Ferro ataca deputados do PS e PSD que não querem ser vacinados já. São “mais populistas do que os populistas”

Pedro Nunes / Lusa

O presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues

Eduardo Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República, lamenta o recuo dos deputados, sobretudo os do PS e PSD, por recusarem ser vacinados antes do final de março. São “mais populistas do que os populistas”.

Numa carta enviada ao presidente da Assembleia da República, o PS propôs que seja dada prioridade imediata à vacinação contra a covid-19 do presidente e vice-presidentes do Parlamento e que os restantes deputados sejam vacinados numa fase posterior, depois de todo o primeiro grupo de prioritários.

Se, do lado do PSD, há concordância com este “calendário gradual” do processo de vacinação, a questão está longe de ser consensual no Parlamento.

De acordo com o Expresso, Eduardo Ferro Rodrigues considera que a atitude não passa de uma cedência ao populismo.

“Lamento muito que algumas pessoas e alguns grupos parlamentares achem que se combate o populismo sendo ainda mais populistas do que os populistas“, disse ao semanário, acrescentando que o recuo dos parlamentares socialistas e sociais-democratas é “uma demonstração de como o medo do populismo pode levar a mais populismo”.

Num primeiro momento, deputados, sobretudo do PSD e do PS, deram ao presidente do Parlamento um voto de confiança para que decidisse que lista de prioridades mandaria ao Governo para efeitos de vacinação. Posteriormente, quiseram sair da lista.

“Há uma semana, avisei na conferência de líderes que quem não quisesse fazer parte da lista de 50 pessoas dissesse, antes de eu ter de enviar a resposta ao primeiro-ministro na sexta-feira”, contou Ferro, adiantando que, na altura, só houve deputados dos Verdes, do PAN, do PCP e do BE que quiseram ficar de fora.

Do PS e do PSD nada disseram“, sublinhou.

Do PSD, Rui Rio foi o primeiro a dizer que dispensava a vacina e cerca de uma dezena de sociais-democratas fizeram o mesmo. Vários deputados do grupo parlamentar do PS ameaçaram fazer o mesmo, mas a líder parlamentar, Ana Catarina Mendes, segurou-os, com a promessa de não serem vacinados antes do final de março, início de abril.

Em apenas quatro dias, os deputados prioritários para serem vacinados contra a covid-19 reduziram de 50 para 35.

O Expresso avança ainda que, entre os conselheiros de Estado, António Lobo Xavier, que já teve covid-19, diz que só será vacinado se o Presidente da República a isso o obrigar. Marcelo Rebelo de Sousa só indicou quatro pessoas do Palácio de Belém: ele próprio, um médico e duas enfermeiras.

Ramalho Eanes, ex-Presidente da República, também confirmou ao matutino que quer dispensar a vacina como conselheiro de Estado, preferindo “esperar pela sua vez como octogenário”.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

34 COMENTÁRIOS

  1. Aqui está a prova clara e inequívoca da Monarquia Socialista, que prova haver Portugueses de 1.ª e de 2.ª.
    Que eu saiba o socialismo propões a igualdade entre todos os cidadãos, o que faz e torna os políticos prioritários em relação a todos nós???
    Que a lei seja igual para todos.
    Ferro Rodrigues tenha vergonha na cara e vá para a reforma, a sua falsa ideologia está ultrapassada.

    • Ó Rouxinol… andou muito distraído nas últimas décadas ou então leu pouca história…
      Lembra-se como era na URSS e nos países do bloco de leste?! Todos eram iguais menos os seus governantes, amigos e familiares!!! A doutrina comunista / socialista mais pesada, defende igualdade para o povo! Não para os seus dirigentes.

      • Os dirigentes esquerdoides são outra casta, que pode viver com privilégios e barriga cheia. Este Ferro “Velho” deveria ter vergonha de vir com esta fraseologia miserável. Já não é tempo de se reformar?

