Coreia do Sul volta a adotar medidas para conter novo surto de covid-19

Republic of Korea / Flickr

Comboio KTX a ser desinfetado, em Seul, na Coreia do Sul

O Governo da Coreia do Sul voltou a implementar medidas de contenção na capital, Seul, depois do pior surto de novos casos desde 5 de abril ter ocorrido esta quarta-feira.

Na quarta-feira, o país registou 79 infeções de covid-19, o pior surto de novos casos desde 5 de abril, há 53 dias, quando o país registou 81 infetados. Destes 79 casos, 68 são infeções locais. A maioria (54) terá ocorrido num centro logístico nos arredores de Seul, na cidade de Bucheon.

O vice-ministro da Saúde, Kim Gang-lip, alertou que o Governo espera que este número ainda venha a aumentar, à medida que mais trabalhadores forem sendo testados.

As autoridades identificaram 4159 pessoas que se pensa poderem ter sido infetadas na empresa, entre trabalhadores e pessoas que estiveram em contacto com os funcionários, tendo já realizado 3400 testes.

De acordo com o Diário de Notícias, perante esta situação, o Governo voltou a implementar medidas de contenção em Seul. A partir desta sexta-feira, e durante duas semanas, museus, parques e galerias de arte vão fechar novamente.

As empresas estão a ser pressionadas para reintroduzir horários flexíveis de trabalho e os moradores da capital foram aconselhados a evitar reuniões sociais ou a frequentar lugares com muita gente, como restaurantes e bares.

“As próximas duas semanas vão ser cruciais para evitar a propagação da infeção na região metropolitana. Teremos de voltar ao distanciamento social se falharmos”, afirmou o ministro da Saúde sul-coreano, Park Neung-hoo, citado pelo mesmo jornal.

As restrições na Coreia do Sul tinham sido levantadas em todo o país a 6 de maio. Este país asiático tem sido apontado como um dos melhores no controlo da pandemia, graças a um sistema abrangente de rastreio, testes em massa e isolamento de pessoas que tenham estado em contacto com infetados.

Desde o início da pandemia, a Coreia do Sul registou 11.344 casos de infeção e 269 mortos. Apenas 735 (6,5%) permanecem ativos. A esmagadora maioria das pessoas infetadas (91,1%) foram consideradas curadas.

A nível global, segundo um balanço da agência AFP, a pandemia já provocou mais de 352 mil mortos e infetou mais de 5,6 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Cerca de 2,2 milhões de doentes foram considerados curados.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Antigo gestor de Isabel dos Santos denuncia "contrato falso" da Sonangol

O antigo assessor da empresária Isabel dos Santos na Sonangol, Mário Leite da Silva, queixou-se junto de reguladores internacionais sobre um “contrato falso” que terá lesado a petrolífera angolana em 193 milhões de euros em …

Presidente do Líbano pede ajuda na ONU para a reconstrução pós-explosão

O Presidente do Líbano, Michel Aoun, pediu na quarta-feira à comunidade internacional apoio para a reconstrução do principal porto do país e dos bairros de Beirute destruídos pela catastrófica explosão ocorrida em agosto. Na sua intervenção pré-gravada …

Ninguém foi indiciado pela morte de Breonna Taylor. Dois polícias baleados durante protestos

Um painel de jurados do Kentucky indiciou esta quarta-feira apenas um polícia por disparar contra apartamentos na vizinhança, mas não avançou com acusações contra nenhum polícia na morte da jovem negra Breonna Taylor. Imediatamente após o …

Multas de transportes públicos não são cobradas há três anos (e já chegam aos 17,6 milhões de euros)

As multas nos transportes públicos não estão a ser cobradas desde setembro de 2017 e já chegam a mais de 17,68 milhões de euros. As primeiras multas desde que foi alterado o regime de sanções, …

Football Leaks. PGR e FPF só souberam de ataques informáticos pela PJ

A Procuradoria Geral da República (PGR) e a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) só souberam que tinham sido alvo de ataques informáticos através da Polícia Judiciária (PJ), revelou esta quinta-feira o inspetor José Amador no …

Governo prolonga prazo das moratórias até setembro de 2021. Portugal em contingência até 14 de outubro

O Conselho de Ministros decidiu prorrogar, esta quinta-feira, a vigência da situação de contingência em Portugal continental até às 23h59 de 14 de outubro. As moratórias de crédito foram prolongadas até 30 de setembro de …

Trump diz que diretrizes mais rigorosas para aprovação de vacina são “jogada política”

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse, esta quarta-feira, que a Casa Branca “pode ou não” aprovar novas directrizes da Food and Drug Administration. As novas diretrizes para aprovação de vacina contra a covid-19 exigem …

Maduro insta ONU a criar fundo que garanta alimentos e medicamentos

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, propôs que a Organização das Nações Unidas (ONU) crie um fundo rotativo de compras públicas para garantir o acesso a alimentos e a produtos de saúde, financiado com recursos …

Mais três mortes e 691 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta quinta-feira, mais três mortes e 691 novos casos de infeção por covid-19 em relação a quarta-feira, mostra o boletim mais recente da Direção-Geral de Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da …

2 em 1. Ryanair está a oferecer um voo na compra de outro (e é só hoje)

Já estava com saudades de viajar e conhecer novos países? A Ryanair não quer que lhe falte nada. A companhia aérea low cost lança uma promoção “inédita” e garante uma oferta 2 em 1. As …