Famílias das vítimas do Meco apontam ligações da Lusófona à Maçonaria

ejbSF / Flickr

O recurso que chegou ao Tribunal da Relação de Évora pelas famílias das vítimas da tragédia do Meco aponta ligações da Universidade Lusófona à maçonaria, numa derradeira tentativa de levar o caso julgamento, fazendo ainda uma alusão à licenciatura de Miguel Relvas.

De acordo com o Público, o recurso interposto esta segunda-feira enuncia que os seis estudantes que morreram afogados “pertenciam a uma Universidade que, como é público, tem ligações várias a elementos maçónicos, com o bom e mau que isso tem”, referindo ainda as “ligações partidárias ao mais alto nível” da instituição e “os cursos obtidos por vários elementos partidários em condições menos claras”, aludindo ao caso do ex-ministro Miguel Relvas.

O pedido de reabertura do processo radica no pressuposto de que o juiz de instrução criminal que recusou levar o caso a julgamento cometeu um erro formal ao socorrer-se, para tomar a decisão, de declarações prestadas às autoridades pelo o ex-dux João Gouveia, único arguido, quando o processo ainda estava em fase de inquérito e o estudante era uma mera testemunha.

João Gouveia foi autorizado pelo juiz de instrução criminal a não comparecer em tribunal na fase instrutória do processo, que terminou no início de março, tendo remetido todos os esclarecimentos sobre o que se passou na noite de 15 de dezembro de 2013 para as declarações que prestou ao procurador do Tribunal de Almada, quando ainda não era arguido.

O advogado dos pais das vítimas, Vítor Parente Ribeiro, invoca a disposição do Código do Processo Penal segundo a qual é proibida, em tribunal, “a leitura do depoimento prestado em inquérito ou instrução por testemunha que, em audiência, se tenha recusado a depor.”

O documento refere também que o filho do procurador encarregue do processo no Tribunal de Almada era aluno de mestrado da Lusófona quando o pai estava a investigar o caso.

As famílias das vítimas defendem ainda que João Gouveia “foi auxiliado por terceiro a montar uma simulação de ‘pré-afogamento’ dele próprio” e que a posição de poder que o ex-dux tinha sobre os colegas são indícios de crime de exposição ao perigo ou abandono dos companheiros.

Para os familiares das vítimas, a teoria de que tudo não terá passado de um infeliz acidente esbarra no depoimento de um dos agentes da Polícia Marítima que esteve no Meco, segundo o qual se o grupo tivesse ficado “virado para o mar, de pé e atento”, “teria sempre possibilidade de recuar atempadamente”.

“O arguido ordenou aos seus colegas, que se encontravam com sono e exaustos, que se deslocassem para a zona da linha de água e aí ficassem de costas para o mar e de frente para si; os jovens falecidos colocaram-se uns ao lado dos outros, paralelamente à linha de mar; o arguido manteve-se mais recuado, de frente para as vítimas”, descreve o advogado.

São também invocadas as mensagens de telemóvel trocadas entre estudantes já depois da tragédia que dão a entender a proximidade entre agentes da PJ e a mãe de uma das vítimas, a quem terão passado informações confidenciais sobre o estado da investigação.

ZAP

1 COMENTÁRIO

  1. Em homenagem aos que partiram

    Não lembraria ao diabo: Universidade, maçonaria, licenciaturas, ligações a altos da política…

RESPONDER

Catalunha aplaude referendo curdo. Erdogan pode fazê-los "passar fome"

Os curdos iraquianos votaram esta segunda-feira de forma massiva no referendo sobre a sua independência, mas esta possibilidade alimentada há um século arrisca provocar uma escalada nas tensões regionais. O parlamento em Bagdade, na presença dos …

Enfermeiros exigem aumento mínimo de 400 euros. Ministro da Saúde considera "incomportável"

Os enfermeiros podem voltar à greve a 16 de outubro caso o Governo não satisfaça um conjunto de reivindicações esta terça-feira entregues à tutela e que incluem um aumento mínimo de 400 euros para todos …

João Lourenço põe Portugal fora da lista dos principais parceiros

O novo Presidente angolano, João Lourenço, excluiu esta terça-feira Portugal da lista de principais parceiros, no seu discurso de tomada de posse, sublinhando que Angola considerará todos que "respeitem" a soberania nacional. A posição foi assumida …

MP desvalorizou indícios de maus tratos contra menino que morreu na Guarda

A mãe da criança de 7 anos que morreu no sábado, na Guarda, depois de cair de um terceiro andar, está acusada dos crimes de violência doméstica e de exposição ou abandono. O alerta dado …

Casa do presidente da Câmara de Lisboa também vai ser alojamento local

"É tão absurdo como Marcelo Rebelo de Sousa concessionar o Palácio de Belém para um hotel de charme." A crítica é do candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Lisboa, Ricardo Robles, sobre …

Marcelo Rebelo de Sousa assobiado na tomada de posse de João Lourenço

João Lourenço, de 63 anos, foi esta terça-feira investido, pelas 12:15, no cargo de Presidente da República de Angola, o terceiro que o país conhece desde a independência, em novembro de 1975. Marcelo Rebelo de …

Centeno e Governador do Banco de Portugal à beira da ruptura

As declarações do Governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, sobre as "tentações" do Governo de reduzir a independência dos bancos centrais, caíram mal no seio das Finanças que exigem a Governador que se "retrate". "A …

Fraude massiva com medicamentos potencialmente letais leva centenas à prisão

123 países estiveram envolvidos na operação Pangea X, uma ação a nível internacional coordenada pela Interpol que pretendia combater medicamentos falsificados e os perigos associados à compra de medicamentos pela internet. No âmbito da operação Pangea …

Quase 60 mil pessoas retiradas devido a "erupção iminente" de vulcão em Bali

Mais de 57 mil pessoas fugiram das zonas em torno do vulcão de Monte Agung, na ilha indonésia de Bali, perante registo de atividade sísmica sem precedentes no local. O centro de vulcanologia da ilha …

Governo alarga concurso de regularização da função pública a precários em tempo parcial

Os trabalhadores do Estado em tempo parcial vão poder participar nos concursos para integração de precários. A proposta do PS vai ao encontro do que defendem o BE e o PCP e é votada na …