      • Não deves ter entendido o que escrevi, lê com atenção e depois comenta……

        Tenho estado muitíssimo atento a tudo e a todos, já vivi fascismo, comunismo como militante (depois acordei), agora sou de quem acho estar mais perto das minhas ideias pessoais, lamento que o meu povo quando é de um partido não mude e não pense pelas suas cabeças, nem que o estejam a pisar, roubar descaradamente e sem que se faça justiça nos criminosos de gravata.

        ABRAM OS OLHOS E ESCOLHAM QUEM VOS DIZ AQUILO QUEREM DIZEM,

  2. Não é ser populista sr. Ferro. Eu não NUNCA escolheria para capitão um tipo que ao menor sinal de perigo, quisesse saltar do barco.
    A que raça pertencem vocês para ficar acima do resto da população?

    • Este Ferro já se armou aquando da sua prestação de serviço militar, mas aí levou logo a resposta: foi despromovido de oficial para soldado raso.

  3. Olha este, está a ver que vai perder os direitos ditatoriais que eles próprios definem, e está aflito! Vai para o fim da fila, seu ferrolho enferrujado.

  4. Este, parece que piorou mesmo muito, desde os tempos em que foi buscar outro”artista” à prisão e o levou às costas com outros aliados, até às instalações da AR!
    Já não era sem tempo que deixasse o lugar a gente mais nova e competente no cargo que ocupa. Há que dar o lugar a outros, como foi o caso da PGR e do presidente do TC…

  5. Este Ferro Rodrigues representa tudo aquilo que leva a que o CHEGA vá longe. Só ele é que não percebe isso. O Ferro Rodrigues representa as longas carreiras políticas que passam por cima de tudo e à margem de tudo. Aqueles que sempre comeram do público e nunca nada fizeram pelo país. Este homem personifica o sistema que os portugueses tanto odeiam. É uma das principais caras do sistema que todos criticamos.

    • Este Ferro Rodrigues foi sempre o maior rasquido da classe política portuguesa. Por isso é que ele tenta aproveitar bem as benesses que os reduzidos cargos que lhe escorregam para a mão, lhe vão proporcionando.

  6. Sendo mais populista que os populistas, devemos considerar que o PS e PSD como não sendo partidos democráticos.
    Ora assim sendo porque propor á ANA que avance com o processo para acabar com estes 2 partidos fascistas.

  7. Quem terá dito a este senhor que o populismo é algo de reprovável ou sequer criticável?
    Provávelmente a sua própria impopularidade! É assim, existe populismo porque os políticos que temos são impopulares ou se quisermos, são populares pela negativa. Quando assim é, normalmente aparece no discurso, não a popularidade do próprio político mas a de sua mãe, entidade responsável pela existência de tal ser.

  8. Estou plenamente de acordo com Ferro Rodrigues. Já imaginaram a tragédia que seria para Portugal se os “escassos” deputados que heroicamente suportam o fardo de serem os principais legisladores nacionais, adoecessem. Seria o caos completo só comparável com o terramoto de 1755.

  9. Já me tinha apercebido, que aqui também existe censura. Pensei, pelo que dizem, que só no tempo de Salazar é que havia censura. Mas fiquem tranquilos, que esta será a ultima vez que comento neste logar.

  10. O pior presidente da Assembleia da República DE SEMPRE, nem se percebe como lá foi parar, ou melhor, por acaso até se percebe muito bem. É inacreditável a falta de nível da 2.ª figura do Estado. Nem na República das Bananas.

    • Este Ferro foi arranjado à pressa, porque o poder PS caiu-lhes no regaço, sem eles contarem. Ao virar da esquina encontraram este gajo para chefiar o Parlamento.

  11. Este Sr. ocupando um lugar de relevo como o de presidente da assembleia da república, logo eleito pelos seus pares, só evidência que estamos mesmo muito mal representados, são deputados deste gabarito que levam inicialmente a descrença no sistema político, primeiramente ao alheamento (abstenção) e posteriormente ao surgimento e acolhimento de movimentos extremistas.
    Se os partidos políticos tradicionais não começarem rapidamente a fazer uma purga, tema que vá acontecer em Portugal o que já é realidade em alguns países.
    Está mesma dedução é extensível ao sector da (in) justiça.

  12. Como classifica alguém que é capaz de olhar para uma sala com 230 trabalhadores, pensa e diz: vamos vacinar os 40 mais importantes.

  13. Esse tipo nunca deveria ser Presidente da Assembleia da Répública é um que deveria olhar para o espelho e depois ver o passado..
    Esse e outros politicos deveriam ser os últimos a serem vacinados, a não ser os com doenças crónicas que os dão como prioritários e com mais de 55 anos.
    Não é populismo é sim amor ao próximo, que o senhor Ferro não tem…VERGONHOSO

RESPONDER

Proporção divina. Antiga fórmula grega pode ser responsável pelo sucesso dos musicais

Desde 1972, quando "Jesus Christ Superstar" estreou na Broadway, os mais populares musicais quase unanimemente empregaram uma fórmula centenária conhecida como “a proporção divina” - e, surpreendentemente, parecem tê-lo feito acidentalmente. A proporção divina é um …

Egito já iniciou obras de alargamento do Canal do Suez

A Autoridade do Canal do Suez iniciou este sábado obras para ampliar dez quilómetros do troço sul, onde o navio Ever Given encalhou em março passado, causando o bloqueio de uma das vias de navegação …

Museu do Prado descobre erro de 500 anos numa das suas esculturas

O Museu do Prado, em Madrid, descobriu que uma das suas esculturas, que se pensava ser do século XV, é afinal uma obra do século XX. Em comunicado, o museu espanhol explicou que a escultura – …

Costa entrou em “modo avestruz” e Cabrita é uma “mancha”. Líder do CSD não poupa nas críticas

Francisco Rodrigues dos Santos fez duras críticas ao primeiro-ministro, António Costa, e ao ministro da Administração Interna, Eduarda Cabrita. O presidente do CDS-PP disse que o primeiro-ministro entrou "em modo avestruz no caso João Galamba" referindo-se …

Morreu o prefeito de São Paulo que venceu a covid-19, mas que perdeu a batalha para o cancro

O prefeito da cidade brasileira de São Paulo, Bruno Covas, morreu este domingo, aos 41 anos, vítima de cancro, segundo a imprensa brasileira e várias personalidades que nas redes sociais têm lamentado a sua morte. Bruno …

China não está a conseguir macacos de laboratório suficientes para responder à procura da comunidade científica

A proibição do comércio de animais selvagens e o crescimento da investigação científica estão a causar uma escassez de macacos de laboratório na China. A oferta cada vez menor de macacos de laboratório, amplamente usados em …

Câmara do Porto recusa hastear bandeira LGBT no dia contra a homofobia

A Câmara Municipal do Porto recusou hastear a bandeira LGBTI+ na próxima segunda-feira, dia 17 de Maio, data em que se assinala o Dia Internacional Contra a Homofobia, Bifobia e Transfobia. Segundo o Público, a autarquia …

E se fosse possível passar um mês no Palácio de Buckingham? O preço não seria para qualquer bolso

Viver num palácio pode ser o sonho de muitos, mas não é para a carteira de qualquer um. Agora, já se sabe quanto custaria alugar, durante um mês, uma das casas reais mais conhecidas da …

Cavaco Silva considera que seria "chocante" PSD aprovar reforma das Forças Armadas

O ex-Presidente da República defende que é "um erro grave" a reforma das Forças Armadas que o ministro da Defesa pretende fazer, afirmando que seria para si "chocante" ver o PSD aprová-la. "Considero um erro grave …

Risco de ser hospitalizado ou morrer de covid diminui 90% após vacinação

O risco de um adulto ser hospitalizado ou morrer por covid-19 diminui 90% a 95% passados 35 dias sobre o início da vacinação, conclui um estudo divulgado este sábado pelo Instituto Nacional de Saúde de …