Joe Biden é vacinado contra a covid-19 em direto (e deixa um elogio a Trump)

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, recebeu esta segunda-feira a primeira dose da vacina contra a covid-19, num momento transmitido em direto pelas estações televisivas.

O democrata Joe Biden, de 78 anos, recebeu a primeira dose da vacina Pfizer, a primeira das duas vacinas já autorizadas nos Estados Unidos.

O momento, que teve transmissão televisiva, decorreu num hospital de Newark, Delaware.

A futura primeira-dama dos Estados Unidos, Jill Biden, também recebeu esta segunda-feira a primeira dose da vacina, segundo a equipa do futuro presidente, noticiou a agência AFP.

“Estou a fazer isto para mostrar que as pessoas devem estar prontas para receberem a vacina quando ela estiver disponível. Não há nada com que se preocuparem”, destacou Biden logo após ter tomado a vacina.

O futuro presidente norte-americano agradeceu “aos cientistas e às pessoas que tornaram isto possível” bem como “aos trabalhadores da linha da frente” que considerou serem “verdadeiros heróis”.

Joe Biden prestou ainda homenagem ao Governo cessante de Donald Trump pela sua contribuição no desenvolvimento de vacinas. “A Administração [Trump] merece algum crédito por colocar isto em marcha”, explicou, citado pelo jornal norte-americano The New York Times.

A futura vice-presidente Kamala Harris será vacinada na próxima semana.

Joe Biden será o presidente norte-americano mais velho da história, quando assumir o cargo em 20 de janeiro. Nessa altura, já terá recebido a segunda dose da vacina, passo necessário para a criação de imunidade contra o novo coronavírus.

O democrata, que demonstrou durante a sua campanha e desde a sua eleição em novembro um estrito respeito pelas regras sanitárias, prometeu fazer do combate à pandemia a sua primeira prioridade, com uma campanha de vacinação sem precedentes, mas também com a defesa vigorosa do uso de máscara.

O vice-presidente cessante, Mike Pence, a speaker da Câmara de Representantes, Nancy Pelosi, e o senador Mitch McConnell, líder da maioria republicana no Senado, foram vacinados na sexta-feira também em público, junto de vários membros do Congresso norte-americano.

Já o presidente cessante, Donald Trump, no cargo até 20 de janeiro, ainda não anunciou uma data para a sua vacinação.

Trump esteve infetado com covid-19 no início de outubro e chegou a ser hospitalizado durante três dias. Desde então, afirmou várias vezes considerar-se “imune”, embora tenha admitido que se iria vacinar.

O republicano é criticado por ter minimizado a pandemia e por ter permanecido em silêncio nas últimas semanas sobre o número de vítimas do novo coronavírus nos Estados Unidos, que é o país com mais mortos (317.597) e também com mais casos de infeção confirmados (mais de 17,8 milhões).

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Os novos robôs da Samsung fazem pequenas tarefas domésticas (e ainda lhe servem um copo de vinho)

O Samsung Galaxy S21 não é a única surpresa que a empresa tem preparada para 2021. A Samsung apresentou algumas propostas de robôs domésticos, na primeira grande feira de tecnologia do ano. A Samsung levantou um …

Cientistas desenvolveram mini-cérebros (quase) humanos

Cientistas norte-americanos enviaram para a Estação Espacial Internacional (EEI) aglomerados de células nervosas, chamadas de mini-cérebros, que estão, agora, a desenvolver-se de formas que os investigadores não imaginavam ser possível. Os organóides foram criados a partir …

Um medicamento comum utilizado para tratar a diarreia pode ajudar a combater células cancerígenas agressivas

Um fármaco comum prescrito para tratar a diarreia pode ajudar a combater um tipo agressivo de cancro cerebral (glioblastoma), sugere uma nova investigação levada a cabo pela Universidade de Frankfurt, na Alemanha. Em causa está …

"Bola de fogo" cruzou o céu sobre o Mediterrâneo a 105 mil quilómetros por hora

Uma "bola de fogo" atravessou o mar Mediterrâneo e o norte de Marrocos na noite de quarta-feira, a 105.000 quilómetros por hora. A bola de fogo foi observada por um projeto científico espanhol a uma velocidade …

Duterte rejeita que a filha o vá suceder na liderança das Filipinas. "Isto não é para mulheres"

O líder das Filipinas, Rodrigo Duterte, descartou, na quarta-feira, a hipótese de a filha o vir a suceder no próximo ano, acrescentando que a presidência não é tarefa para uma mulher por causa das …

"Uma memória a flutuar no oceano." Encontrada, dois anos depois, uma mensagem numa garrafa

Uma mensagem no interior de uma garrafa sobreviveu a uma viagem de dois anos pelo oceano. Recentemente, chegou às mãos de um ativista ecológico, enquanto limpava uma praia da Papua Nova Guiné. Em novembro do ano …

As células imortais de Henrietta Lacks revolucionaram a Ciência

O ano de 1951 foi muito importante no campo da biotecnologia e, surpreendentemente, tudo começou com a chegada de Henrietta Lacks a um hospital norte-americano. Descendente de escravos, Loretta Pleasant nasceu a 1 de agosto de …

Humanidade não será capaz de controlar máquinas superinteligentes, avisam cientistas

Uma equipa de investigadores do Instituto Max Planck para o Desenvolvimento Humano sugere que seria impossível controlar máquinas superinteligentes. A tecnologia de Inteligência Artificial (IA) continua a evoluir de vento em popa, enquanto alguns cientistas e …

Em 1950, a vacinação em massa salvou a Escócia

Em 1950, Glasgow, na Escócia, viu-se a braços com um surto de varíola e o cenário era muito semelhante ao que vivemos hoje: as autoridades sanitárias tentavam rastrear todos os contactos de pessoas portadoras do vírus, …

Japonês aluga-se a si próprio "para não fazer nada". E tem milhares de clientes

Um homem japonês que ganha a vida a alugar-se a si próprio “para não fazer nada” atraiu milhares de clientes. O negócio começou em 2018. Por 10.000 ienes (cerca de 79 euros) - mais despesas com …