Ao contrário de outros líderes, Marcelo apenas irá receber a vacina para a covid-19 durante a segunda fase

Mário Cruz / Lusa

Marcelo Rebelo de Sousa não vai tomar a vacina já em janeiro e deverá aguardar pelo início da segunda fase de vacinação, altura em que começa o processo destinado a pessoas da sua idade.

A hipótese do Presidente da República, o primeiro-ministro ou o presidente da Assembleia da República terem prioridade no acesso à vacinação contra a covid-19 chegou a ser equacionada, porém foi rapidamente posta de lado, revela o Público.

Como qualquer outro cidadão, Marcelo Rebelo de Sousa será vacinado para a covid-19 apenas na segunda fase do programa, que começa em Abril. O Presidente deverá esperar pela altura em que se inicia a vacinação de todos os maiores de 65 anos que não residam em lares, nem sejam profissionais de saúde ou trabalhem em casas de acolhimento de idosos. O Chefe de Estado está incluído nesta fase, uma vez que tem 72 anos.

De acordo com o plano de vacinação delineado pelo Governo e pelo SNS, a prioridade na administração da vacina será dada aos profissionais de saúde, aos utentes de lares de idosos e trabalhadores da área, aos maiores de 50 anos com patologias como insuficiência cardíaca, doença coronária, insuficiência renal e doença respiratória crónica com suporte ventilatório – todos estes elementos irão receber a vacina durante a primeira fase do processo.

Também os elementos das forças de segurança e Forças Armadas fazem parte dos primeiros a receber a vacina.

António Costa apenas fará 60 anos em julho do próximo ano e não lhe são conhecidas quaisquer doenças de risco. Desta forma é provável que a sua vez de ser vacinado chegue ainda mais tarde do que a do Presidente da República, por isso só deverá entrar no processo durante a terceira fase de vacinação.

A ideia de colocar grandes líderes a serem vacinados não irá ser concretizada em Portugal, mas há países que o planeiam fazer de modo a incentivar a população a participar no processo.

Nos Estados Unidos da América o Presidente eleito Joe Biden já recebeu a vacina para a covid-19, assim como o vice-presidente ainda em funções, Mike Pence.

No Reino Unido também já há quem sugira a possibilidade de Boris Johnson ou até mesmo a Rainha Isabel II, receberem a vacina em direto como forma de campanha.

Ana Moura, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Elvis Presley terá morrido de doenças genéticas (e não por overdose de medicamentos)

Segundo um novo livro de Sally Hoedel, a morte de Elvis Presley estará, afinal, relacionada com o tratamento para doenças congénitas das quais sofria. O cantor norte-americano, que morreu há quase 44 anos, estava fortemente medicado …

A cidade mais populosa de África está a viver em contra-relógio

Os habitantes da Nigéria, o país mais populoso de África, já estão habituados a contornar as inundações anuais que invadem o país. No entanto, este ano a situação saiu fora do controlo, com o principal …

"Pensávamos que a Casa Branca mandava". Biden sob fogo devido ao fim da proibição dos despejos

A inacção de Joe Biden perante o fim das moratórias que proíbem os despejos durante a pandemia está a ser criticada até dentro do próprio Partido Democrata. A moratória federal aos despejos acabou este sábado, para …

Na ausência de Biles, Sunisa Lee coroou-se rainha da ginástica. É a primeira hmong a ganhar ouro

Sunisa Lee chegou a Tóquio com a missão de ajudar os Estados Unidos a garantir o ouro e de garantir a presença em finais individuais de aparelhos. Com o abandono de Biles, tornou-se a estrela …

Presidente afegão culpa retirada “abrupta” dos EUA pelo rápido avanço dos talibãs

O chefe de Estado afegão prometeu vencer o conflito com as milícias talibãs e os Estados Unidos dizem-se prontos a receber mais milhares de refugiados. O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, prometeu esta segunda-feira vencer o …

42% das pessoas em enfermaria no Hospital de são João têm vacinação completa

No Centro Hospitalar de São João (CHSJ), 42% das pessoas internadas em enfermaria e 15% das internadas em unidades de cuidados intensivos tinham a vacinação completa. Segundo os últimos dados da Direção-Geral da Saúde (DGS), apenas …

António Oliveira e uma arbitragem "conveniente"

Athletico Paranaense perdeu novamente no Brasileirão e a equipa de arbitragem ajudou os vencedores, queixou-se o treinador português. O Athletico Paranaense, líder do Brasileirão nas primeiras jornadas, está numa fase negativa: apenas uma vitória nas últimas …

André Ventura - Chega

Autárquicas. Chega concorre sozinho a 220 municípios para avaliar o seu "impacto"

André Ventura anunciou esta segunda-feira que o Chega irá concorrer nas eleições autárquicas a “cerca de 220 municípios” do país, sublinhando que o partido vai a votos sozinho para avaliar o seu “impacto”, mas sem …

Ex-guarda nazi julgado aos 100 anos por cumplicidade em assassinatos

Um homem de 100 anos que supostamente serviu como guarda num campo de concentração nazi será julgado em outubro por cumplicidade no assassinato de mais de 3.500 pessoas durante a Segunda Guerra Mundial, informou a …

OE2021. Financiamento do Estado até meio do ano em linha com o previsto

O financiamento das Administrações Públicas (AP) até meio do ano está em linha com o projetado no Orçamento do Estado para 2021 (OE2021), de acordo com um relatório da Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO). "Face …