Medina denuncia paragem de rastreios. “Não é normal não haver inquéritos ao fim de semana”

O Presidente da Câmara de Lisboa voltou a fazer críticas ao combate à pandemia, afirmando que o aumento do número de casos se deve a um problema organizacional “nas áreas regionais e locais de saúde”.

Fernando Medina voltou às críticas à gestão local da pandemia na região de Lisboa, apontando o dedo ao facto de os inquéritos epidemiológicos, que têm como objetivo chegar a potenciais infetados por cada caso positivo, não serem feitos fora do horário normal de trabalho.

Há umas semanas, a origem dos surtos era conhecida e identificada, sobretudo em grandes pólos industriais, como aconteceu em Azambuja. No entanto, o mesmo já não se verifica atualmente. “Não acho normal, por exemplo, a paragem dos inquéritos epidemiológicos ao fim de semana”, criticou Fernando Medina, em entrevista à RTP.

“Foi feita uma operação de testagem massiva, foram testadas mais de 400 mil pessoas dentro dos pólos das empresas. Se passam semanas e os números não baixam, as causas são outras. O problema é diferente e mais complexo, por isso a forma de agir no terreno tem de ser diferente”, acrescentou o autarca, citado pela TSF.

O Presidente da Câmara de Lisboa reconhece que, para que seja possível controlar o surto na região, é preciso fazer mais, ainda que defenda que a cerca sanitária não é uma solução. Para Medina, o essencial é assegurar que as pessoas estão a cumprir o confinamento e que têm condições para tal.

É preciso fazer mais, melhor e mais rápido do que temos coletivamente feito. É a diferença de ter um caso ou termos cinco ou seis”, afirmou.

O autarca destacou que há muitos portugueses que não estão a cumprir as regras e o mesmo acontece no estrangeiro. “Temos visto um não cumprimento das regras aqui em Portugal e no estrangeiro. O instrumento adequado para lidarmos com a situação que temos é testarmos rapidamente e, a partir daí, fazer o rastreio para ver quantas pessoas contaminou e ver se a pessoa tem condições para estar isolada.”

“Nestas situações, se não agirmos rápido, perdemos o controlo. As Câmaras e a Proteção Civil têm um papel muito importante em garantir bens alimentares às pessoas que não os têm”, rematou.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O que não é normal é teres vereadores pulhas como o Sá Fernandes , que gerem o seu pelouro como se fosse uma coisa dele .
    Confundir ódiosinhos de estimação , com o honrar compromissos assumidos ao nível institucional e bloquear verbas devidas por serviços prestados, é nojento e miserável.
    Esse tipo devia era estar a trás das grades e não á frente de um departamento da CML .
    Vê-se se arrumas a casa , ou então és igual a eles e não mereces o lugar que ocupas .

  2. Não sabia que a pandemia COVID-19 só se propaga das 9 às 18h e não aos fins-de-semana; ah, e também nas manifestações e quando grupos se juntam.

    Qual a desculpa para a lei não ser aplicada a todos SEMPRE? – Sim, o COVID-19 é 24×7.

    Acordem para a vida e façam o trabalho que corresponde ao cargo para que foram eleitos; sim, porque estão onde estão para servir os Portugueses, visto serem estes que pagam impostos de onde vos saem os salários.

    Sirvam; Cumpram ou saltem fora!

  3. Sr.presidente, se é como diz responsável , comece por arrumar a sua cidade , Se é como quer fazer crer
    tão entendido, se tem visto incumprimento das normas aconselhadas , porque não começa pela SUA cidade,
    porque até agora , as vezes que fui a sua cidade , não vi nada, daquilo que defende , ser o correto , nem vi
    nenhum funcionário a cumprir , até agora é que veio a saber dos SEUS funcionários doentes ! Será por vergonha , ou por querer esconder !! Não atire areia para os olhos dos seus concidadãos , porque quem tem telhados de porcelana, quando atirar a primeira pedra , tem de ter a certeza , que a pontaria não falha .
    Já sabemos, que não quer ficar mal com o chefe , mas afine a pontaria , que a sua arma tem o cano , curvado a 180 graus e ainda fica ferido , depois nem a casa nas avenidas novas o salva .
    Cuidem-se

  4. Provavelmente quem vestiu a camisola cansou-se de trabalhar de trabalhar probono,de ser desconsiderado pela ministra e agora pelo sr Presidente.

RESPONDER

FC Porto 1-0 Guimarães | Dragão já vê Sporting no horizonte

O Porto venceu no fecho da 28ª jornada da Liga NOS pela margem mínima, na recepção ao Vitória SC, e conseguiu o principal objectivo, que passava por somar os três pontos e reduzir para quatro …

Italiano faltou ao trabalho durante 15 anos, mas ganhou quase 600 mil euros

Um funcionário de um hospital no sul de Itália recebeu o salário durante 15 anos, apesar de nunca ter aparecido para trabalhar. De acordo com a polícia italiana, citada pela cadeia televisiva CNN, Salvatore Scumace está …

Google ficou sem o domínio na Argentina (e Nicolás achou que ia ser o novo dono)

Na última quarta-feira, um jovem argentino achou que ia ficar rico à custa da distração da Google no seu país. Acabou por não acontecer e tudo ficou resolvido. "Que pague a dívida externa", "que compre vacinas", …

Lola, a robô humanóide, dá "passos de bebé" (e equilibra-se com as mãos)

Uma equipa de cientistas está a ensinar a robô humanóide Lola a dar "passos de bebé", equilibrando-se com as suas mãos em vários pontos de contacto. Há muito tempo que os investigadores estudam a locomoção de …

Presidente da República veta decreto sobre inseminação post mortem

O Presidente da República vetou, esta quinta-feira, o decreto do Parlamento sobre inseminação post mortem, considerando que suscita dúvidas no plano do direito sucessório e questionando a sua aplicação retroativa. Na mensagem dirigida à Assembleia da …

Primeiro-ministro francês está a receber centenas de peças de lingerie no correio

O primeiro-ministro francês tem estado a receber roupa interior feminina na sua caixa de correio. Foi a forma encontrada pelas lojas de lingerie para protestarem contra as restrições da pandemia que as obrigam a estar …

Inteligência artificial "identifica" autores dos Manuscritos do Mar Morto

Investigadores da Universidade de Groningen, nos Países Baixos, recorreram à inteligência artificial para concluir que os Manuscritos do Mar Morto foram redigidos por vários escribas, o que abre uma "nova janela" para o estudo do …

Inteligência Artificial vai ajudar a identificar fontes de poluição no Bangladesh

A produção de tijolos é uma fonte de poluição que ameaça a saúde da população e do planeta, mas regular esta indústria pode ser uma tarefa difícil para as autoridades. Para resolver o problema, uma …

Portimonense 1-5 Benfica | "Águia" arrasa em solo algarvio

O Benfica regressou aos triunfos depois de ter vencido o Portimonense por 5-1, numa partida relativa à 28.ª jornada da Liga NOS, após o desaire registado na recepção ao Gil Vicente.  Porém, não foi um duelo …

Vigaristas burlaram mulher de 90 anos em 32 milhões de dólares

Uma mulher de Hong Kong, de 90 anos, foi defraudada em 32 milhões de dólares por burlões que se fizeram passar por agentes policiais chineses, via chamada telefónica. A Agence France-Presse (AFP) escreve que um jovem …