Morreu Luis Sepúlveda, vítima de covid-19

Morreu o escritor chileno Luis Sepúlveda vítima de covid-19, segundo avança a agência Efe. Estava internado num hospital na cidade espanhola de Oviedo desde fevereiro.

Luis Sepúlveda, escritor chileno, morreu esta quinta-feira aos 70 anos, vítima de covid-19.  O escritor estava internado num hospital em Oviedo, Espanha, desde 29 de fevereiro, dia em que lhe foi diagnosticada a infeção pelo novo coronavírus.

De acordo com o jornal espanhol El Confidencial, o escritor chileno faleceu por causa de uma falha multiorgânica provocada por complicações derivadas do coronavírus. A condição de saúde de Spúlveda mantinha-se “estável dentro da gravidade”, tendo sido várias vezes entubado, enquanto aguardava uma melhoria que acabou por nunca acontecer.

Seis dias antes do diagnóstico, Sepúlveda esteve em Portugal num festival literário na Póvoa de Varzim, de 18 a 23 de fevereiro.

Sepúlveda começou a ter os primeiros sintomas no dia 25 de fevereiro, terça-feira, dois dias depois de ter deixado Portugal, mas só procurou um médico no dia 27, quinta-feira. Inicialmente, ao dirigir-se a um centro de saúde, foi-lhe diagnosticado pneumonia aguda.

Na altura, a passagem de Sepúlveda por Portugal levou várias pessoas que tinham contactado com o escritor naquele festival a submeterem-se ao auto-isolamento. As autoridades portuguesas procuraram também, em fevereiro, reconstituir os passos do escritor chileno de modo a identificar possíveis cadeias de transmissão.

Tudo isto aconteceu antes de as autoridades portuguesas confirmarem oficialmente qualquer registo de infeção em Portugal, o que só viria a acontecer a 2 de março.

Em 11 de março, foi noticiado que o escritor chileno estava em coma e com respiração assistida, informação que foi desmentida pela esposa, a poetisa Carmen Yáñez, que disse mesmo que o Sepúlveda estava a melhorar progressivamente.

Com 70 anos, o escritor fazia parte de um grupos de risco por causa da sua idade.

O autor foi o primeiro caso de covid-19 diagnosticado nas Astúrias, onde reside.

Luís Sepúlveda, que nasceu no Chile a 4 de outubro de 1949, estreou-se nas letras em 1969, com “Crónicas de Piedro Nadie” (“Crónicas de Pedro Ninguém”), dando início a uma bibliografia de mais de 20 títulos, que inclui obras como “O Velho que Lia Romances de Amor” e “História de Uma Gaivota e do Gato que a Ensinou a Voar”.

O escritor tem toda a obra publicada em Portugal – alguns títulos estão integrados no Plano Nacional de Leitura -, e era presença regular em eventos literários no país.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

Apareceu um terceiro monólito metálico. Agora, foi numa montanha da Califórnia

Um monólito metálico, semelhante aos encontrados há pouco tempo no deserto de Utah, nos Estados Unidos, e na cidade romena de Piatra Neamt, surgiu agora no estado norte-americano da Califórnia. A estrutura foi encontra na …

AEK 2 - 4 Braga | “Guerreiros” saqueiam Atenas e apuram-se

O SC de Braga garantiu esta quinta-feira o apuramento para os 16 avos-de-final da Liga Europa. Os minhotos foram à Grécia bater o AEK por 4-2, graças a uma exibição personalizada, num jogo em que …

Ciclone mortal deixou uma praia da Índia coberta de ouro

Centenas de pescadores, mulheres e crianças no distrito de East Godavari, no estado de Andhra Pradesh, no sul da Índia, passaram o fim de semana a vasculhar a praia local em busca de ouro. Após o …

O Flamengo de Jorge Jesus foi "um mero acidente de percurso"

2019 foi uma exceção para a equipa brasileira que, depois de ter vencido (quase) tudo, neste ano já foi afastado da Taça do Brasil e da Libertadores: "O português foi embora e com ele toda …

Concorrência condena MEO a pagar 84 milhões por combinar preços com a NOWO

A Autoridade da Concorrência (AdC) aplicou uma coima de 84 milhões de euros à MEO por combinar preços e repartir mercados com a operadora NOWO nos serviços de comunicações móveis e fixas. “A Autoridade da Concorrência …

PEV quer reverter privatização dos CTT. PS admite todos os cenários

O Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) defendeu hoje, no parlamento, a “reversão da nacionalização” dos CTT, e ouviu o PS admitir “todos os cenários”. Numa declaração política no parlamento, o deputado José Luís Ferreira afirmou que, …

Voltar à normalidade "não está longe, mas não é já", avisa Pfizer

O administrador executivo da Pfizer, Albert Bourla, apelou na quarta-feira para que os governos de todo o mundo não reabram as suas economias demasiado depressa devido ao otimismo gerado pelas vacinas de covid-19. Bourla, de 59 …

Biden quer retomar acordo nuclear com o Irão, embora reconheça que será "difícil"

O vencedor das eleições presidenciais norte-americanas, Joe Biden, pretende retomar o acordo nuclear com Irão antes mesmo de novas negociações, assumiu o democrata numa entrevista ao New York Times. Joe Biden afirmou, durante a campanha eleitoral, …

Processo de reprivaticação da Efacec atrasado devido à discussão do OE2021

Apesar de as avaliações no âmbito do processo de nacionalização e futura reprivatização da Efacec já estarem concluídas, o processo esteve condicionado pela discussão do Orçamento de Estado para 2021 (OE2021). De acordo com o Jornal …

Costa sobre vacinação: “Há uma luz ao fundo do túnel, mas o túnel é muito comprido e penoso”

O primeiro-ministro, António Costa, advertiu esta quinta-feira que o processo de vacinação terá imponderabilidades externas a Portugal, sendo também complexo ao nível interno, com as dificuldades a aumentarem quanto maior for o universo de cidadãos …