O que muda com o Orçamento do Estado que entra hoje em vigor

Jorge Ferreira / Portugal.gov.pt

O primeiro-ministro António Costa

O primeiro-ministro António Costa

O Orçamento do Estado para 2016 (OE2016) entra em vigor esta quinta-feira. Algumas das principais medidas já estão a ser aplicadas, mas outras só começam a ter efeito a meio do ano.

Entre as principais medidas previstas para 2016 estão a reposição gradual dos salários da função pública ao longo do ano e a redução da sobretaxa em sede de IRS, medidas que já estão em vigor desde janeiro e através das quais o Governo já está a devolver parte dos rendimentos que as famílias perderam durante o período do resgate.

Por outro lado, o documento, publicado esta quarta-feira em Diário da República, prevê o aumento de vários impostos indiretos, com destaque para a subida do Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP), em seis cêntimos na gasolina e no gasóleo, medida que entrou vigor em fevereiro.

Neste orçamento também se destacam a diminuição do Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) na restauração de 23% para 13%, que acontece no segundo semestre do ano, ou seja a partir de 1 de julho.

O documento prevê um aumento noutros impostos indiretos, que entra agora em vigor, como o imposto sobre os Veículos (ISV), Único de Circulação (IUC), sobre o Tabaco (IT) e sobre as Bebidas Alcoólicas (IABA).

No que diz respeito ao IRC, a taxa deverá continuar nos 21%, em 2016, e deverá ser diminuído para cinco anos o prazo para as empresas reportarem prejuízos fiscais em exercícios posteriores, à exceção das pequenas e médias empresas, que continuam a ter 12 anos para o fazer.

A proposta de OE2016 prevê um crescimento económico de 1,8% e um défice de 2,2% do Produto Interno Bruto (PIB).

Famílias

No que toca aos impostos diretos, o executivo pretende eliminar o quociente familiar em sede de IRS e aumentar as deduções fixas por filho e por ascendente a cargo, já previstas no código do imposto, para os 600 euros por cada dependente que viva juntamente com o agregado familiar e cujos rendimentos não excedam a pensão mínima do regime geral.

A proposta inicial do Governo acabou por sofrer várias alterações que beneficiam as famílias, apresentadas pelos partidos de esquerda que suportam o Executivo, enumeradas pelo Diário Económico. Relembre-se que o PSD se absteve de fazer quaisquer propostas de alteração ao OE2016.

Uma proposta apresentada pelo PAN levou a que o IVA das despesas veterinárias possa ser deduzido em sede de IRS, até ao limite de 250 euros, à semelhança do que já acontece com os setores de reparação automóvel, cabeleireiros, restauração e alojamento.

Algumas das propostas do Bloco de Esquerda levaram a uma redução da conta da luz das famílias com dificuldades económicas, com a atribuição automática da tarifa social a todas as famílias elegíveis – que se traduz num alargamento efetivo da tarifa social para a energia das atuais 100 mil para 500 mil famílias – e uma redução do valor mensal da contribuição para o audiovisual (CAV), que financia o serviço público de rádio e televisão, para famílias beneficiárias de subsídios.

O PCP fez aprovar a criação de uma prestação extraordinária de apoio a desempregados de longa duração que tenham ultrapassado o período de concessão do subsídio social de desemprego, que podem requerer um valor igual a 80% do montante do último subsídio social de desemprego pago, o que significa que poderão receber um máximo de 335 euros por mês durante mais seis meses.

Por proposta do PCP foi também revista a base de cálculo das quotizações e contribuições para a Segurança Social dos trabalhadores independentes, garantindo que sejam calculadas com base nos rendimentos reais efetivamente auferidos pelos contribuintes.

O CDS contribuiu com uma proposta de aumento do número de beneficiários do Passe Social +, alargando a famílias com rendimentos até 628 euros.

Taxas moderadoras

Com a entrada em vigor da lei do Orçamento do Estado para 2016, os dadores de sangue e os bombeiros voltam a estar isentos do pagamento de taxas moderadoras nas urgências.

Ficam também dispensadas do pagamento de taxas moderadoras as primeiras consultas hospitalares e exames de diagnóstico – desde que tenham sido referenciadas pelos cuidados de saúde primários, pelo centro de atendimento do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e pelo INEM – e ainda os exames completares no âmbito de doenças neurológicas degenerativas, da infeção por VIH/SIDA, diabetes e seguimento e tratamento do cancro.

Segundo a lei do Orçamento do Estado, durante este ano, o Governo promove a redução do valor das taxas moderadoras até ao limite de 25% do seu valor total.

ZAP / Move

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Apelo a um maior rigor jornalístico/menos “distrações” na notícia ao se afirmar “Relembre-se que o PSD e o CDS se abstiveram de fazer quaisquer propostas de alteração ao OE2016”. Como sabem, o CDS-PP apresentou várias propostas, tendo sido aprovadas 4 delas.

RESPONDER

Dois satélites "reformados" podem estar prestes a colidir na órbita da Terra

Dois satélites desativados passarão muito próximos um do outro em 29 de janeiro e, de acordo com a empresa de rastreamento de satélites LeoLabs Inc, há uma probabilidade de 1 em 100 de colidirem. Embora a …

FC Porto 2-1 Gil Vicente | “Dragão” afasta crise com reviravolta

O FC Porto voltou a sorrir. Após dois desaires – ambos diante do Braga – nos últimos três jogos, os “azuis-e-brancos” regressaram aos triunfos e derrotaram o Gil Vicente por 2-1 esta terça-feira, num embate …

Aeroporto de Southampton tem uma equipa canina para acalmar os passageiros

O Aeroporto de Southampton, no Reino Unido, tem uma equipa canina para acalmar os nervos dos passageiros que não gostam muito de andar de avião. Se alguma vez aterrar em Southampton, no Reino Unido, não se admire …

"Padres-robôs" dão bênçãos, fazem casamentos e até funerais

A Inteligência Artificial está a pavimentar o seu caminho em várias religiões espalhadas pelo mundo. "Padres-robôs" são capazes de dar bênçãos, fazer casamentos e até funerais. Há um novo padre em Kodaiji, um templo budista com …

Livro sugeria que o 11 de setembro tinha sido "orquestrado pela CIA". Editora obrigada a corrigir

A editora francesa Ellipses Publications teve que corrigir um livro de História no qual era sugerido que os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos (EUA), foram "orquestrados pela CIA". Segundo noticiou …

Paulo Coelho vai destruir rascunho de livro infantil escrito com Kobe Bryant

O escritor brasileiro Paulo Coelho anunciou hoje que pretende apagar o rascunho de um livro infantil que se encontrava a escrever em conjunto com o antigo basquetebolista norte-americano Kobe Bryant, que morreu no domingo num …

Encontrado famoso navio que desapareceu misteriosamente no Triângulo das Bermudas há 95 anos

Os destroços de um navio que desapareceu misteriosamente no Triângulo das Bermudas há 95 anos foram descobertos na costa da Florida, nos Estados Unidos. O SS Cotopaxi - um navio mercante norte-americano - deixou Charleston, na …

Ana Gomes diz que diretiva europeia sobre branqueamento de capitais é aplicável a Rui Pinto

A ex-eurodeputada socialista Ana Gomes disse hoje em Lisboa que pode aplicar-se ao ‘hacker’ Rui Pinto a diretiva europeia sobre branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo, sem esperar pela transposição de legislação sobre o …

"Há grandes chances de Jesus sair em maio para o FC Porto", diz Carlos Alberto

Carlos Alberto, atual comentador desportivo e antigo jogador do FC Porto, acredita que os 'dragões' vão avançar para a contratação de Jorge Jesus, em maio. Recentemente, a ideia de Jorge Jesus no FC Porto tem ganho …

Raras lesmas cor-de-rosa fluorescente sobreviveram aos incêndios na Austrália

Uma rara espécie de lesma cor-de-rosa fluorescente (Triboniophorus aff. graeffei) conseguiu sobreviver aos incêndios que assolaram a Austrália no início de janeiro e que deixaram milhões de animais mortos e outros tantos sem abrigo. Tratam-se …