Cimeira do Clima chega finalmente a acordo para mudar o Mundo

Laurent Fabius emociona-se e tem dificuldade em conter as lágrimas durante o seu discurso

O projeto de acordo final para o combate às alterações climáticas foi concluído na madrugada deste sábado, e foi apresentado pela presidência da Cimeira aos representantes dos países que participam na COP21.

A Conferência do Clima COP21, que reuniu desde o dia 30 de novembro representantes de 195 países em Bourget, a nordeste de Paris, termina este sábado, depois de ter sido prolongada por mais um dia para tentar alcançar um acordo global sobre a redução de emissões de gases de efeito de estufa, em substituição do Protocolo de Quioto.

A presidência da Cimeira apresentou aos representantes dos 195 países presentes o projecto de acordo final sobre alterações climáticas, que visa conter o aquecimento global abaixo dos 2°C, e limitá-lo aos 1,5.

“Estamos quase no final do caminho e, provavelmente, no início de um outro”, disse o anfitrião da cimeira, o ministro francês dos Negócios Estrangeiros Laurent Fabius, visivelmente emocionado, com a voz embargada e notórias dificuldades em conter as lágrimas.

Não são conhecidos detalhes do acordo atingido, que deverá prever uma verba de quase 99 mil milhões de euros para os países em desenvolvimento a partir de 2020, mas Fabius afirma que estará assegurado um limite de aumento da temperatura “bem abaixo dos 2 graus”.

Depois de traduzido para as seis línguas oficiais da ONU, o documento foi lido pelo chefe da diplomacia francesa com um atraso de duas horas e meia em relação ao previsto inicialmente.

A adopção formal do acordo será agora votada em plenário pelos representantes dos países presentes.

Após o discurso de Fabius, o presidente francês, François Hollande, pediu aos delegados presentes na Cimeira que aprovem o texto do acordo, que “será um grande gesto para a humanidade”.

“Estamos num momento decisivo”, sublinhou Hollande, “ e este é o primeiro acordo universal da história das negociações climáticas”.

ZAP / ABr

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ver para crer, normalmente recolhendo cada um ao seu abrigo depressa esquecem que este planeta é afinal a casa comum de todos e que é necessário acima de tudo preservá-la.

RESPONDER

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …

Roubar aos ricos para dar aos pobres. Misterioso grupo de hackers desviou dinheiro para doar à caridade

Um misterioso grupo de hackers, conhecidos como hackers Darkside, doou dinheiro a duas instituições de caridade - mas esse dinheiro foi roubado pelo mesmo grupo a grandes corporações através de um ataque de ransomware. Quase podia …

Desatualizados e com erros. IA vai vasculhar milhares de documentos da Casa Branca

O Escritório de Administração e Orçamento da Casa Branca (OMB) disse que as agências federais vão usar inteligência artificial (IA) para eliminar requisitos desatualizados, obsoletos e inconsistentes em dezenas de milhares de páginas de regulamentos …