“Quando estou irritada, ouço o hino da CGTP”. Marta Temido confessa-se e atira-se ao Bloco

Hugo Delgado / Lusa

A ministra da Saúde Marta Temido

Ouve o hino da CGTP aos berros quando está “muito irritada” e chora quando as acusações são duras, como quando disseram que “limpou” doentes das listas de espera. Confissões da ministra da Saúde, Marta Temido, que se define “esquerdista” e lamenta a “ingenuidade” nas negociações com o Bloco.

Numa longa entrevista na Notícias Magazine que é lançada com o Jornal de Notícias de domingo, a ministra fala do processo de negociações da nova Lei de Bases da Saúde que abalou a “geringonça”, especificamente devido às Parcerias Público-Privadas (PPP).

Marta Temido garante que aprendeu a lição e que não voltará “a cometer certas ingenuidades“, referindo-se concretamente às conversações com o Bloco de Esquerda.

Os bloquistas anunciaram um alegado acordo com o Governo para o fim das PPP na Saúde, mas o Executivo apressou-se a negar essa versão. Marta Temido reforça a ideia, notando que houve apenas uma “troca de documentos” que foram tornados públicos.

“Eu não enviei nenhuma proposta ao BE. Eu e este gabinete não enviámos nenhuma proposta ao BE. Houve troca de documentos entre vários actores do processo, mas a ministra da Saúde nunca enviou uma proposta ao BE“, assegura Marta Temido.

A ministra nota que o documento divulgado pelo BE era “uma opção de redacção que estava a ser tentada” para “aproximação de posições”. Marta Temido diz que, de resto, houve várias versões diferentes no sentido de chegar a um acordo que agradasse às partes.

Assim, deixa implícita a crítica de deslealdade aos bloquistas e nota que o processo lhe serviu de “aprendizagem” e que da próxima vez vai “desconfiar”. “Não voltarei a ter a ingenuidade de acreditar que todas as pessoas têm o mesmo ponto de vista sobre a forma como devemos relacionar-nos uns com os outros”, frisa.

De qualquer modo, Marta Temido acredita que “há muito mais identificação do que divergência” no seio dos parceiros da “geringonça” e reforça que o Governo também defende, preferencialmente, que “a gestão dos hospitais seja pública“. “O que não sei é quando lá conseguiremos chegar”, nota.

Marta Temido descarta, desde logo, acabar com as PPP “por decreto e sem acautelar que são internalizadas pelo menos com igual qualidade à que neste momento é prestada”.

Num tom mais pessoal, a ministra define-se como “afável” e “empática”, mas diz que “não suporta” que lhe “pisem os calos”.

Quando estou muito irritada, costumo ouvir o hino da CGTP-IN (Internacional Socialista). Cá está, esta é daquelas que não devia dizer, mas é a verdade”, confessa também, assumindo que está “numa linha mais à esquerda” do Governo. “Aliás, esquerdista é subtítulo que não me ofende”, realça.

A ministra da Saúde também revela que chora quando se sente especialmente ofendida, como aconteceu com o caso das acusações de que “limpou” doentes das listas de espera para consultas ou cirurgias, para ocultar os números, quando era presidente da Administração Central do Sistema de Saúde. Primeiro chora, mas “depois passa”, conclui.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Ora aí está.
    A ditadura de esquerda a comandar. Invasões de instalações quando não se está de acordo, amordaçar que aperta etc, etc.

  2. Esta ministra é uma anedota ou um erro de casting.
    Troca-nos as voltas para não se perceber a piada.
    ” irritada ouve o hino da Cgtp e atira-se ao bloco”
    … descodificando…
    “parte caniço com toda a gana e agarra-se ao toro”

  3. … os nossos políticos principalmente esta Temido tem cá “uma quebra de personalidade de pensamento que é de espantar”. Se fosse só este caso que sorte tinham os portugueses, que sorte, mas não infelizmente.

RESPONDER

Pela primeira vez, uma astronauta corrige página da Wikipédia a partir do Espaço

Pela primeira vez na história da Humanidade, a astronauta norte-americana Christina H. Koch fez a edição de uma página da Wikipedia na Internet a partir da Estação Espacial Internacional (EEI), enquanto orbitava o planeta Terra. A …

Rover Mars 2020 vai procurar fósseis microscópicos

Cientistas do rover Mars 2020 da NASA descobriram o que poderá ser um dos melhores locais para procurar sinais de vida antiga na Cratera Jezero, onde o veículo vai pousar no dia 18 de fevereiro …

MP quer passar a ouvir todas as crianças expostas a violência doméstica

A procuradora-geral da República quer que os magistrados do Ministério Público peçam sempre ao juiz de instrução criminal que as crianças expostas a violência doméstica sejam ouvidas em tribunal para memória futura. A procuradora-geral da República, …

Greta Thunberg no Parlamento entre final do mês e início de dezembro

A ativista sueca aceitou participar numa sessão na Assembleia da República, em Lisboa, promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de …

Phineas Fisher. O "hacker fantoche" que está a pagar para piratearem bancos e petrolíferas

Phineas Fisher é um hackers mais infames do mundo e procura agora renovar esse estatuto ao oferecer 100 mil dólares a quem piratear instituições capitalistas, como bancos e empresas petrolíferas. O hacker ficou conhecido após ter …

Conselho Superior da Magistratura arquiva processo disciplinar a Carlos Alexandre

O Conselho Superior da Magistratura decidiu arquivar o processo disciplinar relativo ao juiz do Tribunal de Instrução Criminal por declarações sobre o sorteio da fase de instrução do processo Operação Marquês. "O plenário de hoje do …

Jardins e complexo de estufas descobertos num dos bunker de Hitler

Um grupo de especialistas descobriu jardins e um complexo de estufas, que serviu para cultivar legumes e frutas, num dos maiores quartéis generais de Adolf Hitler durante a II Guerra Mundial, o bunker conhecido como …

Ataque a Alcochete. Advogados pedem impugnação do auto de notícia da GNR

Uma discrepância nas datas de elaboração e de assinatura do auto de notícia que relata a invasão à academia do Sporting motivou, esta terça-feira, a apresentação de um requerimento de impugnação subscrito por vários advogados. No …

Japão diz que é seguro libertar água radioativa de Fukushima no Pacífico

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão afirmou esta segunda-feira que é seguro libertar água contaminada de Fukushima no Oceano Pacífico, de acordo com o jornal local Japan Today. A central nuclear, recorde-se, sofreu …

Dez autarcas e quatro clubes entre os 68 acusados na operação Ajuste Secreto

O Ministério Público da Feira deduziu acusação contra 68 arguidos, incluindo dez autarcas e ex-autarcas, quatro clubes desportivos e os seus respetivos presidentes, no âmbito da operação "Ajuste Secreto". Numa nota publicada no seu site oficial, …