Em pânico, os norte-americanos estão a comprar pintainhos para lidar com a pandemia

Todo o mundo está a ser afetado pela pandemia de covid-19, tendo os norte-americanos, inicialmente, corrido aos supermercados para comprar o máximo de papel higiénico possível. Porém, agora, o produto é outro.

De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, os pintainhos tornaram-se a compra do pânico, tendo já esgotado inúmeras incubadoras.

Normalmente, as incubadoras de pintainhos têm dias ocupados nas semanas anteriores à Páscoa, durante as crises do mercado de ações e nos anos das eleições presidenciais. No entanto, a procura atual é sem precedentes.

“As pessoas estão a comprar pintainhos em pânico tal como fizeram com o papel higiénico”, disse Tom Watkins, vice-presidente da Murray McMurray Hatchery, em Webster City, no estado de Iowa.

De acordo com a Newsweek, a empresa de Watkins está prestes a ficar totalmente esgotada durante as próximas quatro semanas. Enquanto alguns clientes reabastecem os seus galinheiros como habitual, uma grande quantidade de novos compradores estreantes estão a fazer fila para comprar pintainhos – por causa da covid-19.

Uma das razões pode ser o aumento do preço dos ovos. O Departamento de Agricultura informou que os preços subiram mais de 50% na semana passada em algumas partes dos Estados Unidos. A oferta de ovos não vacilou, mas a demanda disparou.

“Pensei em comprar pintainhos que todos entrem em pânico e comprem-nos”, disse Amy Annelle, de 48 anos, citada pelo All That’s Interesting. “Também queríamos um projeto divertido para nos manter ocupados“.

Apesar de semorar pelo menos cinco meses para que as galinhas tenham idade para pôr ovos, “parece que ter uma fonte constante de alimentos é uma boa ideia agora”.

Os benefícios psicológicos que acompanham o cuidado de um animal também proporcionam alívio em tempos incertos. “Não podemos controlar o mundo em redor, mas podemos controlar o amor que damos aos animais”, disse Dominique Greenwell, que comprou quatro pintainhos, após o salão de cabeleireiro em que trabalhava ter fechado.

Stephanie Spann, da Hackett Farm Supply, em Nova Iorque, explicou que as pessoas esperam numa fila, cuidadosamente espaçadas e depois pegam os seus animais. Os funcionários já relataram terem recebido telefonemas de cuidadores estreantes. “São como pais ansiosos a preparar-se para um bebé“, disse Spann. “As pessoas estão dispostas a escolher raças que não são a sua primeira escolha para começar a criação agora”.

Por outro lado, alguns desses compradores são desinformados. Uma mulher perguntou num fórum online sobre galinhas por que os seus pintainhos estavam a morrer, inconsciente de que os animais precisam de uma fonte de calor para sobreviver até que as suas penas cresçam.

Embora alguns proprietários não estejam preparados para lidar com um animal de estimação que pode viver até 10 anos, outros estão a achar a sua presença muito benéfica.

“As galinhas são uma ótima forma de vincular biologia, comportamento animal, matemática e outros assuntos”, disse Erin Scheessele, de Oregon. “O meu filho de 9 anos, resistente a matemática, calculou o perímetro da gaiola para descobrir quanto pano tínhamos de comprar.”

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

Mais oito mortos e 328 infetados. Câmara de Lisboa tem 33 casos "ativos"

Há mais oito mortos e 328 casos positivos em Portugal nas últimas 24 horas. A Câmara de Lisboa regista atualmente 33 casos de infeção por covid-19 “ativos”. Portugal regista, esta quinta-feira, mais oito mortos e 328 …

Limitação dos apoios a sócios-gerentes não é "justa", diz Confederação das empresas

A Confederação das Micro, Pequenas e Médias Empresas não entende a razão para limitar a ajuda a sócios-gerentes ao valor de 1.905 euros, proposta que não consideram justa. Em entrevista à Rádio Observador na quinta-feira, o …

Devolução de manuais. Diretores acusam políticos de "brincar às escolinhas"

Os diretores escolares criticaram hoje o 'timing' da proposta de suspensão de devolução de manuais escolares, acusando os políticos de andar a “brincar às escolinhas” sem perceberem o trabalho que implica reutilizar milhões de livros. O …

Passageiros dos EUA e PALOP têm de apresentar teste negativo de covid-19

O Governo prorrogou várias medidas restritivas do tráfego aéreo com destino e a partir de Portugal, com novas orientações e exceções, num despacho publicado terça-feira em Diário da República. Segundo noticiou o Expresso, um comunicado do …

PGR angolana diz que Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal

Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal ou noutro país com acordos judiciários com Angola, no âmbito do processo-crime por alegada má gestão e desvio de fundos da Sonangol, disse à Lusa fonte da …

Autoridades descartam participação da milícia "Escritório do Crime" no caso Marielle Franco

O envolvimento da milícia conhecida como "Escritório do Crime" no homicídio da vereadora e ativista Marielle Franco chegou a ser investigado, mas foi descartado pela polícia brasileira. O delegado brasileiro Daniel Rosa, da cidade do Rio …

Desconfinamento não foi suficiente. Desemprego volta a subir em Espanha para valores de 2016

O número de desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego em Espanha voltou a aumentar em 5.107 pessoas em junho, uma desaceleração em relação a maio, atingindo um total de 3.862.883 espanhóis. De acordo com os …

Governo vai monitorizar discurso de ódio na Internet

O Governo vai monitorizar o discurso de ódio nas plataformas online, estando "em vias" de dar início à contratação pública de um projeto que deverá traduzir-se num barómetro mensal de acompanhamento e identificação de sites. Segundo …

Tribunal britânico decide que é Guaidó (e não Maduro) quem manda nas reservas de ouro da Venezuela

A justiça britânica decidiu esta quinta-feira que é o líder da oposição venezuelana Juan Guaidó e não o Presidente Nicolás Maduro quem tem autoridade sobre as reservas de ouro da Venezuela depositadas no Banco de …

Mistério resolvido. Cientistas descobriram como é que as cobras "voam"

Nem todas as cobras se movem arrastando-se discretamente pelo chão. Há uma cobra do género Chrysopelea que parece voar de árvore em árvore. Agora, os cientistas descobriram como é que estes animais se movem pelo …