PS deixa cair lei. Subvenções vitalícias continuam em segredo

partidosocialista / Flickr

O Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva

Quando a lista das subvenções mensais vitalícias foi suspensa, em agosto de 2018, o PS anunciou que aprovaria uma proposta que garantisse a sua publicação. Onze meses depois, concluiu que não é necessária.

A Caixa Geral de Aposentações (CGA) suspendeu a publicação da lista de beneficiários de subvenções mensais vitalícias dos políticos, em agosto do ano passado, por causa do Regulamento Geral de Proteção de Dados. O PS ficou de apresentar uma proposta de lei. Agora diz que não é preciso.

Este “apagão”, que já se prolonga há quase um ano, está para ficar, segundo avança o Jornal de Negócios esta terça-feira. Na passada sexta-feira, dia do último plenário, o conteúdo da proposta do PS ainda não constava dos diplomas aprovados.

As subvenções mensais vitalícias nasceram em 1985 e são rendimentos mensais atribuídos a ex-titulares de cargos políticos – entre outros – que tenham ocupado funções durante oito ou doze anos.

O primeiro Governo de Sócrates acabou com estas subvenções, mas quem até essa legislatura cumpriu os requisitos ainda as pode solicitar. Ao Jornal de Negócios, o deputado socialista que defendeu a criação de legislação específica para permitir a divulgação das subvenções explicou que o entendimento atual já é diferente e que provavelmente não é necessário uma lei específica.

“Sempre fomos de opinião que não era preciso, mas avançámos com a proposta para que ficasse na lei. Não ficou, mas na verdade não é preciso. Nada impede que a lista seja publicada“, disse Pedro Delgado Alves.

Contudo, e confrontada com esta posição do PS, o Ministério do Trabalho remeteu a responsabilidade de volta ao Parlamento. “Cabe agora à Assembleia da República criar o enquadramento legal necessário para a republicação da lista de beneficiários das subvenções mensais vitalícias. A CGA aplicará aquilo que resultar da legislação aprovada pela Assembleia da República”, avançou fonte oficial.

Quase quinze anos depois de o Parlamento ter decidido acabar com as subvenções vitalícias, existem ainda 322 beneficiários de subvenções mensais vitalícias para antigos políticos. Destes, 216 têm uma acumulação de pensão e subvenção superior ao salário do cargo de ministro.

O Orçamento de Estado para 2019 prevê um gasto de 7,17 milhões de euros com as subvenções vitalícias atribuídas a políticos. Este valor desce apenas 90 mil euros, relativamente a 2018.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Como português com todos os impostos em dia tenho muito mais direito a uma subvenção mensal vitalícia que os políticos corruptos e inuteis deste país!

    • Eu também queria muita coisa. Mamãe eu quero, mamãe eu quero… Mas estás cá com uma sorte que nem água bebes… Essa te garanto eu.

      • Este gajo MMQ é um XUXA descontrolado. Um tipo que defende, com fervor, a gentalha bancarroteira socialista, mas sem a mínima solidez mental e racionalidade.

  2. Qual é a surpresa?
    Mas alguém com dois dedos de testa esperava que o nome destes cavalheiros viesse a público?
    Continuamos os mesmos crédulos e ingénuos de sempre…

  3. Este segredo do governo é para incluir mais dois subvencionistas: o Carlos César (da família toda com tacho) e o Vieira da Silva (o tal da Raríssimas e das luvas do Estado dadas à sogra).

Responder a i-li Cancelar resposta

Moody’s mantém rating de Portugal acima do "lixo"

A agência de rating norte-americana manteve, esta sexta-feira, a notação financeira de Portugal em “Baa3”, acima de lixo, e a perspetiva em positiva. De acordo com um comunicado no site da agência, a Moody's assinala que …

Suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano ficam em prisão preventiva

Os cinco suspeitos da morte do estudante cabo-verdiano vão aguardar julgamento em prisão preventiva, indiciados pelos crimes de homicídio qualificado e três tentativas de homicídio. A decisão, lida aos jornalistas cerca das 23h30 de sexta-feira por …

Cientistas descobriram o ponto fraco dos tardígrados

Os tardígrados, também chamados ursos de água, são conhecidos pela sua resistência. Mas um novo estudo revela agora que estes pequenos organismos também têm um ponto fraco: exposição de longo prazo a altas temperaturas. Em 2018, …

Detetadas "partículas fantasmagóricas" que o Modelo Padrão não pode explicar

O observatório IceCube, localizado no Pólo Sul, revelou que a Antena Antena Antártida de Impulso Transitivo (ANITA) detetou alguns "sinais muito estranhos" que "não pode ser explicados" pelo Modelo Padrão da Física. O projeto ANITA, …

Descoberto primeiro asteróide que se move apenas dentro da órbita de Vénus

Uma rede de telescópios robóticos operados à distância observou um asteróide que, além de ser o asteróide mais próximo do Sol, é também o primeiro asteróide descoberto que se move completamente dentro da órbita de …

Mark Zuckerberg tem medo do TikTok (e já se sabe porquê)

Mark Zuckerberg já deixou claro, mais do que uma vez, que não gosta do TikTok. No entanto, agora sabemos o que está por trás desta hostilidade pelo rival: a aplicação está a crescer muito, mesmo …

A empresa mãe da Google já vale um bilião de dólares

Esta quinta-feira, a Alphabet, empresa mãe da Google, conseguiu uma cotação na bolsa de 1 bilião de dólares, cerca de 900 mil milhões de euros. A Alphabet tornou-se, esta quinta-feira, a quarta empresa norte-americana a conseguir …

Cientistas criam "cimento vivo" capaz de se "curar"

Uma equipa de cientistas dos Estados Unidos criou um "cimento vivo" juntando areia e bactérias num material de construção capaz de se auto-reproduzir, de absorver dióxido de carbono e manter a resistência. "Já usamos materiais biológicos …

Sporting 0-2 Benfica | Águia vence dérbi e foge na frente

O Benfica foi o grande vencedor do dérbi lisboeta. Na visita ao Sporting, os “encarnados” marcaram dois golos sem resposta, ambos na segunda parte, por Rafa Silva, entrado no decorrer da segunda parte, após ter …

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos

Um em cada seis homens é vítima de abuso sexual antes dos 18 anos e podem levam décadas até pedir ajuda, por nem sempre aceitarem e entenderem que sofreram violência sexual. Na maior parte dos …