Marcelo vai estar no funeral do piloto que morreu a combater fogo no Gerês. Incêndio continua ativo

Miguel A. Lopes / Lusa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, confirmou este domingo que vai estar presente no funeral do piloto do avião de combate a fogos que se despenhou neste sábado na Galiza.

“Tenho transmitido nos funerais das vítimas aos seus familiares aquilo que está no coração do povo português e farei o mesmo relativamente à vítima que está a ter transladada de Vigo para Leiria, não os esquecemos”, afirmou o Presidente da República.

À margem de uma visita à cidade de Silves, no Algarve, o chefe de Estado destacou o “esforço muito grande” dos operacionais para enfrentarem fogos “em condições difíceis” e com “ignições simultâneas por todo o continente, dificultando a concentração de meios”.

Esse esforço tem-se refletido na “ausência de vítimas” nas populações e de danos nas povoações, “mesmo quando o fogo anda muito próximo”, destacou.

Lamentou o elevado número de operacionais que foram “vítimas mortais e outros que tiveram ferimentos mais ou menos graves” a quem devida uma homenagem.

Com a época de combate a fogos a não ter “ainda chegado a meio”, o Presidente da República alertou para o facto de “poder haver” fogos florestais “até ao final de outubro”, sendo que os meses que passaram “representam menos de metade dos que ainda faltam”, sendo, por isso, “sensata” toda a precaução.

No sábado, o Presidente da República disse que tinha apresentado condolências à família do piloto português que morreu na sequência da queda de um ‘Canadair’ na zona do Lindoso, Ponte da Barca, quando combatia o incêndio que ainda lavra no Gerês.

Marcelo Rebelo de Sousa revelou ter falado também como o filho do piloto espanhol, gravemente ferido no mesmo acidente. “Fica aqui registado, com grande pesar meu, aquilo que é mais um triste acontecimento nesta época de fogos”, declarou.

O avião despenhou-se, pelas 11:20 de sábado, numa área do território espanhol, “a cerca de um, dois quilómetros da fronteira com Portugal”.

O piloto, de nacionalidade portuguesa, de 65 anos, morreu no local, apesar das tentativas realizadas pelos elementos do Instituto Nacional de Emergência Médica, enquanto o segundo piloto, de nacionalidade espanhola e de 39 anos, foi assistido no local e transportado em “estado grave” para o Hospital de Viana do Castelo, de onde foi transferido para Braga, estando agora fora de perigo.

Incêndio ainda não foi dominado

O incêndio que lavra desde sábado entre Portugal e Espanha, no Parque Nacional da Peneda-Gerês, continua ativo, sem evolução, mas “os trabalhos decorrem favoravelmente” do lado português, adiantou este domingo à agência Lusa a Autoridade Nacional de Emergências e Proteção Civil (ANEPC).

“Os trabalhos estão a decorrer favoravelmente há várias horas, mas devido aos condicionalismos conhecidos o incêndio continua não dominado”.

O fogo na freguesia de Lindoso, no concelho de Ponte da Barca, chegou a ser combatido por dez meios aéreos durante a tarde de domingo e mobilizou 84 operacionais apoiados por 31 viaturas, pelas 22h50, de acordo com a página da ANEPC.

Durante a tarde, o secretário de Estado da Conservação da Natureza disse à agência Lusa que as chamas já tinham consumido cerca de 200 hectares, mas os principais esforços de proteção centram-se na Mata do Cabril.

“Dentro do território nacional, estamos a falar de uma área entre 150 a 200 hectares de valores ambientais de proteção parcial e complementar”, referiu João Catarino, que tem a pasta da Secretaria de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território.

“Estamos a fazer tudo para que não chegue à zona de proteção total, que é a Mata do Cabril. Aí, sim, temos enormes valores ambientais. É o ex-libris daquele parque nacional, que é o único que temos”, declarou, acrescentando esperar que o incêndio consiga ser neutralizado ainda este domingo.

João Catarino indicou que o combate o fogo de Lindoso tem “dificuldade acrescida” por causa do relevo da região, o que tem obrigado a que os esforços sejam essencialmente “manuais, apeados” e com meios aéreos. O combate tem sido feito maioritariamente por meios terrestres, com pessoal apeado e com recurso a ferramentas, devido à inclinação do terreno e ao facto de estar a 800 metros de altitude.

A maior parte deste incêndio está a ser combatido em território espanhol.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Faca feita de fezes entre os vencedores deste ano dos prémios Ig Nobel

Uma faca feita com fezes congeladas e um jacaré a arrotar são alguns dos vencedores dos prémis Ig Nobel, que distinguem as invenções mais incomuns. Os prémios Ig Nobel – uma paródia dos prémios atribuídos pelas …

O hemisfério norte teve o verão mais quente de que há registo (e isso é um sinal de alerta para a Terra)

O hemisfério teve em 2020 o verão mais quente de que há registo. No geral, o Planeta Terra teve três dos meses mais quentes, e o mês de agosto foi o segundo mais quente que …

Há uma nova explicação para o naufrágio do Titanic: Uma fantástica Aurora Boreal

Todos conhecemos a história do Titanic. Também todos sabemos que o seu naufrágio aconteceu após o grande navio ter embatido num iceberg. Contudo, um investigador americano põe novas hipóteses em cima da mesa. E se …

Famalicão 1-5 Benfica | "Águia" faminta com nota artística

Após a desilusão de Salónica, que ditou um adeus precoce dos milhões da fase de grupos da Liga dos Campeões, o Benfica goleou na noite desta sexta-feira o Famalicão por 5-1, numa espécie de redenção. Neste …

O anonimato de Banksy teve um custo. Perdeu os direitos sobre uma das suas obras mais icónicas

O famoso artista de rua britânico Banksy perdeu uma longa batalha judicial pelos direitos autorais da obra "The Flower Thrower", contra a Full Colour Black, empresa que produz postais de felicitações. Banksy, o misterioso artista que, …

Reino Unido e Espanha aumentam restrições. Itália e Alemanha com quase dois mil casos

Madrid restringe movimentos de 850 mil pessoas, Itália regista um aumento dos casos de infeção nas últimas 24 horas, britânicos enfrentam novas restrições no país e Alemanha com dois mil novos casos de covid-19. A região …

Trump novamente acusado de assédio sexual. "Enfiou a língua na minha garganta", disse Amy Doris

O Presidente dos EUA, Donald Trump, foi acusado esta quinta-feira de agressão sexual por uma ex-modelo, num episódio que alegadamente terá ocorrido num torneio de ténis, em 1997. A ex-modelo Amy Dorris relatou ao jornal britânico …

Ventura pondera suspender mandato para se dedicar à campanha presidencial

O presidente do Chega afirmou hoje que o seu partido "está a analisar" no plano jurídico a questão da suspensão temporária do seu mandato de deputado para se dedicar às campanhas dos Açores e presidenciais. Em …

Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recupera, avisa neurologista

Um neurologista ouvido num documentário da RMC Sport diz que o ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recuperará. Já passaram quase sete anos desde que Michael Schumacher sofreu um acidente …

Processos com acórdãos a meias entre Rangel e Galante estão em risco

Durante dez anos, centenas de acórdãos do Tribunal da Relação de Lisboa foram feitos a meias entre Rui Rangel e Fátima Galante. Agora, esses processos estão em risco. A Procuradoria-Geral da República anunciou esta sexta-feira a …