Bruxelas coloca água na fervura (e adia sanções)

Valdis Dombrovskis

Valdis Dombrovskis, vice-presidente da Comissão Europeia responsável pelo Euro

O comissário europeu responsável pelo Euro afirmou o seu “apreço pelos esforços” feitos por Portugal e Espanha a nível de reforma e de ajustamento, no âmbito do Pacto de Estabilidade e Crescimento (PEC).

Numa audição esta quarta-feira no Parlamento Europeu, em Estrasburgo, Valdis Dombrovskis afirmou “o apreço” que tem pelo que Portugal e Espanha “fizeram em termos de reformas estruturais e ajustamento orçamental”, numa referência à decisão sobre eventuais sanções aos dois países devido à violação das metas do défice.

Aos eurodeputados da comissão parlamentar de Assuntos Económicos e Monetários, o mesmo responsável indicou que os “esforços de reforma e de ajustamentos serão contemplados aquando das decisões da aplicação do PEC”.

Ainda há dias o mesmo comissário sublinhava o incumprimento de Portugal e Espanha, colocando a tónica na necessidade de sanções. Mas agora, o discurso de Dombrovskis surge suavizado, depois de o comissário europeu dos Assuntos Económicos, Pierre Moscovici, ter também manifestado que as sanções devem ser “inteligentes”.

A Comissão Europeia (CE) parece assim, interessada em colocar água na fervura. Depois de ter voltado a adiar uma decisão sobre as sanções, espera-se que esta seja, finalmente, tomada nesta quinta-feira, 7 de Julho.

Todavia, o assunto até pode continuar a ser adiado para depois das férias de Verão, se a proposta da CE não chegar a tempo da reunião dos ministros das Finanças da zona Euro, o Ecofin, que se juntam no próximo dia 12 de Julho.

Adiamentos são forma de pressão, diz Catarina Martins

Catarina Martins, coordenadora do Bloco de Esquerda, já considerou que os “adiamentos sucessivos” da CE são para “fazer pressão sobre o actual Governo” e para que “alguém se esqueça do que está em causa”.

“E o que está em causa são as contas de 2013 a 2015 por muito que a direita ou a Comissão Europeia gostem de fazer de conta que o que está em causa é 2016”, salientou a líder bloquista.

Catarina Martins também reagiu às críticas do PCP à ideia de um referendo, caso sejam aplicadas sanções.

Francisco Louçã considerou mesmo que o referendo é inevitável e o deputado comunista António Filipe constata, num artigo de opinião no Diário de Notícias, que fazer um referendo violaria a Constituição e que seria, além do mais, “uma perda de tempo”.

“O PCP, nas últimas eleições europeias, tinha no seu programa referendar os tratados actuais e futuros”, salienta Catarina Martins, reforçando que “um país tem sempre a necessidade e a obrigação de perguntar a opinião ao seu povo”.

Entretanto, o PSD e o CDS-PP vão apresentar um requerimento para pedir ao primeiro-ministro que divulgue a carta que enviou ao presidente da Comissão Europeia a contestar a aplicação de sanções.

A posição das bancadas parlamentares da oposição foi anunciada após a reunião da comissão parlamentar de Assuntos Europeus, em que foi ouvida a secretária de Estado da tutela, Margarida Marques, que afirmou aos deputados que transmitirá ao gabinete de António Costa “o interesse de alguns deputados” em conhecer a carta enviada a Jean-Claude Juncker.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …