A (má) fama do Canelas chegou ao New York Times

-

O Canelas, a equipa amadora de Vila Nova de Gaia que tem estado envolvida em vários casos de violência, catapultou-se para a fama mundial, pelas piores razões, e chegou ao prestigiado jornal The New York Times.

Num artigo intitulado “A equipa de futebol contra quem ninguém quer jogar”, o jornal norte-americano fala dos jogadores do Canelas como “demasiado violentos no campo” e “demasiado intimidadores para os árbitros”, com base nas queixas que têm surgido por parte de outros clubes.

Lembrando que 12 clubes ameaçaram não voltar a jogar contra o Canelas, com medo dos seus jogadores, o The New York Times (NYT) destaca o facto de vários deles pertencerem aos Super Dragões que são descritos como “o mais temido dos grupos ultra do FC Porto”.

O jornal entrevistou Fernando Madeira, o capitão do Canelas e líder da claque portista, e este garante que a sua equipa “não é violenta” e que só faz como todas as demais, “luta pela bola” e “dá tudo em campo”.

Notando que o verdadeiro “trabalho” de Madureira são os Super Dragões, apesar de ter rendimentos de um restaurante, de um hotel e de alguns apartamentos arrendados, o NYT cita o “Macaco”, como é conhecido, a assumir que na claque “há bons e maus tipos”.

Temos traficantes de droga, assassinos, mas também boas pessoas. Tudo o que temos na sociedade, temos nos Super Dragões”, diz Madureira.

O artigo do NYT inclui ainda alguns vídeos com faltas de jogadores do Canelas, notando que parecem “actos aparentemente gratuitos de violência”, com “pontapés de karaté” e “entradas a pés juntos”.

Assinalado no texto é igualmente, o caso de Marco Gonçalves, o avançado do Canelas que agrediu um árbitro com uma joelhada no nariz e que foi suspenso por quatro anos, sendo também impedido de assistir a jogos de futebol.

Entre as reacções ao artigo, há um utilizador de Vancouver que assina PS e que destaca que “isto não é uma equipa de futebol, mas um gangue de bandidos”, e que não se percebe “porque não foi banida”.

Já um utilizador da Coreia escreve que é “uma nova oportunidade para um novo desporto”, o “Kung fu footie“.

Por outro lado, o utilizador Gingi Adom de Walnut Creek, na Califórnia, compara o caso do Canelas à Selecção Portuguesa e a “muitos jogadores portugueses” e diz que se questiona se “o jogo duro será encorajado no futebol português como algo positivo”.

Finalmente, o utilizador Danny de Nova Iorque sugere ao NYT que, para fazer “uma verdadeira peça de investigação”, deve antes “debruçar-se sobre a corrupção que existe na principal divisão do futebol português”, notando que se paga “a árbitros com acompanhantes e dinheiro” à vista de todos e que ninguém faz nada.

A má fama do Canelas contamina assim, a imagem que o mundo tem do futebol português em geral.

Susana Valente SV, ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Os portugueses deviam ter a noção dos danos que estas notícias estão a fazer internacionalmente a Portugal. Associadas a outras notícias sobre o nosso país são devastadoras, no que diz respeito à justiça, aos tribunais, à corrupção e ao compadrio em todos os aspectos da vida pública portuguesa.

    • “o capitão do Canelas e líder da claque portista, e este garante que a sua equipa “não é violenta” e que só faz como todas as demais, “luta pela bola” e “dá tudo em campo”.” “dá tudo em campo” Essencialmente porrada!

      “Temos traficantes de droga, assassinos, mas também boas pessoas”. As boas pessoas são aquelas que ainda não perceberam que estão num grupo (criminoso) de “traficantes de droga” e “assassinos”. “Tudo o que temos na sociedade”. Quase tudo Sr Madureira. Pessoas normais de bem é que não têm (excepto aqueles que ainda não perceberam onde estão).

      O Sr Bimbo é que podia fazer alguma coisa, mas não quer (ás vezes parece até aprovar atutudes verdadeiramente inaceitáveis, no mínimo). Porque será?

