Crianças resgatadas “estão bem de saúde”. Bombas falharam pouco depois

Rungroj Yongrit / EPA

As autoridades sanitárias tailandesas indicaram que, embora tenham perdido peso, os jovens resgatados de uma gruta no norte da Tailândia “estão bem de saúde”.

Para o inspetor de saúde pública Thongchai Lertwilairatanapong, as 12 crianças e o treinador “cuidaram bem de si mesmos”, durante os 18 dias em que estiveram presos na gruta.

O responsável indicou que o treinador e um dos últimos jovens a serem resgatados contraíram uma “leve infeção pulmonar”. Do primeiro grupo a ser resgatado, no domingo, dois apresentaram os mesmos sintomas, acrescentou.

Na terça-feira à noite, no terceiro dia das operações de resgate na gruta, o salvamento das 12 crianças e do treinador de futebol suscitou imediatas reações à escala mundial, com vários líderes internacionais a celebrarem o feito.

Entre eles Marcelo Rebelo de Sousa que, numa nota publicada no site da Presidência, diz ter acompanhado, “com angústia e esperança, como todos os portugueses, o caso dos jovens tailandeses que, com o seu treinador, se encontraram retidos ao longo dos últimos dias numa gruta do seu país” e, por isso, “transmitiu a Sua Majestade o Rei da Tailândia a sua satisfação e alegria com o feliz desfecho“.

“Enaltecendo a força de caráter de todos os envolvidos, este é também um exemplo de como a cooperação internacional e a entreajuda contribuíram para um final feliz para esta aventura”, pode ler-se na nota do Presidente da República.

O grupo ficou preso numa gruta durante 18 dias, metade dos quais sem acesso a água potável e a comida. Os 12 rapazes, entre os 11 e os 16 anos, e o treinador, de 25, foram explorar a gruta depois de um jogo de futebol no dia 23 de junho.

Royal Thai Army Handout / EPA

As 12 crianças que ficaram presas numa gruta na Tailândia

Na altura, as inundações resultantes das monções bloquearam-lhes a saída e impediram que as equipas de resgate os encontrassem durante nove dias, uma vez que o acesso ao local só era possível via mergulho através de túneis escuros e estreitos, cheios de água turva e correntes fortes. Nas operações de socorro participaram 90 mergulhadores, 40 tailandeses e 50 estrangeiros.

Bombas falharam pouco depois

O local onde os jovens ficaram presos estava localizado a cerca de quatro quilómetros da entrada da gruta, num complexo de túneis com zonas muito estreitas e alagadas pelas chuvas da monção que afetaram a zona, o que obrigou a que parte do percurso tivesse que ser feito debaixo de água e sem visibilidade.

Um dos mergulhadores envolvido nas operações de resgate, antigo membro da marinha tailandesa faleceu, por falta de oxigénio, depois de ter entregado uma reserva de ar às crianças e ao treinador.

A operação teve outros percalços, entre eles quando um grupo de voluntários não registados nas equipas de resgate enganou-se e, em vez de retirar água da gruta, bombeou água para o seu interior.

Além disso, as bombas de extração montadas na gruta falharam pouco depois das operações de socorro, avança o The Guardian. O nível da água subiu rapidamente, obrigando a uma evacuação dos mergulhadores que ainda se encontravam no local.

O treinador Ekapol Chanthawong, de 25 anos, foi o último a ser retirado. O treinador “Ake”, como era conhecido, foi monge budista por uma década e, durante o tempo em que estiveram presos, ensinou a crianças a meditar, ajudando-as a manter-se calmas e a preservar energia.

A história teve um final feliz e, de acordo com alguns meios de comunicação, Hollywood até já está a pensar transportar este episódio para o grande ecrã.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Aquecimento global no Pleistoceno elevou nível do mar até 13 metros

O aquecimento global no final do período do Pleistoceno, com temperaturas similares às previstas para este século, reduziu a camada de gelo da Antártida oriental e elevou o nível do mar até 13 metros acima …

Autor dos mais famosos estudos sobre comida viu 13 artigos retirados

O famoso investigador norte-americano está envolvido numa polémica, depois de 13 dos seus estudos científicos terem sido retirados de algumas publicações. É provável que nunca tenha ouvido falar de Brian Wansink mas, tal como recorda o …

NASA observa movimentos tectónicos recentes em Marte

A sonda Mars Express da NASA observou fissuras proeminentes em Marte causadas devido à ação de falhas tectónicas que atingiram a superfície do planeta há menos de dez milhões de anos. As imagens foram capturadas …

Mulher que acusa de abuso juiz nomeado por Trump para o Supremo aceita depor

Christine Blasey Ford, a mulher que acusou de agressão sexual o juiz Brett Kavanaugh, nomeado por Donald Trump para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, aceitou testemunhar perante o Senado, na próxima semana, disse neste …

Hubble deteta radiação nunca antes vista numa estrela de neutrões

Uma invulgar emissão de radiação infravermelha, de uma estrela de neutrões próxima, detetada pelo Telescópio Espacial Hubble da NASA, pode indicar novas características nunca antes vistas. Uma possibilidade é que exista um disco poeirento em redor …

Sócrates acusa direita de estar "empenhada" no processo Marquês

O antigo primeiro-ministro José Sócrates acusou este sábado a direita política portuguesa de estar "empenhada no processo Marquês através da manutenção da procuradora-geral da República". O ex-governante, que esteve neste sábado em Vila do Conde, distrito …

André Ventura vai lançar movimento para destituir Rui Rio

O vereador do PSD em Loures André Ventura vai lançar na próxima semana o movimento Chega, para substituir Rui Rio na liderança e colocar o partido no “espetro ideológico do centro-direita português”. Em comunicado, André Ventura …

Universidade brasileira cria gelado que reduz efeitos colaterais da quimioterapia

Foi criado no Brasil um gelado que ajuda a diminuir os efeitos colaterais da quimioterapia em pacientes com cancro. Desenvolvido por investigadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o gelado tem três sabores: morango, …

Irmãos portugueses que combatiam pelo Daesh dados como mortos na Síria

Os irmãos Celso e Edgar foram dados como mortos na Síria, revela o jornal Expresso neste sábado. Os dois portugueses eram jiadistas que combatiam pelo autodenominado Estado Islâmico (Daesh). Em Raqqa eram conhecidos pelo seu nome …

Abate de animais nos canis é proibido a partir deste domingo

A lei que proíbe o abate de animais como medida de controlo da população entra em vigor este domingo, no continente, mas os veterinários alertam para o “pouco esforço que foi feito” de adaptação à …