Justiça investiga contratos de Sócrates com Chávez

José Coelho / Lusa

A justiça portuguesa está a investigar acordos celebrados em 2008 entre Portugal, durante o Governo de José Sócrates, e a Venezuela, então liderada por Hugo Chávez.

O juiz Ivo Rosa quer analisar documentos dos acordos estabelecidos, de acordo com o que avança o Correio da Manhã esta terça-feira.

O juiz de instrução criminal responsável pela Operação Marquês pediu, no início de julho, aos ministérios dos Negócios Estrangeiros e da Economia as atas das comissões de Alto Nível e de Acompanhamento referentes aos acordos assinados entre Portugal e a Venezuela em 2008, de acordo com o matutino.

Na altura, José Sócrates, que é arguido na Operação Marquês, era primeiro-ministro. O Ministro Público suspeita que o socialista tenha ajudado o Grupo Lena a angariar contratos de obras públicas na Venezuela. Em troca, terá recebido “vantagens patrimoniais a que bem sabia não ter direito”.

De acordo com o CM, Sócrates terá recebido do Grupo Lena, através do seu então administrador Joaquim Barroca, alegadas luvas de mais de 2,8 milhões de euros, segundo a acusação.

Face a estas suspeitas, o juiz Ivo Rosa terá pedido mais informações sobre a visita oficial realizada por José Sócrates à Venezuela entre 12 e 15 de maio de 2008. Do encontro com Hugo Chávez, que veio a falecer em 2013, resultou num reforço das relações económicas entre os dois países.

José Sócrates, que esteve preso preventivamente e em prisão domiciliária, está acusado de 31 crimes económico-financeiros. O antigo líder socialista foi acusado pelo Ministério Público da alegada prática de três crimes de corrupção passiva de titular de cargo político, 16 crimes de branqueamento de capitais, nove crimes de falsificação de documento e três crimes de fraude fiscal qualificada, no âmbito da Operação Marquês.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. O melhor é não entrar por aí. Assim nunca mais vai despachar nada. Partindo do pressuposto que tudo o que esse governo fez foi em proveito dos próprios mais vale apostar em investigar apenas duas ou três coisas e prendê-los por essas do que querer apanhar tudo. Condenem-nos por duas ou três coisas porque o povo há muito que já percebeu como foi desgovernado.

  2. Gostava de saber como foi resolvido o caso dos submarinos (PORTAS)- Casa Coelha (CAVACO)-BPN (CAVACO E COMPANHEIROS E FILHA)-APAGÃO DO CITIUS(PASSOS COELHO) PARA NÃO SE SABER QUEM PÔS OS MILHÕES €€€€€€€€€€€€€€ lá fora…….etc………

    • Tu não meças os outros pela tua bitola. Uma coisa é aquilo que tu e os teus amigos são. E isso não significa que todos os outros são iguais. Até porque nem procuraste negar o que foi dito dos teus amigos.

  3. Já agora aproveite para investigar os contratos dos submarinos celebrados por o Sr. P.Portas, cuja historia está bem abafada. Depois pode estender a pesquisa ao monte de casos que abrangem outros veneráveis Políticos. Os contribuintes Portugueses agradeciam !!!!!

  4. O Sr Socrates é muito esperto. Conseguiu camuflar as coisas de maneira a que ninguém consegue descortinar nada (leia-se justiça). Só os TUGAS é que não vão na conversa…o que é uma chatice. O nosso querido dinheirinho anda sempre a tapar buracos e a minha rua continua cheia deles. isto um dia vai acabar mal!!!

  5. Bem podia ser acusado de 531 ou 1531 crimes que nunca irá ser culpado de nenhum, enfim…… já nem no Brasi ou em Áfrical existe tanta impunidade!

Responder a mmm Cancelar resposta

Cientistas criam tinta ultra-branca que ajuda a arrefecer as superfícies

Cientistas criaram uma nova tinta ultra-branca que pode refletir 95,5% da luz solar que chega à sua superfície. De acordo com o site IFLScience, esta propriedade permite que algo revestido com esta tinta ultra-branca, como, por …

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …