Rui Rio “humilhou” a bancada do PSD

PSD / Flickr

O presidente do PSD, Rui Rio

O deputado socialista Porfírio Silva disse esta quarta-feira no Parlamento que Rui Rio humilhou o próprio partido ao afirmar que o PSD não recuou no sentido de voto do diploma sobre a aprovação integral de tempo de serviço dos professores. 

“Rui Rio tem-se revelado aos portugueses nestes últimos dias. Onde realmente se revela a fibra de um político, é quando [Rui Rio] não hesita em tentar construir uma cortina de fumo, lançando lama sobre o parlamento, humilhando os deputados do seu próprio partido, que, segundo a comunicação social, estiveram sempre ao telefone com ele durante a reunião”, criticou o dirigente socialista

“E dizendo que os trabalhos da Comissão de Educação foram uma confusão, como sempre, procurando dar a ideia de que ninguém sabia bem o que estava a fazer, que ninguém sabia o que tinha sido votado – mas a verdade é que todos sabíamos bem o que tínhamos votado, nomeadamente os que vieram cantar vitória aos microfones”, acrescentou.

Porfírio Silva sugeriu ainda que sociais-democratas tinham uma agenda escondida ao aprovar a medida em causa, que passava por “despedir professores” e “infernizar permanentemente a vida da escola pública”.

No debate desta quarta-feira, que foi muito marcado pela discussão sobre o tempo de serviço dos professores, todos os partidos trocaram acusações. PSD, CDS, Bloco e PCP apontaram baterias ao Executivo de António Costa, ao passo que os socialistas defenderam-se atacando o líder do PSD.

O líder parlamentar do Bloco de Esquerda, Pedro Filipe Soares, acusou António Costa de “febre eleitoral”, devidamente apoiada pelo ministro das Finanças, autor de de uma “aldrabice” orçamental. O bloquista referia-se ao relatório da Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO), que sustenta que ao descongelamento da carreiras dos professores custaria 567 milhões de euros e não 800 milhões, como avançado por Mário Centeno.

“Os dados da UTAO trazem uma clarificação definitiva e indispensável e demonstram como o ministro Mário Centeno montou o guião financeiro desta crise artificial completamente baseado em mentiras. Percebemos que são contas ‘à la’ Eurogrupo. A UTAO desmente absolutamente o Governo e Mário Centeno”.

No fundo, e tal como explica o semanário Expresso, estes valores não divergem: diferença entre o valor avançado pela UTAO e o valor defendido por Centeno tem uma razão de ser: as contas do Governo foram apresentadas em valores brutos, enquanto as da UTAO dizem respeito a valores líquidos (considerando a Segurança Social e o IRS).

Os deputados dos CDS e do PSD atacaram também António Costa. “Quando o país precisava de um estadista tivemos um político habilidoso”, atirou a centrista Cecília Meireles. Por parte do PSD, Adão Silva, vice-presidente da bancada, classificou a ameça de demissão de Costa como um “golpe de teatro rasca”. E vincou:“Nós não mudámos de posição. Não recuámos. Não temos duas caras. Não enganámos os portugueses. Não fazemos o teatro”, defendeu o social-democrata.

O Bloco, pela voz do seu líder parlamentar João Oliveira, recorreu também ao argumento da crise política encenada. “A cinco meses de eleições legislativas, o que o país precisa é de avançar com uma política alternativa para resolver os problemas nacionais em vez de se deixar enredar em crises políticas criadas por calculismo eleitoral e fixações em maiorias absolutas”, afirmou o comunista.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Os tabefes foram bem aplicados… aquela bancada de braço dado com o BE e PCP , deveria ser toda corrida. Deram um presente a Costa !

  2. Rio tem razão, a bancada do PSD é que anda sem rumo, e depois é a vergonha que se vê. Mas Rio não deveria ter humilhado a bancada, bastava simplesmente e longe dos olhares indiscretos, dar umas boas vergastadas no rabo em cada um deles, a ver se aprendiam.

  3. Cómico é deputados não perceberem a diferença entre valore bruto e líquido e virem atirar areia para os olhos dos Portugueses com desinformação!
    Essa Pedro Filipe Soares preferiu o teatro do ataque politico ao dever de se debater com argumentos factuais e verdadeiros, mentir para ver se passa e engana alguns contribuintes e eleitores é jogo sujo do mais reles, fazer politica assim é bom não é BE?

  4. O Rui Rio é o único do PSD que parece ter a noção do que seria a aprovação desse diploma. É que não são só os professores que ficaram “congelados” foram todos os funcionários. Se aprovar para essa categoria, por igualdade de direitos, terão de aprovar para os restantes portuguesas. Há que pensar muito bem, fazer corretamente as contas e ver se tem onde ir buscar dinheiro para pagar essas contas, quer o atual governo que os vindouros. Caso contrário será uma casa onde mais uma vez os pequenos é que vão pagar as favas.

RESPONDER

Pela primeira vez, a idade da reforma pode cair (e a culpa é da pandemia)

A idade da reforma é determinada pela esperança média de vida. No entanto, a pandemia e o consequente aumento da mortalidade podem fazer cair esse indicador, levando a um recuo histórico na idade da reforma. Até …

Onde estão os antigos "donos disto tudo" no desporto?

Sporting parece estar em ano de regresso ao topo do futebol. Mas outros clubes dominadores, ou desapareceram, ou andam discretos. "Felizmente não subimos à I Divisão", admite o presidente do HC Sintra. "Donos disto tudo" pode …

Após chumbo ao aeroporto do Montijo, Governo quer mudar a Lei para tirar poder aos municípios

O chumbo ao aeroporto do Montijo, depois de os municípios da Moita e do Seixal terem reprovado o projecto, não demove o Governo da empreitada. Em cima da mesa estão três soluções e a intenção …

Vacina da Janssen deverá ser aprovada na Europa a 11 de março. Imunizante só requer uma toma

A Agência Europeia do Medicamento convocou uma reunião extraordinária para concluir a avaliação da vacina à covid-19 da multinacional Janssen, com vista a colocá-la rapidamente no mercado. Neste sentido, espera-se que haja mais uma vacina contra …

Medina leva nega. Bloco, PCP e PAN querem concorrer sozinhos em Lisboa

O anúncio de que Carlos Moedas vai encabeçar a candidatura PSD/CDS à Câmara Municipal de Lisboa uniu a direita, mas não mudou a estratégia da esquerda. O Bloco, o PCP e o PAN querem concorrer …

Coates alcançou feito sem paralelo na Europa

Coates não comete uma única falta há mais de um mês, embora tenha sido totalista de minutos nesse período. É o único jogador das principais ligas europeias a consegui-lo. Provavelmente já não se lembra da última …

"Nunca batem certo". Madeira contesta dados do boletim da DGS

As autoridades regionais madeirenses afirmam que "os números fidedignos são os dados reportados, diariamente, pela Direção Regional de Saúde". A Direção Regional da Saúde (DRS) da Madeira contestou, esta terça-feira, os dados reportados nos boletins da …

I Liga pondera reduzir número de equipas a partir de 2022/2023

O desportivo Record avança esta quarta-feira que a Liga de Clube pondera reduzir o número de equipas em competição na I Liga já a partir da época de 2022/2023. Em cima da mesa está a redução …

Sob risco de expulsão, Fidesz de Orbán deixa bancada do Partido Popular Europeu pelo próprio pé

O partido Fidesz, liderado pelo primeiro-ministro húngaro Viktor Orbán, vai deixar a bancada do Partido Popular Europeu no Parlamento Europeu. De acordo com a agência Reuters, o partido Fidesz, que governa a Hungria, anunciou esta quarta-feira …

Varandas move mundos e fundos por João Mário, que ganha dobro do teto salarial

Frederico Varandas está disposto a investir na contratação em definitivo de João Mário. O médio do Inter ganha quase o dobro do teto salarial em Alvalade. "João Mário é para ficar", lê-se esta quarta-feira na capa …