Galamba chama alienígena desvirtuado refém dos sindicatos ao ministro da Educação

Manuel de Almeida / Lusa

O ex-dirigente socialista António Galamba

O ex-dirigente socialista António Galamba

O antigo dirigente socialista António Galamba acusa o ministro da educação, Tiago Brandão Rodrigues, de estar a usar uma “sobredose desvirtuada” com a orientação política de “acabar com a mama” e diz que o ministro está refém da Fenprof.

Num artigo de opinião publicado esta quinta-feira no jornal I, António Galamba diz que o ministro da Educação é “um alienígena da realidade portuguesa aprisionado pelos sindicatos“.

Segundo o antigo dirigente socialista, Tiago Brandão Rodrigues “acha que pode brincar com a vida das crianças e dos jovens nos currículos, nos exames e nas matrículas”.

O risco de disparate é grande“, diz Galamba, que fez parte da direcção socialista de António José Seguro.

Segundo António Galamba, “começa a ser claro que o que é dito não importa, porque numa semana o que é relevante é a palavra de Bruxelas, mas na semana seguinte, as previsões de Bruxelas já não contam”.

O ex-deputado socialista diz haver um crescente mercantilismo de seres humanos, “já não sob a forma de escravos, mas ao nível da disputa entre o público e o privado” na saúde, na educação e na proteção social.

Segundo Galamba, há um populismo de acabar com a mama que não pode significar, “como acontece na educação e noutros serviços”, o redireccionar da mama do privado para o público.

Am abril deste ano, o ex-dirigente do PS tinha denunciado negócios do Estado com Diogo Lacerda Machado, o “amigo de António Costa”, relacionando-o com os concurso de aquisição dos helicópteros dos Kamov e de aparelhos para o SIRESP.

ZAP

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

    • Colégio ou Universidade e com isto já está contar com uma melhor posição e maior ordenado nessas empresas que lucram com a educação, mas que sofrem do complexo PPPP (Papá Paga Puto Passa).

  1. Se bem me recordo, esta personagem pouco barafustou durante o governo do Coelho e do irrevogável . Esteve, concerteza, a carregar baterias.

  2. Não existe Ministro da Educação em Portugal, pois esse Ministério é dirigido pela Fenprof.

    É um demagogo, um ilusionista este pseudo Ministro que tem baixado as calças aos sindicalistas da Fenprof. Aterrou o rapazito num mega Ministério e nem sabe o que anda a fazer…Pobre coitado.

    Um inábil, inútil e um rafeiro este pseudo ministro.Vai para a 5 Outubro uma grande confusão e vai continuar com a Fenprof com este pseudo Ministro no bolso, todos dias é manietado pelo Nogueira, outro cancro do sistema de ensino.

  3. A Educação neste pobre país está a ir para um beco sem saída! Cada vez mais a juventude se sente desiludida com a forma como recebem o Saber! Quando leio o que vai na Educação, sinto que saí na hora certa! Os sindicatos são uma força totalitária e amiga dos seus amigos! Quem não está de acordo com as suas leis é um alvo a abater! E, na docência, penso, é onde eles têm a sua presença mais marcante, por isso devem estar como o peixe na água, com um ministro da Educação debaixo da sua prepotência! ATÉ ONDE IRÁ TAMANHO DESCONTROLO DESTA ÁREA!

  4. Certo é que o Galamba só resolveu falar agora. .. Então quem beneficiou do seu silêncio antes? Deve ter sido o ensino privado claro!

  5. Estes ilustres “dissidentes” são sempre meticulosamente mas profusamente apoiados pelos meios de comunicação social, digam eles os disparates que disserem. E aparecem sempre como campeões da honestidade, mas todos sabemos que posições destas são aquilo que hoje se designa “politiquice”, isto é defesa dos seus interesses em prejuízo do publico. Normalmente, têm que ver com ambições que visam melhor colocação na privada onde está ou onde se quer situar e naturalmente melhor ordenado, pois como dizem “tem visibilidade”.

  6. Caro ZAP

    A notícia possui um erro grave. Referem na notícia que o atual ministro da educação é Tiago Brandão Rodrigues! Então o ministro da educação não é aquele senhor de bigode… o Mário Nogueira!?

    Queiram por favor corrigir a notícia, não sendo necessário nenhum pedido de desculpa.

    Obrigado

  7. O senhor ministro da educação com ar mais de aluno do que de ministro parece andar a brincar às escolinhas e desta forma o país nunca mais conseguirá chegar a um consenso sobre educação que deveria ser estável e com o acordo no mínimo de dois terços do parlamento e isto depois de ouvidos pais e professores, a qualidade do ensino vai piorando apesar de mais anos de “ensino”.

  8. E tem toda a razão, este ministro não geverna, mas sim a Fenprof em lugar dele. A Fenprof é a causa principal dos males da Educação em Portugal. Quando começam a pensar nos alunos em vez dos interesses de uns quantos sindicalistas comunistas que nunca deram aulas e vivem ricamente à custa dos portugueses?

  9. Ó Cardoso. Os meus filhos andam no privado e eu a minha mulher pagamos para tal! Só não percebo é porque tenho de continuar a pagar também o público se não o utilizo! Acho que quem quer o público que o pague nos impostos. Quem que o privado que o pague diretamente mas depois não seja obrigado também a pagar o público nos impostos!

  10. A questão é que eu pago impostos por cada cêntimo de rendimento que aufiro e tenho o direito de me manifestar quando existe esta questão de quererem poupar 139 milhões com os contratos de associação que permitem, quer se queira quer não, o acesso de todos a um ensino de melhor qualidade (embora haja ensino de qualidade também no público, há quem se situe em áreas onde só existe ensino público sofrível). Quando querem atribuir um subsídio aos transportes de mercadorias no valor de 150 milhões, criando desigualdade no setor pois não vai abranger todas as sociedades.
    O ensino de qualidade só vai ser acessível a uma classe de elite ou a quem viva em grandes centros onde tem possibilidade de escolher a escola pública.

RESPONDER

Entre sorrisos e avisos sobre a Irlanda do Norte, Biden chuta para canto acordo comercial com o Reino Unido pós-Brexit

Um possível acordo comercial, a fronteira entre as duas Irlandas, a retirada do Afeganistão e as alterações climáticas foram alguns dos temas em cima da mesa na recepção de Boris Johnson na Casa Branca. Foi um …

UEFA duplica prémios do Europeu feminino

De oito para 16 milhões de euros. Prémio monetário bem diferente do Europeu anterior. A UEFA informou nesta quinta-feira que vai ser duplicado o total do prémio monetário para as selecções participantes no próximo Europeu feminino. O …

Número de animais abatidos continua a cair nos canis portugueses

É esperada uma estabilização do número de abates, dois anos após a entrada em vigor da legislação que regula o ato. Dois últimos anos foram marcados por quedas. Em 2020, foram abatidos em nos canis portugueses …

Entre professoras e uma personal trainer, Braga é o concelho do país com mais candidatas mulheres

Cerca de 63% dos 308 concelhos de Portugal têm, pelo menos, uma mulher candidata à presidência de uma Câmara Municipal. A liderar surge Braga com cinco candidatas mulheres às eleições autárquicas de domingo. Há 194 concelhos …

Pais revoltados com professor que deu aula com máscara no queixo — e que publica vídeos obscenos online

PSP foi chamada à Secundária Eça de Queirós, na Póvoa do Varzim, porque docente — que sugeriu aos alunos que seguissem o seu canal de YouTube onde tem vídeos em cuecas e nu — deu …

Sem surpresas, Medina mantém Lisboa, mas sem maioria absoluta. Costa e Pedro Nuno juntos em ação de campanha

As sondagens apontam para uma vitória de Medina, ainda que com um resultado inferior ao de 2017. A grande surpresa na capital será a Iniciativa Liberal, partido que poderá eleger um vereador e inclinar o …

Instrumentos musicais detalham a evolução das relações da população sul-americana

Num novo estudo, os investigadores analisaram a diversidade musical em todo o continente sul-americano com uma revisão dos diferentes instrumentos encontrados nos registos arqueológicos e etnográficos. A música é tida como uma expressão intrínseca da diversidade …

Manchester United perdeu em casa (e não adiantou faltar às aulas)

Primeira derrota "interna" do United, num jogo que não contou com Cristiano Ronaldo. No duelo entre treinadores portugueses, Nuno venceu Lage. Houve encontro entre treinadores portugueses na terceira ronda da Taça da Liga inglesa. O Tottenham, …

As discotecas vão reabrir a 1 de Outubro - mas 70% devem ir à falência até à Primavera

Apesar da reabertura dos espaços de diversão nocturna estar para breve, as associações que representam o sector queixam-se das burocracias e da falta de apoios e acreditam que muitas discotecas não vão voltar a abrir …

Candidato de Vila do Conde acusado de oferecer 50€ no supermercado por um voto no domingo

O candidato à Junta de Freguesia de Macieira da Maia, Filipe Santos, terá oferecido 100 euros a um casal idoso para votar no movimento independente, mas com uma condição: fotografar o boletim de voto com …