Guardia Civil suspeita que a polícia catalã ajudou Puigdemont a fugir

Alberto Estevez / EPA

O ex-presidente do governo catalão, Carles Puigdemont

A Guardia Civil espanhola suspeita que os responsáveis de Mossos d’Esquadra, polícia da Catalunha, ajudaram o ex-presidente da Generalitat, Carles Puigdemont, a fugir para a Bélgica.

O último relatório da Guardia Civil contem duras acusações contra os Mossos d’Esquadra e os seus responsáveis, tanto policiais como políticos. O documento questiona a participação de vários agentes catalães na fuga e posterior proteção de Carles Puigdemont na Bélgica. O relatório aponta também que os responsáveis ajudaram na fuga “a título individual” e que contaram com a conivência dos máximos responsáveis do ministério do Interior.

Segundo o El País, a Guardia Civil inclui esta suspeita num amplo relatório dedicado a abordar a alegada implicação dos Mossos nas “estruturas de Estado” que os independentistas queriam desenvolver antes da celebração do referendo de 1 de outubro.

Como já tinham feito em anteriores relatórios, os investigadores não duvidam em assinalar como presumivelmente implicados no processo Josep Lluís Trapero, chefe máximo dos Mossos, e o ex-secretário do Interior Joaquim Forn, atualmente preso.

Sobre a polícia autónoma, os autores do relatório alegam que foi adjudicado aos Mossos um papel “imprescindível para garantir a segurança dos cidadãos e o controlo das infraestruturas essenciais numa hipotética Catalunha independente”.

A partir daí, a Guardia Civil detalha oito chamadas e cinco notícias publicadas em diferentes meios de comunicação que, na sua opinião, reforçam as suspeitas da implicação dos Mosso e os seus responsáveis máximos na estratégia independentista.

Estas últimas são referentes à participação de, pelo menos, quatro Mossos, na fuga de Puigdemont para Bruxelas – um episódio no qual supostamente Puigdemont abandonou a sua casa em Girona oculto na mala de um veículo conduzido por um dos seus escoltas – e os trabalhos de proteção realizados por outro Mosso já na capital belga.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Novo estudo diz que Remdesivir não tem "impacto significativo" nos doentes com covid-19

Ao contrário do que se pensava, o medicamento antiviral remdesivir não reduz as mortes entre os pacientes com covid-19, sobretudo quando comparado com o tratamento padrão, de acordo com os resultados de um estudo internacional. Em …

Bebés alimentados por biberões ingerem milhões de micro plásticos por dia, sugere estudo

Um novo estudo vem agora alertar para os perigos da puericultura moderna. De acordo com a pesquisa, os bebés que são alimentados com biberões engolem milhões de partículas de micro plástico por dia. Normalmente os biberões …

Cortaram a água nas instalações da Tesla na Alemanha. Havia contas por pagar

A empresa pública alemã WSE cortou (e já restabeleceu) o fornecimento de água nas instalações da Tesla em Grünheide, onde nascerá a primeira gigafactory europeia da empresa, devido à falta de pagamento das contas. Na semana …

Trabalhadores remotos estão a encher pequenas cidades (que agora têm os problemas das grandes)

A pandemia de covid-19 está a levar a um novo fenómeno: a migração para "comunidades de passagem" - pequenas cidades próximas a grandes terras e estações de esqui - à medida que mais pessoas começam …

EUA vão retirar Sudão da "lista negra" de países apoiantes do terrorismo

O Sudão vai ser retirado da lista de países apoiantes do terrorismo, anunciou na segunda-feira o Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, numa medida que permitirá ao país africano voltar a ter acesso a …

Trump testou positivo à covid-19 e Fauci não ficou nada surpreendido

Anthony Fauci, o principal especialista norte-americano em doenças infeciosas, revelou esta semana que não ficou nada surpreendido com o facto de o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ter testado positivo à covid-19.  Em entrevista ao …

Benfica castigado com um jogo de interdição da Luz

O Benfica foi punido com um jogo de interdição do Estádio da Luz e uma multa de 10.200 euros pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por apoio a claques não …

Homem muda a matrícula do carro para ficar "invisível", mas acaba com multas pendentes de 12 mil dólares

Um especialista em segurança cibernética norte-americano, conhecido como Droogie, trocou a matrícula do seu carro e pôs em prática um plano para tentar tornar o veículo indetetável nos leitores de matrículas e sistemas de bilhetes. …

Fenprof diz que já são mais de 330 as escolas com casos positivos

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou que já são mais de 330 as escolas em que confirmou existirem casos de covid-19 e acusou o Ministério da Educação de “esconder informação” solicitada a este propósito. Os …

Boeing 737 Max novamente seguro para voar, diz regulador europeu

O 737 Max da Boeing, avião suspenso desde março de 2019 devido a dois acidentes que resultaram na morte de 346 pessoas, é novamente seguro para voar, afirmou o diretor executivo da Agência Europeia para …