Nova identidade, ordenado e casa. PJ deverá recrutar Rui Pinto para ser investigador do Estado

Mário Cruz / Lusa

O Correio da Manhã avançou este domingo que a Polícia Judiciária (PJ) vai recrutar o pirata informático Rui Pinto, criador do Football Leaks e fonte do caso Luanda Leaks, para ser investigador do Estado.

De acordo com o Correio da Manhã, que avançou a notícia no domingo, a Polícia Judiciária (PJ) pretende que Rui Pinto, de 31 anos, passe a ser investigador do Estado, colaborando nos grandes casos de corrupção e “disponibilizando as suas perícias informáticas”.

Segundo o CM, a colaboração de Rui Pinto com a PJ “poderá contemplar nova identidade, com ordenado, casa e despesas pagas”. O pirata informático terá acesso ilimitado à Internet e deverá fornecer “todos os dados que as investigações necessitarem”.

Esta notícia surge dias depois de Rui Pinto ter saído de prisão domiciliária, medida de coação em vigor desde abril. Rui Pinto está acusado de 90 crimes e deve aguardar julgamento em liberdade, com obrigação de se apresentar periodicamente às autoridades.

O arguido, que desde 8 de abril se encontrava em prisão domiciliária e proibido de aceder à Internet, ficará numa casa-abrigo do programa de proteção de testemunhas.

O Sol relata esta segunda-feira que Rui Pinto estará agora num apartamento na zona da Grande Lisboa, com direito a segurança pessoal, assegurada por agentes da PSP.

Em declarações à TSF, o perito em investigação criminal e segurança e antigo inspetor da PJ, André Inácio, considerou que esta é uma notícia preocupante e que dá a ideia de que “o crime compensa”, podendo motivar outros hackers a tomar ações criminosas para ganharem notoriedade. “Importa recordar que Rui Pinto é um pirata informático que foi apanhado, não é um arrependido, portanto é alguém que se não tivesse sido detido teria continuado a sua atividade criminosa”, disse.

O Ministério Público (MP) também se opôs à decisão de libertar Rui Pinto. No entender da procuradora Marta Viegas, a libertação de Rui Pinto “não irá acautelar de forma eficaz os perigos de continuação de atividade criminosa nem o de fuga”.

O alegado hacker português foi detido a 16 de janeiro de 2019, em Budapeste, na Hungria, onde então residia. O seu julgamento tem início agendado para 4 de setembro, e terá lugar no Campus da Justiça, em Lisboa.

O MP acusou Rui Pinto de 147 crimes, 75 dos quais de acesso ilegítimo, 70 de violação de correspondência, um de sabotagem informática e um de tentativa de extorsão, por aceder aos sistemas informáticos do Sporting, da Doyen, da sociedade de advogados PLMJ, da FPF e da Procuradoria-Geral da República.

Rui Pinto, criador do Football Leaks, revelou ter entregado um disco rígido à Plataforma de Proteção de Denunciantes na África, que permitiu a revelação dos Luanda Leaks, um caso de corrupção relacionado com a empresária angolana Isabel dos Santos, no qual “tropeçou” sem querer.

ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

    • Decisão inteligente ??? Ou política para Português ver?

      A PJ não tem falta de competência, tem limitação de ação, um investigador não pode assaltar uma casa para investigar, neste caso os policias da investigação informatica tem a mesma limitação, sem ordem de tribunal não podem invadir dados, qualquer dado que este pirata aceda, tem de ter ordem judicia ou então serve de nada.

      Esta decisão é apenas para ajudar alguns poderosos com rabinho apertado e satisfazer ignorantes, que não fazem ou não querem fazer idea de como funciona a nossa constituição e a nossa justiça e pensão que podem ter cowboys a investigar … um acto politico e com interesse em que não se descubra exactamente o que este pirata sabe e certamente ameaçou divulgar ( e não creio que seja sobre futebol ou clubes).
      É ainda um desrespeito pelos nossos investigadores, varias vezes aclamados pela Europa e a nível de entidades de renome mundial e se não fossem melhores que o Ruizinho, não o tinham apanhado.

  1. Está mal visto e decidido: o rapaz, que sozinho num processo de auto-formação conseguiu mostrar que a internet tem mais buracos que uma manta rota, devia ser contratado, em total auto-gestão, para criar sistemas de inteligência artificial, que pudessem habilmente substituir os políticos e banqueiros portugueses, que têm o país há muitos anos na falência. Agora para andar a fazer serviço de polícia hum…

    • Oh Vinagre acho que dizes bem, mas não te preocupes porque qualquer dia aparece-lhe pela frente um mulherão de alto coturno, mandada por uma “secreta” de países bem mais desenvolvidos em IA do que nós, que estamos no ponto zero da questão, abre-lhe as pernas e leva-o em dois tempos. E Portugal, como sempre, chama uns especialistas de telejornal para comentarem o assunto, largam umas baboseiras e pronto.

  2. Questiono: para quê? Fazer de conta que existe julgamento e condenação em Portugal? Não temos falta de uma já competente PJ e investigadores, falta sim vencer a barreira da impunidade generalizada

  3. Até concordo que as mentes iluminadas devam ser aproveitadas mas para fazer o bem, para o mal já temos muitos…
    Ele esteve preso preventivamente por se temer que continuasse a executar os crimes informáticos, está até acusado de 90 crimes, mas como vai praticar os seus crimes para o estado, já pode ser libertado, tem uma casa segura, tem salário, terá nova identidade, etc..
    Isto pode querer dizer que o crime compensa, pelo menos quando é praticado em acordo com o estado.
    Assim já não vêm a público os escândalos onde estão implicados os clubes de futebol e outros poderes e poderosos, terá a censura a filtrar o que pode ou não divulgar-se.
    Os menos poderosos que se cuidem…

  4. Oxalá o Rui não se venda! Vale mais ter um pirata informático fora da lei a espalhar escândalos nos jornais do que 10 investigadores na PJ amarrados de pés e mãos ou às ordens dos políticos.

  5. Acho tudo muito estranho. Uma pessoa que ainda vai responder em tribunal por 90 crimes. Não se sabe se será absolvido ou quantos anos apanhará e fala-se já como se ele já estivesse livre? E foi um criminoso aos olhos da lei e agora parece que já vai ser o maior?? Hunununun.

  6. Contrata-lo como agente de investigação por conta do Estado, quando vem de denunciar a corrupção generalizada neste país; das duas uma, ou é para o maniatar uma vez por todas e silencia-lo ou investigar só o que convém . Nos dois casos, contratar este “Virtuose do teclado” será passar um atestado de incompetência aos serviços de inteligência do estado !

  7. Este herói é uma ameaça gigante para estes corruptos impunes que querem continuar a ter a cara lavada, eles são espertos para roubar gerente o dinheiro sem dono, do estado mas ao mesmo tempo são muito pouco inteligentes e aliterados informáticos. Este rapaz não se pode deixar controlar por eles e esta proposta poderá ser nesse sentido. Alguma vez ele a trabalhar para a polícia teria maneira de expor o caso Luanda Leaks? Nunca, demasiadas influências. Por isso cuidado, talvez seja melhor ter este rapaz a fazer o bem como já fazia, ainda que seja um fardo para ele tanta perseguição. Ele devia era arranjar mecenas justos que o apoiassem e que lhe dessem capacidade e poder para se defender, senão coitado, está sempre sozinho atirado aos lobos. Rui Pinto, cria um Patreon e vamos todos contribuir para continuares a fazer o que fazes melhor de forma completamente independente, expor estes podres que parasitam esta sociedade e que acordam de manhã a sorrir sem vergonha na cara a escorrer impunidade num país onde a justiça só funciona para reprimir os mais desfavorecidos mas onde absolutamente nenhum crime de colarinho branco sofre qualquer tipo de consequência, nem sequer social, quantos trafulhas andam aí depois de cabalmente expostos até, a continuar a ser tratados como senhores doutores e suas excelências, com o povo curvado a estender passadeiras vermelhas, uma vergonha.