        • Ah?!
          Quero lá saber o que se diz em Londres (o caixote do lixo da Europa)!!!
          E, realmente, no que toca a violência no futebol, os hooligans ingleses tem muito que dizer… Ainda há poucas semanas andaram a espalhar todo o seu civismo e educação por terras gaulesas!…

          • Meu caro senhor. Cretinos armados em apreciadores de futebol, a criarem distúrbios fora das quatro linhas, há-os em todo o Mundo. O nosso problema é te-los dentro das quatro linhas com a total complacência de árbitros, polícia e organismos de tutela. É como a corrupção, há-a em todo o lado, o que não existe em todo o lado é legislação que permita a impunidade.

  2. Esta chungaria caceteira do “Canelas” é uma vergonha para o nosso Portugal.
    Olhando prós caceteiros que lá têm, a começar no azeiteiro que é o chefe do grupo mafioso a que chamam “claque” super dragões, acabando no labrego massa bruta do treinador, o tal que diz que entram com tudo em campo, devia ser tudo varrido. Os jogadores de outras equipas deviam entrar em campo era com protectores de dentes e capacete anti cotovelada e anti pitons, e meias,calções e camisola á prova de pantufadas. Irra!

RESPONDER

Cientistas criam massa que muda de formato assim que entra em contacto com a água

Da penne à fusilli: as pessoas adoram massas pelos seus formatos. Agora, uma equipa de cientistas liderada pelo Morphing Matter Lab da Carnegie Mellon University está a desenvolver massas planas que se transformam em formas …

Australiana fez uma cirurgia para remover as amígdalas (e acordou com um sotaque irlandês)

No dia 19 de abril, Angie Mcyen foi submetida a uma cirurgia para remover as amígdalas, um procedimento bastante simples que demorou apenas meia hora. Uns dias depois, acordou e apercebeu-se de que tinha um …

“Foi o crime do século“. Museu Britânico mostra o impacto do assassinato de Thomas Becket na Europa

Thomas Becket foi abatido dentro da Catedral de Cantuária por cavaleiros da comitiva do rei Henrique II. O assassinato, em 1170, causou ondas de choque em toda a Inglaterra. Agora, o religioso será recordado através …

Na Índia, ser-se rico ou pobre pode fazer a diferença no acesso à vacina

A Índia enfrenta uma grave escassez de vacinas contra a covid-19. Até ao momento, só 2,5% da população recebeu ambas as doses, enquanto 10% recebeu uma. Na Índia, as pessoas que vivem em cidades com fácil …

Ilha italiana torna-se "covid-free" e mostra-se pronta para receber turistas de todo o mundo

Numa altura em que vários países da Europa já começam a planear a abertura ao turismo de forma intensiva, há regiões que mostram já estar um passo à frente. É o caso da ilha de …

Política chinesa torna uigures reféns nas suas próprias casas

A China introduziu, em 2016, uma política de parentesco para promover a harmonia nacional e a unidade étnica, levando a que desde então mais de 1,1 milhões de funcionários do Estado ocupassem periodicamente as casas …

O palco de um dos maiores contos britânicos de sempre vai transformar-se num hostel

A Irlanda aprovou uma proposta para converter num hostel um dos pontos de referência de James Joyce mais icónicos de Dublin. O irlandês James Joyce é um dos maiores escritores da literatura britânica, sendo autor de …

Liz Cheney é a cara da oposição ao "trumpismo" no Partido Republicano

Esta quarta-feira, e depois de ter criticado o antigo Presidente dos Estados Unidos, a congressista Liz Cheney foi afastada de um cargo de liderança no Partido Republicano. Na noite desta terça-feira, e pouco antes de …

SC Braga punido com dois jogos à porta fechada por falta de habilitações de Custódio

O Sporting de Braga foi punido com dois jogos de interdição do seu estádio, após queixa da Associação Nacional de Treinadores de Futebol (ANTF), devido à falta de habilitações de Custódio, anunciou o Conselho de …

Marinha dos EUA faz apreensão de armas ilícitas no Mar da Arábia

A Marinha dos Estados Unidos apreendeu um carregamento ilícito de armas no Mar da Arábia, anunciou a Quinta Frota da Marinha americana. A apreensão do arsenal foi feita pelo navio USS Monterey na passada quinta-feira, dia …