Duas mulheres denunciam abusos de Trump. “Ele parecia um polvo”

(dr) heatst.com

Duas mulheres disseram esta quarta-feira ao jornal The New York Times que foram vítimas de abusos do candidato à Presidência dos Estados Unidos Donald Trump, que já negou as acusações.

As denúncias relatam um caso ocorrido há mais de três décadas, num avião, e outro em 2005, num elevador.

Jessica Leeds, hoje com 74 anos, disse ao New York Times que Donald Trump viajou com ela num avião, em primeira classe, e que a apalpou, poucos minutos após a descolagem e sem que se conhecessem.

“Ele parecia um polvo, as mãos dele estavam em todo o lado“, disse, sublinhando que “foi uma agressão” e que quando o empresário lhe tocou se levantou e mudou de lugar no avião para se afastar do candidato à Casa Branca nas eleições de novembro.

O segundo relato é de Rachel Crooks, que conta que em 2005 se apresentou ao empresário quando os dois entraram no mesmo elevador da Torre Trump, em Nova Iorque, dado que a empresa em que trabalhava tinha negócios com o milionário.

Rachel Crooks diz que a resposta de Trump foi beijá-la na boca, naquilo que considera ter sido uma violação.

Segundo o New York Times, Trump foi informado na terça-feira sobre estes relatos e negou que sejam verdadeiros.

Entretanto, e depois da publicação destes casos, também um porta-voz da campanha de Trump considerou “ficção” o artigo do New York Times, a quem acusa de “lançar uma difamação coordenada e completamente falsa” contra o candidato à Casa Branca.

Para além destes dois casos, uma terceira mulher da Florida relatou na quarta-feira a ao Palm Beach Post que Trump a apalpou em 2003, quando o milionário tinha a seu lado Melania Trump, com quem depois casou.

Foi em 2005 que foi gravado o vídeo divulgado na semana passada em que Trump fala das mulheres em termos considerados vulgares e ofensivos, que originaram muitas críticas e levaram à retirada de apoios à sua candidatura por parte de destacados membros do Partido Republicano.

Apoiantes pedem devolução de donativos após afirmações sobre mulheres

Pelo menos duas pessoas que doaram fundos para a campanha eleitoral de Donald Trump às presidenciais dos Estados Unidos pediram para que lhes seja devolvido o dinheiro depois dos comentários proferidos pelo candidato em relação às mulheres.

O canal NBC teve acesso a dois emails em que os doadores pedem o reembolso dos donativos por se sentirem ofendidos com a gravação de 2005 divulgada sexta-feira na qual Donald Trump afirma que pode abusar das mulheres por ser famoso.

“Não posso expressar a minha deceção com as recentes notícias sobre o senhor Trump (…) Como pai de duas filhas, sinto repulsa pelos comentários sobre mulheres”, escreve um dos doadores, que “respeitosamente” pede que lhe seja reembolsado o dinheiro.

Outro dos doadores disse estar “mortificado” ao ouvir os comentários de Donald Trump e afirmou que não pode apoiar um “machista”.

“Espero que me devolvam os donativos”, acrescentou.

Segundo a NBC, aqueles dois doadores são responsáveis pela recolha de milhares de dólares de fundos para a campanha de Donald Trump, depois de terem recorrido à sua rede de conhecidos.

Donald Trump, candidato republicano, recolheu 41 milhões de dólares até agosto. Os comités de ação política e organizações independentes que fazem campanha pelo candidato afirmaram que têm muita dificuldade para recolher donativos.

A candidata democrata, Hillary Clinton recolheu 143 milhões de dólares até agosto.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Vendo as coisas humoristicamente, este candidato revela, ao que parece, que se ganhar as eleições, vai ter “mãozinhas” para muitos dossiers ao mesmo tempo.

    Vendo pelo lado mais sério, que é o lado pelo qual deve ser visto, este individuo não tem limites. Parece que este tipo de comportamentos fazem parte da sua génese e revelam que, com o poder nas mãos, será tentado a cometer abusos de poder de variada ordem. É a “mentalidade americana” dos séculos passados, no seu expoente máximo, é aquela ideia do “somos donos do Mundo, somos a América”. É perigoso.
    Mais do que nunca o Mundo precisa hoje de gente inteligente e sensata para resolver os problemas graves existentes, que vão desde as questões ambientais, ás sociais, passando pela necessidade de pacificação de conflitos presentes e alguns, que se encontram em “banho Maria”, mas que poderão surgir a qualquer momento.

  2. Confesso que não tenho grande simpatia ,pelo Sr.Trump e muito menos pela chalada da Srª. Clinton que, a ser uma mulher a “sério” ,depois do escandalo da Menina Mónica e muito mais grave pois o marido estava em exercicio do poder presidencial, ter-se-ia divorciado mas…………..o poder pelo poder é muito mais forte. Terai sido pois uma mulher de coragem e granjearia para todo o sempre uma onda de enorme simpatia. O que me espanta ou não, nestas presidenciais e noutras que já vimos e iremos ver, é que “virgens” incomodadas só passados alguns anos venham a publico denunciar o acontecido. Não duvido que possam ter existido mas seria na altura que deveriam ter reagido ou tratar-se-ão de factos encomendados a troco de uns dolares? E já agora aqueles sabujos jornalistas que cobardemente abrem os microfones sem as pessoas saberem e depois quando lhes convém ou o candidato não é da sua facção, arrotam informações para denegrir. Mais uma vez afirmo que não duvido que tais conversas tenham tido lugar mas era em tempo própros que se deveria dar a noticia e não passados anos. Enfim……. são os politicos que temos a nivel mundial e a cambada de porcos jornalistas que também andam a sabujar na imundice. Lembram-me também aqueles paparazis que se escondem atraz de tudo para fazerem e fotos nojentas para aqueles nojentos que as compram sem se importarem que podem destruir para todo o sempre a vida de alguem.

  3. Trump é um sexista e um abusador, não vale a pena vir negar porque depois daquela gravação nojenta ninguém acredita nele. Estas eleições estão a ser atravessadas pelas questões de género e sexo. Um dos comentadores aqui define Hillary como “chalada” porque é mulher, alguém define Trump como “chalado”? Não como é homem é visto como ordinário e para alguns isso até é um atributo positivo quando na realidade é muito mais chalado do que a Hillary alguma vez foi!

  4. Que Trump será um individuo que se julgará talvez pela sua fortuna mais importante do que os outros penso que poucos duvidarão, agora porque razão vêm estas senhoras a esta distância dos acontecimentos relatá-los, não será também pelo cheiro do dinheiro tal como a menina Mónica que depois de bem ter gozado sexo com o Clinton acabou por o denunciar na intenção de receber uma choruda fortuna, penso que neste caso as leis tanto deveriam condenar uns como outros e acabar-se-ia o oportunismo de put.. sérias.

RESPONDER

Vai "nascer" em Arouca a maior ponte suspensa do mundo. É a esperança para fazer renascer o turismo

O Turismo de Arouca está a enfrentar dificuldades devido à quebra gerada pela pandemia, mas os empresários aguardam com expectativa a abertura daquela que será a maior ponte suspensa do mundo, já descrita como "extraordinária". Ainda …

"Será difícil não voltar a adiar a abertura" dos centros comerciais na região de Lisboa

O presidente da Associação dos Médicos de Saúde Pública, Ricardo Mexia, considerou que "será difícil não voltar a adiar a abertura" dos centros comerciais na Grande Lisboa, tendo em conta os números da região nos …

Atraso na partilha de informação. Responsáveis da OMS recusam responder a perguntas sobre China

Os mais altos responsáveis da Organização Mundial de Saúde (OMS) recusaram-se esta quarta-feira a responder diretamente a perguntas sobre um atraso da China na partilha do mapa genético do novo coronavírus com a agência. Três perguntas …

Espanha reabre fronteiras a 22 de junho. Portugal diz que ainda não há uma decisão tomada

Espanha vai reabrir as fronteiras com Portugal e França a 22 de junho. O país tinha planeado abrir as fronteiras ao turismo estrangeiro a 1 de julho, mas decidiu adiantar a data. Porém, Portugal diz …

Conceição critica arbitragem, mas em Espanha fala-se de penálti de Pepe "que roça o escândalo"

Os 'dragões' perderam no primeiro jogo após a retoma do campeonato. Sérgio Conceição deixou críticas à arbitragem, mas em Espanha fala-se de um penálti escandaloso... de Pepe. O FC Porto ficou com a liderança da I …

Redução do IVA, abono para crianças e incentivos para comprar elétricos. O plano de 130 mil milhões de Merkel

A chanceler alemã, Angela Merkel, anunciou esta quinta-feira um pacote de estímulo de 130 mil milhões de euros para este ano e 2021, para impulsionar a economia do país, duramente atingida pela pandemia de covid-19. Entre …

De Jorge Jesus a Bruno de Carvalho. Rui Pinto terá espiado 72 pessoas e entidades

O português Rui Pinto terá espiado 72 pessoas e entidades, acusa o Tribunal da Relação de Lisboa. A defesa do denunciante criticou a manutenção da prisão preventiva. De acordo com o acórdão do Tribunal da Relação …

Empresas podem manter lay-off até ao fim de setembro. Trabalhadores podem receber 85% do salário

Os traços gerais do plano do Governo para a retoma da economia e para tentar travar a escalada do desemprego foram apresentados aos parceiros sociais, esta terça-feira, por Ana Mendes Godinho, ministra do Trabalho, Solidariedade …

O próximo Wolves? Charlton pode tornar-se "português"

O consórcio português Corporate Football Organisation Portugal (CFO), liderado por Fernando Côrte-Real, está a estudar a compra do Charlton, clube que milita no Championship, o segundo escalão inglês. "A CFO Portugal já existe há pelo menos …

PJ prossegue investigação e confirma envolvimento de alemão no desaparecimento de Maddie

A Polícia Judiciária adiantou esta quarta-feira que prosseguem em Portugal diligências no âmbito da investigação ao desaparecimento da criança inglesa Madeleine McCann, no Algarve, em 2007, confirmando as suspeitas de envolvimento de um cidadão alemão …