Presidente da COP21 apresenta esboço de acordo do clima

Laurent Fabius, ministro dos Negócios Estrangeiros da França (foto: Cyclotron / Wikimedia)

Laurent Fabius, ministro dos Negócios Estrangeiros da França (foto: Cyclotron / Wikimedia)

O presidente da Conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP21), o ministro dos Negócios Estrangeiros francês Laurent Fabius, apresentou esta quarta-feira o primeiro esboço do acordo sobre a redução de emissões de gases de efeito de estufa (GEE), elaborado pelos 14 ministros que moderam as negociações.

Fabius reconheceu que o esboço continua a não resolver os três principais pontos de discórdia da negociação, que são a diferenciação entre países ricos e pobres no que diz respeito a assumir responsabilidades de redução de emissões, a ambição do futuro acordo e a transferência financeira para a mitigação e adaptação às alterações climáticas, nos países em desenvolvimento.

“Temos feito progressos, mas ainda falta muito trabalho nas próximas 48 horas”, disse o presidente da COP21 sobre o texto do acordo que, desde sábado, passou de 48 para 29 páginas, das quais 14 se relacionam ao acordo em si e 15 a uma decisão que o viabiliza.

“Em vários pontos estamos quase no final dos nossos esforços graças ao trabalho das partes”, disse Fabius.

O ministro francês destacou que “este não é o texto final” e convocou uma reunião plenária às 19h, para que as diferentes partes da negociação possam comentar o primeiro esboço elaborado pelos ministros.

O texto reflete os compromissos que estão a surgir na reta final da negociação e, para Fabius, agora é necessário concentrar-se “nas principais perguntas sem resposta”.

Nesta fase do trabalho, as questões em aberto são as mesmas do início da negociação e, com isso, o documento ainda não está fechado no que toca a que países terão responsabilidades obrigatórias de redução de emissões de GEE, bem como de financiamento da adaptação nos países em desenvolvimento.

“Devemos ter duas longas noites de trabalho”, reconheceu Laurent Fabius. Ele espera ter, esta sexta-feira de manhã, “um acordo legalmente vinculativo, ambicioso e equilibrado” para ser aprovado na parte da tarde.

O ministro francês terminou a sua intervenção no plenário da COP21 com uma frase muito repetida nas negociações: “nada está de todo decidido até que se decida“.

Representantes de 195 países participam da Conferência do Clima, em Paris, prevista para terminar esta sexta-feira. O objetivo é chegar a um acordo que reduza as emissões de gases de efeito de estufa, principais responsáveis pelas mudanças do clima que levaram à ocorrência mais frequente de fenómenos extremos, como ondas de calor, secas ou cheias, e a elevação do nível do mar.

ZAP / Agência Brasil

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Aquecimento global?
    Será que discutem o projecto HAARP? Ou não interessa.

    https://pt.wikipedia.org/wiki/High_Frequency_Active_Auroral_Research_Program

    As cimeiras do ambiente servem para: – Desde que pagues podes poluir! – As grandes alterações climáticas devem-se à alteração da inclinação do eixo terrestre fenómeno observado de 11.000 em 1.000 anos – Precessão -.
    Se não acabem com os motores a derivados do petróleo, acabem com água com gás e refrigerantes carbonados – não acabaram com as tintas com CFC ?
    Há industrias com que não se brinca…………

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …