência Lusa, o presidente da Mesa do Congresso e …

EMA aprova terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) deu luz verde, esta segunda-feira, à administração da terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos. Em comunicado, a agência refere que os dados apontam que uma …

Câmara do Porto aprova sistema de videovigilância no centro histórico

Esta segunda-feira, na reunião do Executivo portuense, foi aprovado, com o voto contra da CDU e do BE, o protocolo a celebrar com a PSP para implementação da videovigilância na Baixa do Porto. O presidente da …

Conselho das Finanças Públicas alerta para riscos na TAP e falta de orçamentação para Novo Banco

O Conselho das Finanças Públicas (CFP) alertou esta segunda-feira, numa análise à proposta do Governo para o Orçamento do Estado de 2022 (OE2022), para a possibilidade de se injetar mais dinheiro na TAP e no …

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho

Novo Banco apresenta nova imagem. "Agora é o renascimento", diz Ramalho

O presidente do Novo Banco disse, esta segunda-feira, que a nova imagem representa o "renascimento" da instituição financeira, que está numa "rota de lucro e rendibilidade". Na apresentação da nova imagem de marca do Novo Banco, …

Governo disponível para suspender caducidade de convenções coletivas "sem limite de tempo"

O Governo está disponível para avançar com a suspensão dos prazos da caducidade das convenções coletivas "sem limite de tempo", disse, esta segunda-feira, no Parlamento a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social. A medida foi …

PEV também vota contra o Orçamento do Estado para 2022

O partido ecologista "Os Verdes" (PEV) anunciou, esta segunda-feira, que também vai votar contra o Orçamento do Estado para 2022. Em conferência de imprensa, na Assembleia da República, José Luís Ferreira disse que "o grupo parlamentar …