Caso Maddie: polícia procura mulher da Europa de Leste

Facundo Arrizabalaga / EPA

Kate e Gerry McCann, os pais de Maddie

As autoridades britânicas continuam a seguir pistas em busca por Madeleine McCann e, desta feita, procuram uma mulher de Leste que terá vivido em Portugal, aquando do desaparecimento da menina, em 2007.

A Scotland Yard, a polícia metropolitana de Londres, continua empenhada na Operação ‘Grange’ que investiga o desaparecimento de Madeleine McCann.

E depois de ter sido notícia que o Governo do Reino Unido cedeu mais 175 mil euros para a investigação, sabe-se agora que a “pista significativa” que está a ser seguida é a de uma mulher da Europa de Leste.

Esta alegada testemunha, vista como “chave” para o caso, viveria numa residência vizinha ao resort, aquando do desaparecimento da menina, no Algarve. A Scotland Yard acredita que a mulher terá informações fundamentais sobre as circunstâncias em que a menina desapareceu, segundo avançam os jornais The Sun e Daily Mail.

“Pode ter visto ou ouvido alguma coisa que pode ter parecido insignificante, na altura, mas que se poderá provar vital”, refere uma fonte da polícia britânica ao The Sun.

“Se ela se reconhecer a si própria, deve contactar a polícia. Não tem nada a temer. É só para a podermos eliminar das pessoas a questionar”, acrescenta a mesma fonte.

Esta mulher terá deixado Portugal depois da morte do marido, segundo os media britânicos.

Pais de Maddie queixam-se de “mensagens de ódio”

Entretanto, após mais uma tranche de dinheiro disponibilizada pelo Governo britânico para a investigação, os pais de Maddie lamentam que têm recebido uma nova vaga de “mensagens de ódio”, conforme noticia o The Sun.

Um amigo de Kate e Gerry McCann refere ao jornal que os dois estão “zangados e incomodados por as pessoas continuarem a escrever coisas falsas e maliciosas contra eles. De cada vez que uma história positiva surge, os “trolls” aparecem com ainda mais abuso. Isso tem acontecido nos últimos 10 anos”, refere esta pessoa não identificada.

Os pais de Maddie têm repetido que continuam com esperança de encontrar a filha viva. Maddie está desaparecida há 10 anos.

ZAP //

8 COMENTÁRIOS

  1. Para quando, um episódio desta novela inglesa em que o suspeito é um ET que levou a miúda para Marte?!
    É que, além da falta de originalidade, a Terra começa a ser pequena para tantos suspeitos!…

  2. Porque não colocam as investigações criminais de Miami Beach, já teriam resolvido este caso! Alguma resposta tem que ter sobre este caso, eu fico muito anciosa para saber o que realmente aconteceu com este menina tão linda.

  3. A Scotland Yard ou está fazendo um grande trabalho, ou vai perder toda a sua credibilidade e dignidade com o caso “Maddie”. Só estouram dinheiro e avanços… nada de nada. Devem interrogar a fundo o casal McCann, bem como todos os amigos, sem exceção, que estiveram em Portugal à data do desaparecimento da criança inglesa. Provávelmente, se tal acontecesse, os avanços nesta investigação seriam extraordinários.

  4. Soro da verdade nas veias dos pais e a verdade virá ao de cima !
    Algumas dúvidas ? EU não tenho desde que ouvi a primeira vez as desculpas dos pais incomodados pela
    falta da atenção aos filhos que preferiram o bar e simplesmente dopar os filhos para dormir.
    Ambos médicos deixam a pensar !

RESPONDER

Além de um ícone da ciência, Marie Curie também foi uma heroína de guerra

Marie Curie foi, além de uma cientista conceituada, vencedora de dois prémios Nobel, uma filantropa que usou as suas competências na área da ciência para ajudar a salvar vidas na I Guerra Mundial. Se perguntarmos a …

Incêndios: Costa garante que "nada ficará como dantes", a ministra "não teve férias"

O primeiro-ministro pediu hoje consenso político para a aplicação das recomendações da comissão independente aos fogos de junho e prometeu que, no fim dos incêndios, o Governo assumirá totais responsabilidades na reconstrução do território e …

Mosteiro alemão com 900 anos vai fechar. Não há monges

Um antigo mosteiro na Alemanha, com quase nove séculos de actividade, está prestes a fechar as portas, devido a problemas financeiros e à escassez de monges. À medida que a Igreja Católica vê declinar significativamente o …

Furacão Ophelia com ventos de 150 Km/h faz três mortos na Irlanda

A Irlanda está em alerta vermelho com os ventos provocados pelo furacão a atingirem os 150 km/h. A tempestade provocada pelo furacão Ophelia causou esta segunda-feira a morte de três pessoas na Irlanda, segundo informações da …

Oposição venezuelana não aceita resultados das eleições regionais

O Conselho Nacional Eleitoral dá conta de que o PSUV, o partido no Governo, ganhou em 17 dos 23 Estados do país, nas eleições deste domingo. A aliança opositora venezuelana Mesa de Unidade Democrática (MUD) rejeitou, …

Número de mortos em atentado na Somália já ultrapassou os 300

O número de mortos do violento atentado terrorista registado no sábado em Mogadíscio, capital da Somália, já ultrapassou as três centenas, havendo, porém, a certeza que o total vítimas será ainda maior, indicou fonte médica …

Astrónomos detetam um novo tipo de ondas gravitacionais: "O princípio de uma nova era"

Segundo os cientistas, as novas emissões de radiação agora detetadas são consequência da fusão de duas estrelas de neutrões numa galáxia distante. Uma equipa internacional anunciou esta segunda-feira ter conseguido ver através da luz e das …

Sal no pão vai baixar ainda mais a partir de 2018

O teor de sal no pão vai baixar ainda mais a partir do próximo ano, de acordo com um protocolo que será assinado, esta segunda-feira, entre o Estado e a indústria da panificação e pastelaria. Segundo …

Falsos recibos verdes podem enfrentar "aumento de impostos desumano" em 2018

"Um aumento de impostos desumano", é o que antecipa o fiscalista Mendes da Silva sobre as mudanças no regime simplificado dos trabalhadores independentes, os chamados recibos verdes, que estão previstas no Orçamento de Estado para …

Bancos obrigados a comunicar mais cedo transferências para offshores

Os bancos serão obrigados a comunicar mais cedo à administração tributária a lista das transferências realizadas para contas sediadas em paraísos fiscais sempre que as movimentações ultrapassem os 15 mil euros. As declarações deveriam ser feitas …