  8. Há quem lhe chame criminoso por ter posto tantos crimes a nu, assim não o entendo e mais vale tê-lo do lado certo colaborando e aproveitando o seu saber, do que escorraçá-lo e uma vez em liberdade, ir embora do país e pôr-se ao serviço de outros.

  9. Se vivesse-mos num país com governantes sérios, esta noticia sobre Rui Pinto, deveria deixa-los felizes. se tivesse algum poder neste país, todos os que se manifestassem contra esta actitude da PJ, que é de louvar, seriam mandados investigar. Mas, é claro, estão contra porque,certamente,estão com medo do que vier a ser descoberto, porque lhes vai descobrir toda a podridão, também alguns ex-policias como esse ex-inspetor, que parece desconhecer o que é um verdadeiro criminoso, e tudo leva a crer que está ao serviço de alguém duvidoso. e mesmo que não esteja, é d’aqueles Portugueses, que parece defender a praga que é a corrupção, trafico de influencias , compadrio,,, etc, e tudo pago pelos Portugueses.

RESPONDER

Fisco alerta para mensagens falsas enviadas a contribuintes

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) alertou os contribuintes, numa mensagem no portal das Finanças, para o envio de mensagens falsas para o telemóvel nas quais é pedido que se carregue em 'links' que são …

"Pandemia do medo". Crianças brincam cada vez menos e isso pode aumentar a ansiedade

A pandemia assim o obriga. Mais tempo fechadas em salas de aula e sem oportunidades para brincarem com os amigos, as crianças estão cada vez mais sedentárias e isso não é positivo para o seu …

Convívio deve ser limitado às pessoas com quem se vive, apela DGS

A diretora-geral da Saúde apelou aos portugueses, esta segunda-feira, na conferência de imprensa sobre a evolução da pandemia em Portugal, para limitarem os contactos físicos às pessoas com quem vivem. "Ao conviver em presença com familiares …

"Lembranças da Lua." China prepara missão para recolher amostras do solo lunar

A China vai fazer a primeira tentativa desde os anos 70 de ir à Lua recolher rochas. A missão ficará a cargo da Chang'e 5, que será lançada esta terça-feira. A Chang'e 5 vai realizar a …

Hotéis já podem ser usados como escritórios e centros de dia

Os estabelecimentos hoteleiros, de turismo de habitação e resorts já estão autorizados a serem temporariamente usados como escritórios, showrooms e centros de dia, segundo o decreto-lei publicado em Diário da República. O diploma publicado no domingo, …

Bolsonaro critica "ataques injustificados" sobre a desflorestação da Amazónia

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, considerou durante a cimeira virtual do G20, que as críticas sobre o aumento da desflorestação são "ataques injustificados" e "demagógicos" que surgem de países "menos competitivos". “Eu apresento factos, dados …

Dois novos casos de legionella diagnosticados no Grande Porto

Mais duas pessoas foram diagnosticadas com legionella, esta segunda-feira, na região do Grande Porto, elevando para 87 o número de casos identificados desde o início do surto. Fonte da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-Norte) …

Reformaram-se 1.649 professores este ano. É o valor mais alto desde 2013

Este ano, reformaram-se mais 1.649 professores em Portugal continental. É o valor mais alto dos últimos sete anos. De acordo com o Correio da Manhã, entre janeiro e dezembro deste ano, aposentaram-se 1.649 professores em Portugal …

Já foram assassinadas 30 mulheres este ano, metade por violência doméstica

O Observatório das Mulheres Assassinadas (OMA) contabilizou 30 mulheres assassinadas entre 1 de janeiro e o dia 15 de novembro, 16 das quais em contexto de relações de intimidade, um valor abaixo das 21 registadas …

Netanyahu terá visitado Arábia Saudita (e reunido com Mike Pompeo e o príncipe herdeiro em segredo)

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, terá viajado no domingo em segredo à Arábia Saudita para se encontrar com o príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman, divulgaram esta segunda-feira vários meios de comunicação de Israel. De acordo …