França contra sanções europeias a Portugal e Espanha

partisocialiste / Flickr

O ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Michel Sapin

A França opõe-se a sanções contra Portugal e Espanha por estes países não terem cumprido o Pacto de Estabilidade e Crescimento, nomeadamente as regras que preveem sanções a um país que tenha um défice orçamental superior a 3% do PIB.

O ministro das Finanças da França, Michel Sapin, assegurou ao diário espanhol El País, citado na edição de hoje, que o seu país será “condescendente” com Portugal e Espanha e adiantou que a Alemanha e a Comissão Europeia também o serão.

A Comissão Europeia propôs, em maio, que se abra um procedimento por défice excessivo contra Portugal e Espanha, mas que seja dado “mais um ano, e apenas mais um ano”, a estes países para colocar o seu défice abaixo dos 3% do Produto Interno Bruto (PIB).

O executivo comunitário “levou em linha de conta o momento do ciclo económico atual”, e no qual é necessário dar sinais “de respeito das regras”, mas também “de apoio à economia”, com vista à retoma.

A decisão final sobre a aplicação de sanções que poderiam implicar a suspensão de fundos comunitários será ser tomada pelos ministros das Finanças da União Europeia na reunião de julho, depois das eleições legislativas em Espanha.

Michel Sapin manifesta uma opinião idêntica ao do presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, que esteve no congresso do PS, em Lisboa, durante o fim de semana, e disse que é “contra” as sanções por incumprimento do défice orçamental de 2015.

/Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Claro que está contra, eles também não cumpriram o défice, ora essa. Se não fosse o caso queria ver se estavas contra!…

  2. Havia de ser bonito se tomassem outra posição…
    Mas, até gostava de ver…
    O schwein, perdão, Schäuble (ministro alemão das Finanças), era bem capaz disso!…

Responder a FCMM Cancelar resposta

Polacos protestam contra acórdão que torna o aborto quase impossível

Milhares de polacos têm-se manifestado, nos últimos dias, contra a proibição quase total do aborto, quando as leis do país estavam já entre as mais restritivas da União Europeia. Na última quinta-feira, o Tribunal Constitucional polaco …

Japão promete "uma sociedade neutra em termos de carbono" até 2050

O Japão quer alcançar a neutralidade de carbono até 2050, disse hoje o primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga, um caminho que se afigura complicado, devido à dependência do país do carvão. Numa altura em que cada vez …

"Nada nos vai fazer recuar". Macron desperta a raiva do mundo muçulmano (e enfurece Erdogan)

Emmanuel Macron, presidente de França, assumiu posições muito claras na defesa da liberdade de exibir as caricaturas de Maomé, no âmbito da homenagem ao professor decapitado na semana passada, suscitando protestos em vários países muçulmanos. "Nada …

Merkel avisa Alemanha que os próximos meses vão ser “muito difíceis”

A chanceler alemã, Angela Merkel, avisou a Alemanha de que os próximos meses vão ser "muito difíceis", já que o número de infeções por covid-19 continua a crescer diariamente, tendo-se registado 8.685 nas últimas …

Portugal acusado de bloquear lei europeia contra evasão fiscal pelas multinacionais

Os governos português e sueco estão a ser acusados de bloquear, no Conselho da União Europeia (UE), a deliberação de uma lei contra a evasão fiscal por parte de grandes empresas multinacionais digitais. Segundo anunciou esta …

Consumo de antibióticos desce 22% durante a pandemia. Menos 1,1 milhões de embalagens vendidas

O consumo de antibióticos registou uma descida na ordem dos 22% nos primeiros oito meses deste ano. Venderam-se menos 1,1 milhões de embalagens, quando comparado com igual período do ano passado. Entre janeiro e agosto deste …

Portugal regista mais 2.447 casos e 27 mortes por covid-19

Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais 2.447 casos positivos e 27 mortes por covid-19. A informação foi divulgada, esta segunda-feira, no boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico divulgado hoje revela que …

Testes rápidos devem ser aplicados em surtos em escolas ou lares

A Estratégia Nacional de Testes para SARS-CoV-2, hoje publicada, determina que em situações de surto em escolas, lares ou outras instituições devem ser utilizados preferencialmente testes rápidos no sentido de aplicar "rapidamente as medidas adequadas …

Em Berlim, Marta Temido defende reforma e reforço de poder da OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) deve ser alvo de uma reforma substancial que leve ao reforço do seu poder internacional na sequência da pandemia de Covid-19, defendeu esta segunda-feira a ministra da Saúde, Marta …

PJ faz buscas à Fiscalização e Contratação da Câmara de Barcelos

A investigação, relacionada com contractos efetuados no pelouro da vereadora Anabela Real, estão a ser investigados pela Polícia Judiciária. A Polícia Judiciária (PJ) fez hoje buscas na Câmara de Barcelos, tendo como alvo principal os serviços …