Caso Maddie: polícia procura mulher da Europa de Leste

Facundo Arrizabalaga / EPA

Kate e Gerry McCann, os pais de Maddie

As autoridades britânicas continuam a seguir pistas em busca por Madeleine McCann e, desta feita, procuram uma mulher de Leste que terá vivido em Portugal, aquando do desaparecimento da menina, em 2007.

A Scotland Yard, a polícia metropolitana de Londres, continua empenhada na Operação ‘Grange’ que investiga o desaparecimento de Madeleine McCann.

E depois de ter sido notícia que o Governo do Reino Unido cedeu mais 175 mil euros para a investigação, sabe-se agora que a “pista significativa” que está a ser seguida é a de uma mulher da Europa de Leste.

Esta alegada testemunha, vista como “chave” para o caso, viveria numa residência vizinha ao resort, aquando do desaparecimento da menina, no Algarve. A Scotland Yard acredita que a mulher terá informações fundamentais sobre as circunstâncias em que a menina desapareceu, segundo avançam os jornais The Sun e Daily Mail.

“Pode ter visto ou ouvido alguma coisa que pode ter parecido insignificante, na altura, mas que se poderá provar vital”, refere uma fonte da polícia britânica ao The Sun.

“Se ela se reconhecer a si própria, deve contactar a polícia. Não tem nada a temer. É só para a podermos eliminar das pessoas a questionar”, acrescenta a mesma fonte.

Esta mulher terá deixado Portugal depois da morte do marido, segundo os media britânicos.

Pais de Maddie queixam-se de “mensagens de ódio”

Entretanto, após mais uma tranche de dinheiro disponibilizada pelo Governo britânico para a investigação, os pais de Maddie lamentam que têm recebido uma nova vaga de “mensagens de ódio”, conforme noticia o The Sun.

Um amigo de Kate e Gerry McCann refere ao jornal que os dois estão “zangados e incomodados por as pessoas continuarem a escrever coisas falsas e maliciosas contra eles. De cada vez que uma história positiva surge, os “trolls” aparecem com ainda mais abuso. Isso tem acontecido nos últimos 10 anos”, refere esta pessoa não identificada.

Os pais de Maddie têm repetido que continuam com esperança de encontrar a filha viva. Maddie está desaparecida há 10 anos.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Para quando, um episódio desta novela inglesa em que o suspeito é um ET que levou a miúda para Marte?!
    É que, além da falta de originalidade, a Terra começa a ser pequena para tantos suspeitos!…

  2. Porque não colocam as investigações criminais de Miami Beach, já teriam resolvido este caso! Alguma resposta tem que ter sobre este caso, eu fico muito anciosa para saber o que realmente aconteceu com este menina tão linda.

  3. A Scotland Yard ou está fazendo um grande trabalho, ou vai perder toda a sua credibilidade e dignidade com o caso “Maddie”. Só estouram dinheiro e avanços… nada de nada. Devem interrogar a fundo o casal McCann, bem como todos os amigos, sem exceção, que estiveram em Portugal à data do desaparecimento da criança inglesa. Provávelmente, se tal acontecesse, os avanços nesta investigação seriam extraordinários.

  4. Soro da verdade nas veias dos pais e a verdade virá ao de cima !
    Algumas dúvidas ? EU não tenho desde que ouvi a primeira vez as desculpas dos pais incomodados pela
    falta da atenção aos filhos que preferiram o bar e simplesmente dopar os filhos para dormir.
    Ambos médicos deixam a pensar !

Pela primeira vez, uma astronauta corrige página da Wikipédia a partir do Espaço

Pela primeira vez na história da Humanidade, a astronauta norte-americana Christina H. Koch fez a edição de uma página da Wikipedia na Internet a partir da Estação Espacial Internacional (EEI), enquanto orbitava o planeta Terra. A …

Rover Mars 2020 vai procurar fósseis microscópicos

Cientistas do rover Mars 2020 da NASA descobriram o que poderá ser um dos melhores locais para procurar sinais de vida antiga na Cratera Jezero, onde o veículo vai pousar no dia 18 de fevereiro …

MP quer passar a ouvir todas as crianças expostas a violência doméstica

A procuradora-geral da República quer que os magistrados do Ministério Público peçam sempre ao juiz de instrução criminal que as crianças expostas a violência doméstica sejam ouvidas em tribunal para memória futura. A procuradora-geral da República, …

Greta Thunberg no Parlamento entre final do mês e início de dezembro

A ativista sueca aceitou participar numa sessão na Assembleia da República, em Lisboa, promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de …

Phineas Fisher. O "hacker fantoche" que está a pagar para piratearem bancos e petrolíferas

Phineas Fisher é um hackers mais infames do mundo e procura agora renovar esse estatuto ao oferecer 100 mil dólares a quem piratear instituições capitalistas, como bancos e empresas petrolíferas. O hacker ficou conhecido após ter …

Conselho Superior da Magistratura arquiva processo disciplinar a Carlos Alexandre

O Conselho Superior da Magistratura decidiu arquivar o processo disciplinar relativo ao juiz do Tribunal de Instrução Criminal por declarações sobre o sorteio da fase de instrução do processo Operação Marquês. "O plenário de hoje do …

Jardins e complexo de estufas descobertos num dos bunker de Hitler

Um grupo de especialistas descobriu jardins e um complexo de estufas, que serviu para cultivar legumes e frutas, num dos maiores quartéis generais de Adolf Hitler durante a II Guerra Mundial, o bunker conhecido como …

Ataque a Alcochete. Advogados pedem impugnação do auto de notícia da GNR

Uma discrepância nas datas de elaboração e de assinatura do auto de notícia que relata a invasão à academia do Sporting motivou, esta terça-feira, a apresentação de um requerimento de impugnação subscrito por vários advogados. No …

Japão diz que é seguro libertar água radioativa de Fukushima no Pacífico

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão afirmou esta segunda-feira que é seguro libertar água contaminada de Fukushima no Oceano Pacífico, de acordo com o jornal local Japan Today. A central nuclear, recorde-se, sofreu …

Dez autarcas e quatro clubes entre os 68 acusados na operação Ajuste Secreto

O Ministério Público da Feira deduziu acusação contra 68 arguidos, incluindo dez autarcas e ex-autarcas, quatro clubes desportivos e os seus respetivos presidentes, no âmbito da operação "Ajuste Secreto". Numa nota publicada no seu site oficial, …