“Portugal em situação única no mundo”. Peritos defendem o fim de todas as restrições (só há duas dúvidas)

Hugo Delgado / Lusa

Os especialistas responsáveis pela definição das medidas contra a pandemia de covid-19 vão defender, nesta quinta-feira, na reunião do Infarmed, o fim de todas as restrições obrigatórias, considerando que chegou o momento da “libertação total”. Mas há dúvidas quanto a dois sectores.

O Expresso foi ouvir alguns dos peritos que vão participar na reunião do Infarmed desta quinta-feira, 16 de Setembro, para reavaliar a situação da pandemia e decidir as medidas para os próximos tempos.

E fica claro que os especialistas ouvidos consideram que chegou “o momento de levantar a generalidade das restrições”, como cita o Expresso.



Assim, estes peritos entendem que “máscaras, certificados digitais, lotações de espaços, higienização das mãos e todas as restrições impostas aos portugueses contra a covid devem deixar de ser obrigatórias a partir do final do mês“, destaca o semanário.

Não há necessidade de manter medidas obrigatórias seja onde for”, consideram estes peritos que defendem que o importante é “reeducar a população para a auto-avaliação do risco, deixando os comportamentos ao critério de cada um”.

Neste momento, os peritos ouvidos pelo Expresso, que “preferem não ser identificados”, como frisa o jornal, só têm dúvidas quanto ao ensino e aos transportes públicos.

“Do ponto de vista da protecção da saúde pública, não precisamos de manter as medidas de controlo como até aqui, contudo acabar todas as restrições pode levar a população a deixar de sentir-se segura e não há necessidade que isso aconteça”, aponta um dos especialistas consultados pelo semanário.

Vacinação deixa Portugal em “situação única no mundo”

“Graças à vacinação, temos uma situação única no mundo, que provavelmente mais nenhum país conseguirá ter – só temos 11% de crianças com menos de 12 anos não elegíveis para vacinação; Israel, por exemplo, tem 22% e a adesão à vacina foi em massa, ao invés do que acontece na generalidade dos países – e há razões para vermos uma vitória colectiva“, refere outro perito ao Expresso.

Apesar desta posição, alguns especialistas admitem que possam surgir “posições mais conservadoras” na reunião do Infarmed, “desde logo da Direcção-Geral da Saúde, mas é preciso que todos entendam que Portugal está em condições ideais para fazer o regresso à normalidade”, concluem.

António Costa tinha dito, em Junho, que Portugal atingiria a “libertação total” da pandemia quando atingisse a meta dos 85% de portugueses com a vacinação completa, um objetivo que está perto de ser conseguido.

Há dias, o primeiro-ministro apontou que estávamos “a poucas semanas de dar esta pandemia como controlada“.

E a directora-geral de saúde, Graça Freitas, anunciou, numa entrevista, que muitas das regras que estão em vigor poderão vir a desaparecer brevemente.

ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. Não estamos nada numa situação única, é mentira. Muitos outros países já têm praticamente todas as pessoas vacinadas com as duas doses de uma qualquer vacina. Nós ainda não alcançámos o patamar desejável…

  2. E passo a citar… “Assim, estes peritos entendem que “máscaras, certificados digitais, lotações de espaços, higienização das mãos e todas as restrições impostas aos portugueses contra a covid devem deixar de ser obrigatórias a partir do final do mês“.
    higienização das mãos era obrigatória… Pasme-se.
    Agora vai deixar de ser. Mas não é suposto ser um acto natural?

  3. Sim. Mas se estiver atento ou ser realista há muita gente que não é responsável . Eu não penso que o fim desta situação está para breve . Neste País e no mundo muita coisa vai mudar no pós Pandemia . Seria intressante saber-se o porquê da aparição deste Vírus E o que está por de trás dessa aparição . Uma coisa tenho a certeza nós humanos somos de mais . Fazer uma 3ª Guerra mundial é impossivel . Não haver vencidos nem vencedores. Eu direi mais só haverá vencidos . Se calhar terão que capar os humanos machos ,para reduzir a população ,

  4. “Portugal em situação única no mundo”.

    2ª Temporada da “Netflix” resta saber como termina :/ !

    Na 1ª Temporada, também éramos um caso de estudo, depois, ficamos encerrados em casa por largos meses a seguir ao Natal!

    Até onde podem ir as verdades?
    As mentiras?
    O que será de facto verdade?
    O que será de facto mentira?

    Qual será o verdadeiro caminho que traçaram para os humanos?

    Enquanto isso os “outros” “Brincam” de astronautas e de supostas viagens à gravidade Zero :/

    O que estarão de verdade a preparar?

    Qual a correlação (se é que existe) ?

    Enfim, perguntas para as quais nunca nos darão respostas!, nem a historia, já que esta também é escrita pelos supostos “vencedores”

    Estão a combater o medo através do medo :/ conseguindo :/

    • Adorei, adorei… a sério! 🙂 É preciso humor para mantermos a sanidade mental. Mas parece que o vírus está a dar tréguas. No próximo episódio, vamos ver “Largueza das máscaras, para sempre!”.

    • Que propaganda tão irresponsável! Estamos em eleições. Isto está que é uma maravilha e alunos que ainda agora começaram as aulas já estão a ficar infetados com o Corona-Vírus. Por outro lado, o país do mundo com vacinação total é Israel. Não venham com ilusionismos para tentar apagar o triste recorde de Portugal, como o pior país do mundo no controlo da pandemia.

RESPONDER

Casa Branca oferece "telefonema educativo" a Nicki Minaj para acalmar apreensões sobre a vacina

Depois de um tweet de Nicki Minaj se ter tornado viral por associar a vacina contra a covid-19 à impotência, a Casa Branca convidou a rapper para um telefonema com especialistas para esclarecerem as suas …

Baterias de lítio-enxofre melhores e mais baratas? O segredo é uma pitada de açúcar

Uma colher cheia de açúcar pode ser o suficiente para permitir que um veículo elétrico faça uma viagem de Melbourne a Sidney (878 km) com uma única carga. Atualmente, os automóveis elétricos e os telemóveis utilizam …

Parlamento aprova na generalidade mudança do TC para Coimbra. Oito socialistas votaram a favor

A proposta passou com votos contra do Chega e PAN, abstenção do PCP, BE, PEV e maioria da bancada do PS e votos favoráveis do PSD, CDS, IL e de oito deputados socialistas. O resultado já …

Escola da Amadora queria proibir minissaias, decotes e chinelos - mas já voltou atrás

Um Agrupamento na Amadora publicou um código de vestuário que acendeu um debate nas redes sociais devido às regras que controlavam mais as raparigas. Entretanto, a escola já voltou atrás na decisão. Segundo escreve o Jornal …

Governo francês vai dar 100 euros a famílias carenciadas para pagar energia

O Governo francês vai entregar um cheque de 100 euros a 5,8 milhões de famílias de menores recursos para ajudar a pagar a fatura energética. A medida anunciada pelo executivo vai ter um custo de 580 …

Incidência e R(t) recuam em dia com mais 1.023 infetados e sete mortes

Portugal registou, esta sexta-feira, 1.023 novos casos e sete mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

Apoiantes de Navalny acusam Google e Apple de "censura" política

Os apoiantes de Alexei Navalny acusaram hoje as empresas Google e Apple de terem suprimido o apelo ao voto "útil" proposto pelo oposicionista através das respetivas plataformas, denunciando "censura" num processo eleitoral em que a …

Presidente da República argentino cancela viagens para impedir que vice assuma Governo

Cristina Kirchner é parceira maioritária na coligação de Governo e exige, entre outras mudanças, a substituição de ários ministros, secretários e presidentes de organismos públicos. Recentemente, tem mostrado em público o seu descontentamento face à …

"Bazuca" europeia não resolve problema da falta de habitação

De acordo com vários especialistas, as 26 mil casas identificadas como prio­ritárias pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) não chegam para as necessidades do país, que podem chegar às 46 mil. A questão da aplicação …

Peça que terá sido usada no batismo de D.Maria II está à venda. Estado não a compra por ser demasiado cara

Há uma semana que está à venda uma peça que pertenceu à coroa portuguesa. Terá pertencido à família real depois do Terramoto de 1755 e, de acordo com o antiquário que agora a comercializa, terá …