Governo admite antecipar férias da Páscoa nas escolas. Já há 41 casos em Portugal

Tiago Petinga / Lusa

O primeiro-ministro, António Costa, admitiu esta terça-feira o cenário de encerramento das escolas, antecipando as férias da Páscoa, por causa do surto do Covid-19, mas remeteu a decisão para o Conselho Nacional de Saúde Pública.

“Nós adotaremos as medidas que os técnicos considerem ser justificado adotar. Não podemos ter cada um a sua opinião. Estamos a falar de uma matéria que não é de opção política. É uma questão em que os políticos devem agir em função da melhor informação técnica disponível”, afirmou após uma reunião de mais de duas horas com oito ministros de áreas ligadas à resposta ao surto, na residência oficial de São Bento, para preparar o Conselho Europeu por video-chamada, esta terça-feira à tarde, às 16:00.

A questão do encerramento das escolas é, disse o líder do Executivo, uma das matérias que o Governo vai colocar “expressamente” para análise do Conselho Nacional de Saúde Pública, na quarta-feira.

Seja qual for a posição que este órgão tomar, “generalizar o encerramento das escolas” ou manter a opção de apenas encerrar aquelas onde “há focos de infeção e riscos de contaminação”, o executivo tomará “imediatamente” essa medida, acrescentou.

Diretores defendem antecipação das férias

Diretores de vários estabelecimentos de ensino defendem que o Ministério da Educação deve antecipar em 15 dias o início das férias da Páscoa, que está agendado para 28 de março, por causa do novo coronavírus (Covid-19).

A medida, conta o jornal Público que avança a notícia esta terça-feira, foi sugerida este domingo ao ministério liderado por Tiago Brandão Rodrigues e visa que a infeção por Covid-19 não se alastre nas comunidades escolares.

“Deste modo talvez se possa evitar que a infeção se propague nas escolas como cogumelos, que provavelmente é o que acontecerá caso permaneçam abertas”, disse ao matutino o presidente da Associação Nacional de Dirigentes Escolares, Manuel Pereira.

A antecipação permitira tratar “todas as escolas em pé de igualdade” em vez de se estar a fechar uma ou outra, como tem acontecido até agora, nota o mesmo responsável.

Questionado pelo jornal Público, o Ministério da Educação não respondeu.

Um pouco por todo país, foram sendo encerradas escolas por causa de novas infeções diagnosticadas. Os concelhos de Felgueiras e Lousada, no Porto, fecharam todas as suas escolas públicas e privadas. Em Portimão, também há estabelecimentos encerrados.

As universidades de Lisboa e Coimbra decidiram também suspender todas as aulas presenciais com efeitos imediatos e por um período de duas semanas. Também a Universidade do Minho suspendeu as aulas em toda a universidade.

Número de casos sobe para 41

O número de casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus que causa a doença Covid-19 subiu esta terça-feira para 41, mais dois do que os contabilizados na segunda-feira, anunciou a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Um dos novos casos será de uma aluna do Liceu Francês, em Lisboa, que contraiu o vírus quando estava de férias com os pais, aproveitando as férias de Carnaval e o encerramento da escola. Não terá regressado ao estabelecimento de ensino depois de ter sido contaminada e estaria em isolamento desde 29 de Fevereiro, segundo a TVI24.

Governo cancela voos para Itália

Os voos com destino ou origem nas zonas mais afetadas pela epidemia do Covid-19 em Itália estão suspensos, decidiu o Governo português, que recomenda também a suspensão de eventos em espaços abertos com mais de 5.000 pessoas.

A suspensão de todos os voos com destino ou origem nos aeroportos italianos de Milão Malpensa, Internacional II Caravaggio (Bérgamo) e Internacional Marco Polo, que serve a cidade de Veneza, aplica-se para os aeroportos de Francisco Sá Carneiro, no Porto, Humberto Delgado, em Lisboa, e Internacional de Faro.

O anúncio foi feito depois de uma reunião da Comissão Nacional de Proteção Civil (órgão de coordenação em matéria de proteção civil) na sede da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, em Carnaxide, distrito de Lisboa, na qual participaram os ministros da Administração Interna e da Saúde, Eduardo Cabrita e Marta Temido, respetivamente.

A nível nacional, o executivo recomendou a suspensão de eventos em espaços abertos com mais de 5.000 pessoas, e de eventos à porta fechada com mais de 1.000 participantes, “em linha com orientações que tem vindo a ser tomadas na generalidade países da União Europeia”, disse o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita.

A sugestão de que os médicos que não participem em congressos ou conferências, especialmente para estarem disponíveis, foi outra das decisões saída do Conselho.

TAP cancela 3.500 voos

A TAP decidiu cancelar mais 2.500 voos nos “próximos meses” para fazer face às “quebras nas reservas” devido ao coronavírus, totalizando assim os 3.500, depois de anunciar 1.000 cancelamentos na semana passada

“A companhia decidiu reduzir a capacidade para os próximos meses em cerca de 2.500 voos adicionais, um ajustamento que se junta ao anunciado na semana passada, de 1.000 voos, resultando assim estas medidas numa redução total da oferta de 3.500 voos, equivalentes a 7% dos voos programados em março, 11% em abril e 19% em maio”.

Segundo a TAP, “estas medidas justificam-se pela quebra nas reservas de viagens para os próximos meses que se tem verificado nos últimos dias”.

Estes cancelamentos “continuam a incidir especialmente na operação para cidades nas regiões mais afetadas, sobretudo Itália”, mas também incluem “a redução de oferta em outros mercados europeus que mostram maiores quebras da procura, como Espanha ou França”, além de “alguns voos intercontinentais, dado o modelo de operação da TAP, como companhia de longo curso e conexão”, adiantou a companhia aérea.

Costa reúne com sete ministros

O primeiro-ministro, António Costa, reúne-se esta terça-feira de manhã, em Lisboa, com os ministros das Finanças, da Economia, Administração Interna, Saúde, Infraestruturas e Planeamento sobre a resposta ao surto do Covid-19.

O ministro dos Negócios Estrangeiros e a secretária de Estado dos Assuntos Europeus participam na reunião através de videochamada, revelou esta terça-feira à agência Lusa fonte oficial do gabinete de António Costa.

A reunião, para fazer um ponto de situação da resposta de Portugal ao surto do novo coronavírus, que já infetou 39 pessoas em território nacional, começa às 09:00 na residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento, em Lisboa.

Para as 09:00 foram convocados para São Bento os ministros Mário Centeno (Finanças), Siza Vieira (Economia), Eduardo Cabrita (Administração Interna), Marta Temido (Saúde), Pedro Nuno Santos (Infraestruturas e Habitação) e Nelson de Souza (Planeamento), enquanto Augusto Santos Silva (Negócios Estrangeiros) participa por telefone.

Com os líderes europeus, Costa fará, à distância, através de videoconferência, um ponto de situação sobre o que está a passar-se ao nível europeu, acrescentou a mesma fonte

Em Portugal há 39 pessoas com Covid-19, a maioria na região Norte. No Algarve foi confirmado pelo menos um caso, em Portimão. A epidemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou quase 4.000 mortos. Mais de 110 mil pessoas foram infetadas em mais de uma centena de países, mas mais de 62 mil já recuperaram.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …

Esqueletos revelam que fosso entre ricos e pobres começou a abrir-se há 6.600 anos

A análise a ossos encontrados numa sepultura na Polónia mostram que o fosse entre ricos e pobres na Europa começou a abrir-se muito antes daquilo que se pensava. O desaparecimento da classe média é um problema …

Super-Terras quentes podem ter atmosferas metálicas brilhantes

Os cientistas querem perceber porque é que as super-Terras quentes possuem um brilho tão chamativo - e já há uma hipótese em cima da mesa. Os exoplanetas, chamados de super-Terras quentes, podem ser particularmente brilhantes e …

As larvas de peixe-sol são adoráveis (mas crescem e tornam-se gigantescos "nadadores")

Uma equipa de cientistas australianos e neozelandeses descobriram as fases iniciais da larva gigante de peixe-sol. Pela primeira vez, o sequenciamento de ADN identificou as larvas do peixe-sol (Mola alexandrini). O peixe-sol, conhecido cientificamente como Mola …

Telescópio Webb vai estudar Júpiter, os seus anéis e duas intrigantes luas

Júpiter, que tem o nome do rei dos antigos deuses romanos, comanda a sua própria miniversão do nosso Sistema Solar de satélites circundantes; os seus movimentos convenceram Galileu Galileu de que a Terra não era …

Turista danifica escultura do século XIX enquanto posa para fotografia (e é apanhado pelas câmaras de vigilância)

A polícia italiana identificou um austríaco de 50 anos que danificou uma estátua do século XIX num museu em Itália, enquanto posava para uma fotografia. O incidente ocorreu no passado dia 31 de junho, segundo …

Covid-19: Brasil supera as 100.000 mortes

O Brasil ultrapassou hoje a barreira das 100.000 mortes associadas à covid-19, quase cinco meses depois da confirmação do primeiro óbito no país, indicam dados oficiais divulgados pelas secretarias regionais de Saúde. Segundo os mais recentes …

As vacas leiteiras têm relações complexas (que se alteram quando mudam de grupo)

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Chile e dos Estados Unidos concluiu que as vacas leiteiras vivem em redes sociais complexas que se alteram quando estes animais são movidos para outros grupos.  Para …

Virgin Galactic quer desenvolver avião comercial supersónico (que promete superar a velocidade do som)

A Virgin Galactic vai aliar-se à Rolls-Royce para criar um avião comercial supersónico, ainda mais rápido do que o mítico Concorde. A empresa de turismo espacial Virgin Galactic anunciou uma parceria com a Rolls-Royce para desenvolver …