/

Biden vai pedir aos norte-americanos 100 dias com máscara (e convida Fauci para a sua equipa)

Jim Lo Scalzo / EPA

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou esta quinta-feira que vai pedir aos americanos para usarem máscaras faciais durante 100 dias para ajudar a reduzir a disseminação de covid-19 no país.

“Vou pedir às pessoas que usem máscara durante 100 dias. Apenas durante 100 dias, não para sempre”, disse Biden, que no primeiro dia do seu mandato vai pedir aos americanos para usarem máscaras faciais durante 100 dias para ajudar a reduzir a disseminação do novo coronavírus, em entrevista à CNN.

Biden, cuja abordagem à pandemia contrasta fortemente com a de Trump, disse ainda planeia usar a autoridade governamental quando necessário para emitir uma “ordem permanente” para o uso de máscaras em prédios federais, bem como no transporte interestadual, inclusive em aviões e autocarros.

De acordo com o Diário de Notícias, o presidente eleito disse também que estava disposto a ser vacinado em público, para aumentar a confiança nas vacinas após a aprovação.

Além disso, Biden revelou que pediu ao principal especialista em doenças infecciosas do governo americano, Anthony Fauci, que permaneça no cargo e se junte à nova administração.

“Pedi-lhe que permaneça exatamente no mesmo papel”, declarou o novo presidente, referindo-se ao especialista ameaçado de demissão pelo presidente cessante, Donald Trump.

“Eu também lhe pedi que fosse o meu principal assessor médico e fizesse parte da minha equipa para a covid”, completou o democrata.

Os Estados Unidos, refira-se, são o país que tem o maior número de mortes e casos confirmados em todo o mundo – ultrapassaram já as 14 milhões de infeções e 275 mil mortes por covid-19.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE