Famílias das vítimas do Meco apontam ligações da Lusófona à Maçonaria

ejbSF / Flickr

O recurso que chegou ao Tribunal da Relação de Évora pelas famílias das vítimas da tragédia do Meco aponta ligações da Universidade Lusófona à maçonaria, numa derradeira tentativa de levar o caso julgamento, fazendo ainda uma alusão à licenciatura de Miguel Relvas.

De acordo com o Público, o recurso interposto esta segunda-feira enuncia que os seis estudantes que morreram afogados “pertenciam a uma Universidade que, como é público, tem ligações várias a elementos maçónicos, com o bom e mau que isso tem”, referindo ainda as “ligações partidárias ao mais alto nível” da instituição e “os cursos obtidos por vários elementos partidários em condições menos claras”, aludindo ao caso do ex-ministro Miguel Relvas.

O pedido de reabertura do processo radica no pressuposto de que o juiz de instrução criminal que recusou levar o caso a julgamento cometeu um erro formal ao socorrer-se, para tomar a decisão, de declarações prestadas às autoridades pelo o ex-dux João Gouveia, único arguido, quando o processo ainda estava em fase de inquérito e o estudante era uma mera testemunha.

João Gouveia foi autorizado pelo juiz de instrução criminal a não comparecer em tribunal na fase instrutória do processo, que terminou no início de março, tendo remetido todos os esclarecimentos sobre o que se passou na noite de 15 de dezembro de 2013 para as declarações que prestou ao procurador do Tribunal de Almada, quando ainda não era arguido.

O advogado dos pais das vítimas, Vítor Parente Ribeiro, invoca a disposição do Código do Processo Penal segundo a qual é proibida, em tribunal, “a leitura do depoimento prestado em inquérito ou instrução por testemunha que, em audiência, se tenha recusado a depor.”

O documento refere também que o filho do procurador encarregue do processo no Tribunal de Almada era aluno de mestrado da Lusófona quando o pai estava a investigar o caso.

As famílias das vítimas defendem ainda que João Gouveia “foi auxiliado por terceiro a montar uma simulação de ‘pré-afogamento’ dele próprio” e que a posição de poder que o ex-dux tinha sobre os colegas são indícios de crime de exposição ao perigo ou abandono dos companheiros.

Para os familiares das vítimas, a teoria de que tudo não terá passado de um infeliz acidente esbarra no depoimento de um dos agentes da Polícia Marítima que esteve no Meco, segundo o qual se o grupo tivesse ficado “virado para o mar, de pé e atento”, “teria sempre possibilidade de recuar atempadamente”.

“O arguido ordenou aos seus colegas, que se encontravam com sono e exaustos, que se deslocassem para a zona da linha de água e aí ficassem de costas para o mar e de frente para si; os jovens falecidos colocaram-se uns ao lado dos outros, paralelamente à linha de mar; o arguido manteve-se mais recuado, de frente para as vítimas”, descreve o advogado.

São também invocadas as mensagens de telemóvel trocadas entre estudantes já depois da tragédia que dão a entender a proximidade entre agentes da PJ e a mãe de uma das vítimas, a quem terão passado informações confidenciais sobre o estado da investigação.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Em homenagem aos que partiram

    Não lembraria ao diabo: Universidade, maçonaria, licenciaturas, ligações a altos da política…

RESPONDER

Sangue de porco é mais proteico do que qualquer proteína do mercado (e pode ser consumido em smoothies)

Uma equipa de investigadores do departamento de ciência alimentar da Universidade de Copenhaga desenvolveu um método para extrair proteínas do sangue de porco. O resultado é um pó fino, branco, com sabor neutro e com …

Costa anuncia cinco medidas restritivas para 121 concelhos "de elevado risco" e reforços da capacidade de resposta

Após um Conselho de Ministros extraordinário que durou mais de 8 horas, o primeiro-ministro anunciou este sábado novas "medidas imediatas" de combate à pandemia de covid-19. Concelhos "de elevado risco" estão sujeitos a medidas restritivas, …

Escola na China transformou-se num "edifício andante" para evitar a demolição

Os residentes da cidade chinesa de Xangai que, no início deste mês, passaram pelo distrito de Huangpu podem ter encontrado uma visão incomum: um "edifício andante". De acordo com a cadeia de televisão CNN, uma escola primária …

Joke Boon, a chef holandesa que não tem olfato nem paladar

Joke Boon perdeu o paladar e o olfato quando ainda era criança, mas isso não a impediu de viver da culinária, área na qual estes requisitos são, à partida, essenciais.  "Como seria a minha vida se …

Portugal com mais 39 mortos, mais 4007 casos e recorde de internamentos graves

Portugal registou hoje 39 mortos e mais 4.007 casos de novas infeções pelo novo coronavírus, tendo alcançado um novo recorde de 286 doentes internados nos cuidados intensivos por covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde. Registou-se este …

Leiloada carta de Nobel antissemita a desprezar Einstein e os judeus

Uma carta escrita em 1927 pelo Prémio Nobel Philipp Lenard a um colega a reclamar das conquistas de Einstein e do suposto domínio judaico da ciência foi a leilão no Nate D. Sanders Auctions, em …

Sue, o T-rex, terá tido uma forte dor de dentes devido a uma infeção

Sue, o T-rex cujo esqueleto é um dos mais completos já descobertos até aos dias de hoje, terá sofrido uma forte dor de dentes durante a sua existência. "Dois dentes estão realmente fundidos e um terceiro …

Câmara com IA confundiu careca do bandeirinha com a bola (e arruinou o jogo de futebol)

Os adeptos da equipa de futebol escocesa Inverness Caledonian Thistle FC experimentaram uma hilariante falha tecnológica durante um jogo no fim de semana passado. De acordo com o IFLScience, o clube escocês anunciou há algumas semanas …

"Francisco Louçã fez bullying para precipitar ruptura do Bloco com o PS"

O PS acredita que foi a postura de "bullying" de Francisco Louçã que forçou o Bloco de Esquerda a precipitar uma "ruptura com o PS", conforme avança o deputado João Paulo Correia, vice-presidente da bancada …

Remdesivir: de droga milagrosa a negócio milionário com "muito, muito mau aspeto"

Apresentado como único medicamento anti-viral eficaz no combate à covid-19, foi o primeiro medicamento aprovado pela FDA, regulador farmacêutico americano, no tratamento da doença. Agora, a sua eficácia é contestada — e os negócios milionários …