Estados Unidos são o país com mais casos de Covid-19 no mundo

Yuri Gripas / EPA POOL

Os Estados Unidos ultrapassaram esta quinta-feira a Itália e a China, tornando-se o país com mais casos registados de pessoas infetadas pelo novo coronavírus no mundo, segundo dados da universidade Johns Hopkins.

Segundo estes dados, consultados às 9 horas desta sexta-feira, os Estados Unidos, país onde a pandemia está a progredir de forma rápida, têm já registados 85.991 casos.

A Itália conta com 80.589 e a China 81.882, dos quais mais de 74 mil recuperados.

O número de mortos ligados à Covid-19 continua a ser mais elevado em Itália (8.215) que nos Estados Unidos (1.296), a maioria registados em Nova Iorque, que se tornou o centro epidémico americano. Os Estados Unidos têm 753 pessoas recuperadas.

A Organização Mundial da Saúde alertou (OMS) na terça-feira que os Estados Unidos,, com 330 milhões de habitantes, podem a curto prazo ultrapassar a Europa no número de infetados e tornarem-se o epicentro da pandemia.

Na quarta-feira, o governador do Estado de Nova Iorque manifestou a sua preocupação com a incapacidade do sistema de saúde dar resposta ao pico da crise de pandemia, dizendo que poderão vir a ser precisas 140 mil camas, quando apenas existem 53 mil.

Pela primeira vez, houve 100 mortes num dia no Reino Unido

Também nesta quinta-feira, o Ministério da Saúde britânico anunciou que o número de óbitos de Covid-19 no Reino Unido aumentou em mais de 100 num único dia, para 578.

No balanço publicado esta quinta-feira, indicou a existência de 11.658 casos positivos entre 104.866 pessoas testadas à covid-19, tendo 578 dos infetados morrido, mais 115 do que os 463 óbitos declarados na véspera.

Em declarações à BBC Radio 4, um responsável do sistema nacional de saúde NHS, Chris Hopson, disse ter recebido de diretores de hospitais relatos de um aumento de casos graves, sobretudo em Londres, onde se registam mais de 33% dos casos.

“O que eles nos disseram é que passaram duas semanas a aumentar de forma maciça a capacidade dos cuidados intensivos, entre cinco a sete vez mais”, relatou, mas que nos últimos dias têm assistido a “explosão de procura” por pacientes em estado grave.

“Dizem que é o número de pacientes a chegar, à velocidade que estão a chegar, e a forma como estão doentes, vaga atrás de vaga atrás de vaga. A expressão usada é um ‘tsunami contínuo’”, descreveu o mesmo responsável.

Entretanto, o primeiro-ministro britânico confirmou, esta sexta-feira, que está infetado com o novo coronavírus e que se encontra isolado em casa. Na sua conta do Twitter, Boris Johnson explicou que, nas últimas 24 horas, começou a sentir alguns sintomas ligeiros (febre e tosse) e que, entretanto, testou positivo para o novo coronavírus.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 505 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram cerca de 23.000. Dos casos de infeção, pelo menos 108.900 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Bem tanto o Boris, como o Jair, como o Tump, são fulanos com uma informação privilegiada, eles acham que o virus não é preocupante.
    Podiam juntar-se numa ménage à trois.
    Em fim uns, bolsam outros trampam…

    • e estando o borixit galado pelo amigo comum conavirus arranjam com facilidade mais 16 escroques como eles e fazem um convivio-19.

RESPONDER

Diabéticos e hipertensos. PSD quer debater alteração que retirou estes doentes de regime excecional

O PSD pediu a apreciação parlamentar do decreto-lei que retirou doentes hipertensos e diabéticos do regime excecional de proteção relativo à covid-19. A apreciação parlamentar permite que a Assembleia da República debata, altere e, no limite, …

Norte sem contágios por covid-19. Grande Lisboa regista 96,5% dos novos casos

Portugal regista hoje 1.424 mortes relacionadas com a covid-19, mais 14 do que no domingo, e 32.700 infectados, mais 200, segundo o boletim da Direcção-Geral de Saúde (DGS). 193 dos novos casos são na área …

Aviões deixam de ter lotação reduzida a partir desta segunda-feira

Os aviões deixam, a partir desta segunda-feira, de ter a lotação de passageiros reduzida a dois terços, mas o uso de máscara comunitária é obrigatório. O Governo alinhou, assim, as regras nacionais pelas regras europeias no …

Marcelo pede que não se passe do "8 para o 80" e alerta para imagem do país

O Presidente da República reiterou hoje o apelo à população para que não se passe “do 8 para o 80” nas medidas de prevenção da covid-19, alertando para os riscos da imagem do país “cá …

Só metade das crianças deverá voltar ao pré-escolar esta segunda-feira

As crianças em idade pré-escolar regressam esta segunda-feira aos jardins de infância, que voltam a funcionar com novas regras, depois de encerradas durante mais de dois meses, devido à pandemia da covid-19. Apesar do regresso, que …

Dois astronautas (e um dinossauro de peluche) chegaram à EEI à boleia da SpaceX

Para além dos astronautas Doug Hurley e Bob Behnken, seguia a bordo da Crew Dragon um dinossauro de peluche com lantejoulas. E há uma explicação para isso. Este sábado, o foguetão Falcon 9, da SpaceX, fez …

Pescadores já podem capturar sardinha, mas recuo no consumo é uma preocupação

Os pescadores voltam a poder capturar sardinha, a partir desta segunda-feira, e até 31 de julho, com limites diários e semanais, segundo um despacho publicado em Diário da República. De acordo com o diploma, assinado pelo …

Madeirense contesta quarentena obrigatória em Tribunal (e há uma sentença que lhe dá razão)

Uma cidadã madeirense que chegou no domingo à Madeira e recusa cumprir quarentena num hotel entregou um pedido de ‘habeas corpus’ no Juízo de Instrução Criminal do Tribunal do Funchal. A acompanhar o pedido está …

Idade é o maior factor de risco para se ser internado ou morrer de covid-19

As pessoas com idades entre os 70 e os 79 anos infetadas pelo novo coronavírus têm uma probabilidade de ser internadas em cuidados intensivos 10,4 vezes superior à de uma pessoa até aos 50 anos. Os …

Turismo de Portugal tem 10 milhões para apoiar campanhas de empresas que promovam o país

O Turismo de Portugal tem dez milhões de euros, que vão servir para financiar iniciativas “de valorização, inovação e promoção do destino Portugal” até 2025. A dotação de dez milhões de euros, aprovada por despacho de …