Justiça investiga contratos de Sócrates com Chávez

José Coelho / Lusa

A justiça portuguesa está a investigar acordos celebrados em 2008 entre Portugal, durante o Governo de José Sócrates, e a Venezuela, então liderada por Hugo Chávez.

O juiz Ivo Rosa quer analisar documentos dos acordos estabelecidos, de acordo com o que avança o Correio da Manhã esta terça-feira.

O juiz de instrução criminal responsável pela Operação Marquês pediu, no início de julho, aos ministérios dos Negócios Estrangeiros e da Economia as atas das comissões de Alto Nível e de Acompanhamento referentes aos acordos assinados entre Portugal e a Venezuela em 2008, de acordo com o matutino.

Na altura, José Sócrates, que é arguido na Operação Marquês, era primeiro-ministro. O Ministro Público suspeita que o socialista tenha ajudado o Grupo Lena a angariar contratos de obras públicas na Venezuela. Em troca, terá recebido “vantagens patrimoniais a que bem sabia não ter direito”.

De acordo com o CM, Sócrates terá recebido do Grupo Lena, através do seu então administrador Joaquim Barroca, alegadas luvas de mais de 2,8 milhões de euros, segundo a acusação.

Face a estas suspeitas, o juiz Ivo Rosa terá pedido mais informações sobre a visita oficial realizada por José Sócrates à Venezuela entre 12 e 15 de maio de 2008. Do encontro com Hugo Chávez, que veio a falecer em 2013, resultou num reforço das relações económicas entre os dois países.

José Sócrates, que esteve preso preventivamente e em prisão domiciliária, está acusado de 31 crimes económico-financeiros. O antigo líder socialista foi acusado pelo Ministério Público da alegada prática de três crimes de corrupção passiva de titular de cargo político, 16 crimes de branqueamento de capitais, nove crimes de falsificação de documento e três crimes de fraude fiscal qualificada, no âmbito da Operação Marquês.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. O melhor é não entrar por aí. Assim nunca mais vai despachar nada. Partindo do pressuposto que tudo o que esse governo fez foi em proveito dos próprios mais vale apostar em investigar apenas duas ou três coisas e prendê-los por essas do que querer apanhar tudo. Condenem-nos por duas ou três coisas porque o povo há muito que já percebeu como foi desgovernado.

  2. Gostava de saber como foi resolvido o caso dos submarinos (PORTAS)- Casa Coelha (CAVACO)-BPN (CAVACO E COMPANHEIROS E FILHA)-APAGÃO DO CITIUS(PASSOS COELHO) PARA NÃO SE SABER QUEM PÔS OS MILHÕES €€€€€€€€€€€€€€ lá fora…….etc………

    • Tu não meças os outros pela tua bitola. Uma coisa é aquilo que tu e os teus amigos são. E isso não significa que todos os outros são iguais. Até porque nem procuraste negar o que foi dito dos teus amigos.

  3. Já agora aproveite para investigar os contratos dos submarinos celebrados por o Sr. P.Portas, cuja historia está bem abafada. Depois pode estender a pesquisa ao monte de casos que abrangem outros veneráveis Políticos. Os contribuintes Portugueses agradeciam !!!!!

  4. O Sr Socrates é muito esperto. Conseguiu camuflar as coisas de maneira a que ninguém consegue descortinar nada (leia-se justiça). Só os TUGAS é que não vão na conversa…o que é uma chatice. O nosso querido dinheirinho anda sempre a tapar buracos e a minha rua continua cheia deles. isto um dia vai acabar mal!!!

  5. Bem podia ser acusado de 531 ou 1531 crimes que nunca irá ser culpado de nenhum, enfim…… já nem no Brasi ou em Áfrical existe tanta impunidade!

RESPONDER

Secretário da Cultura brasileiro vai ser demitido depois de se inspirar em discurso nazi de Goebbels

Roberto Alvim, secretário da Cultura brasileiro, fez um discurso esta quinta-feira copiando um discurso muito conhecido do ministro da propaganda de Adolf Hitler, Joseph Goebbels. O secretário da Cultura do Brasil, Roberto Alvim, divulgou um vídeo …

Presidente da Guatemala anuncia corte de relações com Venezuela

O novo Presidente da Guatemala, Alejandro Giammattei, anunciou na quinta-feira que ordenou o corte de relações com a Venezuela e o encerramento da embaixada neste país. Alejandro Giammattei, médico e ex-diretor do Sistema Penitenciário da Guatemala, …

Bolsonaro vai manter secretário acusado de irregularidades no Governo

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, defendeu hoje o titular da Secretaria Especial da Comunicação Social (Secom, órgão da Presidência), Fabio Wajngarten, acusado de alegadas irregularidades em contratos, garantindo que o manterá no cargo. “Pelo que eu …

FC Porto empresta Waris ao Estrasburgo com opção de compra obrigatória

O avançado ganês foi emprestado pelo FC Porto ao Estrasburgo até ao final da temporada, num negócio que inclui uma cláusula de opção de compra obrigatória. No final do empréstimo, o Estrasburgo fica obrigado a contratar …

Miguel Guimarães reeleito bastonário da Ordem dos Médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, foi eleito esta quinta-feira para um segundo mandato, com 93% dos votos. De acordo com os resultados provisórios avançados pela Ordem, estando contados 16.723 votos, Miguel Guimarães foi …

Governante sugere "chazinhos e bolos" para acabar com agressões nas salas de espera dos hospitais

"Salas de espera com bom aspecto, com televisão, revistas" e com "chazinhos e bolos" podem ajudar a reduzir o "clima de tensão" que se vive em alguns hospitais, contribuindo para acabar com as agressões a …

Detidos cinco suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano em Bragança

A Polícia Judiciária anunciou, esta sexta-feira, que foram detidos cinco homens, suspeitos de estarem envolvidos na morte do estudante cabo-verdiano, em Bragança. A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, em comunicado, que procedeu, esta quinta-feira, a "buscas domiciliárias, …

Cláudio Monteiro renuncia a cargo de juiz do Tribunal Constitucional

O juiz renunciou ao mandato do Tribunal Constitucional por ter sido, entretanto, nomeado Juiz Conselheiro do Supremo Tribunal. O juiz Cláudio Monteiro renunciou, esta quinta-feira, ao mandato de juiz do Tribunal Constitucional (TC), de acordo com …

Proposta do BE sobre IVA da energia vai ser rejeitada pelo Governo, revela PS

Uma proposta do Bloco de Esquerda (BE) para reduzir o IVA sobre a eletricidade e o gás natural, sem impacto no Orçamento de Estado para 2020, vai ser rejeitada pelo Governo, por não corresponder à sua …

Petição quer enfermeiros como profissão de desgaste rápido e subsídio de risco. 2.500 já assinaram

Mais de 2.500 pessoas já assinaram uma petição online que defende a atribuição do estatuto de profissão de desgaste rápido aos enfermeiros, bem como a atribuição de um subsídio de risco. No texto, os promotores defendem …