Caso José Sócrates levou à detenção de suspeito da Lava Jato em Lisboa

imanente / Flickr

A detenção de Raul Schmidt Felippe Júnior, suspeito no âmbito da mega-operação brasileira Lava Jato, num apartamento de luxo, em Lisboa, resulta da colaboração entre as polícias do Brasil e de Portugal, parceria que começou por causa de José Sócrates.

Autoridades portuguesas e brasileiras começaram a trabalhar juntas em meados de 2015, quando se começaram a cruzar dados da Operação Lava Jato com informações alusivas à Operação Marquês que implica José Sócrates em crimes de corrupção.

BBC Brasil reporta que investigadores dos dois lados do Atlântico têm trocado provas e descobertas no âmbito das relações entre suspeitos dos dois casos, nomeadamente quanto aos laços entre José Sócrates e Lula da Silva.

Entre as suspeitas que recaem sobre o ex-primeiro-ministro português estão as suas ligações à construtora brasileira Odebrecht, nomeadamente no âmbito do viagens do ex-presidente do Brasil a Portugal alegadamente custeadas por aquela empresa.

Há ainda escutas telefónicas que indiciarão eventuais trocas de influências entre Sócrates e Lula da Silva no sentido de favorecimento ao grupo farmacêutico Octapharma.

Na Operação Lava Jato ainda se investigarão eventuais pressões de Lula da Silva a Passos Coelho, quando este era primeiro-ministro, sobre o pretenso interesse da Odebrecht em comprar a empresa estatal portuguesa Empresa Geral de Fomento (EGF).

Por outro lado, a Operação Marquês investigará a participação da Bento Pedroso Construções, filial portuguesa da Odebrecht, na construção de uma linha de comboio de alta velocidade, de uma barragem e de parte de uma estrada, contratos obtidos em parceria com o Grupo Lena.

O Grupo Lena está no centro da Operação Marquês e o seu administrador, Joaquim Barroca, é um dos arguidos do processo.

Outro nome que se cruza nas duas investigações é o do ex-administrador da Caixa Geral de Depósitos e ex-ministro, Armando Vara, suspeito na Operação Marquês pela sua intervenção de suposto favorecimento ao empreendimento turístico Vale do Lobo, no Algarve.

No âmbito da Lava Jato, estão em causa eventuais influências em favor da empresa brasileira Camargo Corrêa, no domínio do dito resort de luxo.

Raul Schmidt escondeu-se em Portugal para evitar extradição

Foi esta colaboração luso-brasileira que permitiu deter Raul Schmidt Felippe Júnior num apartamento de luxo, em Lisboa, onde se terá refugiado para evitar a extradição para o Brasil, algo que deverá conseguir por ter nacionalidade portuguesa.

O empresário, que é suspeito de pagar subornos a responsáveis da Petrobras em troca de contratos com as suas empresas, vai ser ouvido no Tribunal da Relação de Lisboa, nesta terça-feira, depois de ter sido detido num condomínio de luxo no bairro do Castelo, em Lisboa.

O Diário de Notícias apurou que Raul Schmidt vivia num apartamento avaliado em três milhões de euros, com a mulher e a filha, há cerca de seis meses, depois de ter viajado de Londres para Lisboa, alegadamente com o intuito de evitar a extradição para o Brasil, prevendo que pudesse vir a ser “apanhado” pelas autoridades brasileiras.

O empresário, que tem dupla nacionalidade portuguesa e brasileira, era considerado foragido desde Julho de 2015.

Raul Schmidt deverá contestar o pedido de extradição já solicitado pelo Brasil e “a Constituição Portuguesa garante que Portugal, por regra, não extradita os seus nacionais”, explica o advogado José António Barreiros na Rádio Renascença.

A advogada especialista em extradição e direito penal internacional Vânia Costa Ramos acrescenta na mesma estação que o empresário só pode ser extraditado se for suspeito de “terrorismo ou de criminalidade internacional organizada”.

Caso não seja extraditado, Raul Schmidt será alvo de julgamento em Portugal, à luz dos factos da investigação brasileira.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

Responder a ELE Cancelar resposta

Jovem muçulmana impedida de entrar em jogo de basquete por não querer mostrar os braços

Uma jogadora de basquetebol de 13 anos foi impedida de participar num jogo, no último domingo, por ter uma camisola de manga comprida por baixo do equipamento oficial. Segundo o Jornal de Notícias, Fatima Habib, jogadora …

Professor suspenso depois de dizer que se alunos faltassem a Moral não podiam entrar em igrejas

O professor que enviou um documento aos encarregados de educação a avisar que se os seus educandos continuassem a faltar às aulas de Educação Moral e Religiosa Católica "corriam o risco" de não poder entrar …

Cheias já mataram duas pessoas. Veneza vai declarar estado de emergência

Luigi Brugnaro, presidente da câmara de Veneza, vai declarar estado de emergência na cidade que está inundada devido às piores cheias em 50 anos. Esta quarta-feira, é esperada uma nova subida da água na cidade italiana. …

Bolsonaro deixa PSL e cria um novo partido

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, anunciou esta terça-feira que decidiu abandonar o Partido Social Liberal (PSL) e criar um novo partido chamado Aliança pelo Brasil. A saída de Bolsonaro acontece na sequência de uma série …

Partido Trabalhista britânico sofre dois ciberataques (e suspeita-se que tenham "dedo" russo)

O Partido Trabalhista britânico sofreu dois ataques informáticos em apenas dois dias. Contudo, o partido de Jeremy Corbyn admite que os ataques falharam e que as suas plataformas estão operacionais. Num espaço de apenas dois dias, …

Sterling tentou fazer "mata-leão" a Joe Gomez e foi afastado da convocatória

O estágio da seleção inglesa para os jogos da Qualificação para o Campeonato da Europa, frente ao Montenegro e ao Kosovo, não poderia ter começado da pior forma. Raheem Sterling foi afastado da equipa após …

Alunos com gaguez não terão de fazer exames orais

Os alunos com gaguez podem ser dispensados da realização das provas orais. Há dois anos, estes exames passaram a integrar a avaliação externa em línguas estrangeiras nos exames do ensino secundária e nas provas de …

PSD. Só 15,8% dos militantes poderiam votar se eleições diretas fossem hoje

A dois meses das eleições diretas no PSD, há hoje perto de 17.000 militantes com quotas em dia, que podem ser pagas até 22 de dezembro, de acordo com informação disponibilizada online pelo partido. Se as …

Hong Kong: Reforço policial, Parlamento suspenso e escolas fechadas

O Parlamento de Hong Kong foi suspenso, esta quarta-feira, e a segurança foi reforçada na cidade e nos campus universitários, com as escolas a fecharem num momento em que prosseguem os confrontos entre manifestantes e …

Debate quinzenal: Políticas de rendimento, Rio ao ataque com o lítio e a primeira vitória dos pequenos

Os debates quinzenais com o primeiro-ministro regressam esta quarta-feira. António Costa vai abrir o debate com uma intervenção sobre "políticas de rendimento", mas as atenções estão centradas na primeira vitória dos pequenos partidos. As políticas de …