António Costa admite processar Bruxelas

(dr) Conselho da União Europeia

Primeiro-Ministro António Costa à chegada à Cimeira entre a União Europeia e a Turquia, Bruxelas, 29 novembro 2015

Primeiro-Ministro António Costa à chegada à Cimeira entre a União Europeia e a Turquia, Bruxelas, 29 novembro 2015

O primeiro-ministro admite que o Governo português poderá processar Bruxelas em defesa do interesse nacional, caso a Comissão Europeia decida aplicar sanções ao país por causa do défice excessivo. 

António Costa admitiu processar a Comissão Europeia caso sejam aprovadas sanções contra Portugal por causa do défice excessivo.

Em declarações à SIC, durante a cerimónia de homenagem a Mário Soares, o primeiro-ministro diz que não faz sentido que Portugal seja alvo dessa decisão da União Europeia.

“Nós consideramos que não há qualquer justificação, nem base legal, e que seria aliás contraproducente a aplicação de sanções por um resultado não alcançado em 2015, quando estamos num ano em que felizmente a própria Comissão Europeia reconhece que iremos conseguir cumprir este objetivo”, afirmou, citado pelo Diário de Notícias.

O chefe do Governo admite que é necessário “adotar todas as medidas necessárias para defender o interesse nacional” e, por isso, se for preciso avançar com um processo, “é isso que iremos fazer”.

No entanto, Costa acredita no diálogo com Bruxelas e realça que vai aguardar serenamente pelas decisões da UE.

“Iremos fazer este debate, tal como temos feito com a Comissão, faremos com o Conselho e com o Parlamento Europeu e aguardaremos serenamente que as decisões sejam tomadas, mas com a mesma determinação de fazer o que nos compete, que é defender o interesse nacional”.

Este sábado, a agência Lusa avançou que a Comissão Europeia vai propor a suspensão de 16 fundos estruturais em Portugal como forma de sanção, no âmbito de uma carta enviada pelo vice-presidente da Comissão Europeia ao presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz.

No documento, é proposta a abertura de um “diálogo estruturado” em setembro entre estas duas entidades, para que seja definido “o âmbito e a dimensão” da suspensão de financiamento.

Porém, em declarações ao Expresso, fonte da Comissão Europeia já veio desmentir essa informação.

“A informação sobre o corte de 16 fundos estruturais em Portugal não é correta”, afirmou ao semanário.

“A Comissão só irá tomar qualquer decisão depois do processo de diálogo estrutural com o Parlamento, processo esse que nem sequer terá início num futuro próximo”, continuou.

“A carta limita-se a listar os fundos de que Portugal beneficia, mas isso não significa que todos eles – ou até apenas um – venham a ser afetados. No documento é, aliás, evidenciada a abertura da Comissão Europeia para esse diálogo estrutural e a vontade de encontrar uma solução equilibrada, que tenha em conta todos os aspetos socio-económicos”, acrescentou a mesma fonte.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Cinco antepassados de crocodilos viveram há 150 milhões de anos na Lourinhã

Pelo menos cinco crocodilomorfos, antepassados dos crocodilos, viveram na região da Lourinhã há 150 milhões de anos, durante o período do Jurássico. Num artigo publicado na Zoological Journal of the Linnean Society, os paleontólogos Alexandre Guillaume, …

A radiação de Chernobyl está a deixar as vespas esfomeadas (e isso é má notícia)

A Zona de Exclusão de Chernobyl é a área em torno da cidade ucraniana de Pripyat, onde a Central Nuclear de Chernobyl entrou em colapso em 1986. Apesar de não haver humanos na região, e …

Beethoven deixou a 10.ª sinfonia inacabada (e a IA vai completá-la)

Um dos maiores dilemas da história da música é a obra inacabada de Ludwig van Beethoven (1770-1827), a "10ª sinfonia", com muitos músicos a esforçar-se para finalizá-la, utilizando alguns dos fragmentos disponíveis, mas sem sucesso. Desta …

Orcas bebé têm maior probabilidade de sobreviver se viverem com a avó

Crias de orca que vivam com a avó têm uma maior probabilidade de sobreviver quando comparadas às outras orcas. A experiência destas espécimes mais velhas é essencial para o grupo. Tal como nos humanos, as avós …

A "capital mundial das pessoas feias" mora na Itália

Piobbico, na Itália, é uma cidade medieval repleta de grandes edifícios de pedra cercados por florestas exuberantes. No entanto, a cidade é conhecida pela feiura dos seus habitantes. Esta cidade, com cerca de 2.000 habitantes, alberga …

Jovem norte-americano despistou-se e caiu ao rio. Siri chamou os bombeiros

Um jovem norte-americano estava a caminho da universidade quando perdeu o controlo do carro, que derrapou sobre gelo, e foi parar ao rio Winnebago. Como não conseguiu encontrar o seu telemóvel, recorreu à Siri para …

Basta uma máscara impressa para enganar os sistemas de reconhecimento facial

Especialistas da empresa de inteligência artificial Kneron testaram sistemas em três continentes e vários falharam. O reconhecimento facial é, cada vez mais, um método de controlo e de segurança encarado como credível e, inclusivamente, usado …

Pandit olha para as vacas como família e quer produzir "leite ético" para vegans

Um agricultor nos Estados Unidos quer produzir "leite ético" para vegans, mantendo como prioridade o bem-estar e a saúde das vacas. Ultimamente, o consumo de leite tem sido posto cada vez mais em causa. Não só …

Jogadores do Arsenal doam um dia de salário para ações solidárias

Os futebolistas e a equipa técnica do Arsenal vão doar um dia de salário para ações solidárias de Natal. Os elementos técnicos também entraram na iniciativa, que prevê, ainda, a doação da receita do próximo …

Turismo, indústria e energia fazem do Norte região que mais cresceu em 2018

O Norte foi a região portuguesa que mais cresceu em 2018, com um aumento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2,9%, impulsionado pelo turismo, indústria e energia, segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística …