Ministro da Defesa dá por terminada a crise da PJ Militar

António Cotrim / Lusa

O Ministro da Defesa Nacional, José Azeredo Lopes (D), acompanhado pelo general Rovisco Duarte (C), Chefe de Estado Maior do Exército (CEME) e pelo diretor-geral da Polícia Judiciária Militar, Paulo Manuel José Isabel (E)

O comandante Paulo Isabel assumiu esta terça-feira as funções de diretor-geral da Polícia Judiciária Militar (PJM), em regime de substituição, com o ministro da Defesa a assinalar que está assegurada a “normalidade e a estabilidade” da instituição.

“Através da nomeação do senhor capitão-de-mar-e-guerra Paulo Manuel José Isabel, que a partir de hoje assume a responsabilidade de zelar pela Polícia Judiciária Militar, consolida-se a normalidade e a estabilidade inerentes ao regular funcionamento desta instituição”, declarou Azeredo Lopes.

Num breve discurso após a posse do capitão-de-mar-e-guerra Paulo Isabel, no salão nobre do Ministério da Defesa, Lisboa, o ministro Azeredo Lopes defendeu o “valor” da Polícia Judiciária Militar e considerou que o novo diretor vai enfrentar “circunstâncias exigentes”.

“Uma instituição que, enquanto tal, é um capital de valor. Uma instituição que, enquanto tal, dá, como sempre deu, o seu contributo para o património comum dos valores que fazem e asseguram um Estado de Direito”, disse.

O comandante Paulo Isabel nasceu em Setúbal, em 16 de julho de 1964, ingressando em 1982 na Escola Naval, onde se licenciou em Ciências Militares Navais. Atualmente, coordenava da área de ensino de comportamento humano e administração de recursos no Instituto Universitário Militar.

Nos últimos anos, desempenhou várias funções na Polícia Marítima, polícia de especialidade no âmbito da Autoridade Marítima Nacional. Nos cargos que desempenhou na Polícia Marítima, de 2003 a 2009 e entre 2014 e 2017, participou nas Equipas Mistas de Prevenção Criminal (EMPC), nos distritos de Lisboa, Setúbal e Faro.

A nomeação do novo diretor da Policia Judiciária Militar surge após a detenção do até agora responsável da PJM, coronel Luís Vieira, no âmbito do caso do desaparecimento de material de guerra dos paióis de Tancos. O ex-diretor da PJM e um arguido civil vão ficar a aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

António Costa avisa TAP. Plano de rotas "não tem credibilidade"

O primeiro-ministro considera que a Comissão Executiva da TAP tem o dever legal de "gestão prudente" e "não tem credibilidade" um plano de rotas sem prévia informação sobre a estratégia de reabertura de fronteiras de …

Acordo iminente entre FC Porto e PSG por Alex Telles. Dragões encaixam 25 milhões

O desportivo A Bola garante esta quarta-feira que está praticamente alcançado o acordo para a para a transferência de Alex Telles do FC Porto para o PSG. De acordo com o jornal, o negócio que levará …

Líder do CDS não descarta coligações com o Chega (nem apoio a Marcelo nas Presidenciais)

Francisco Rodrigues dos Santos disse, esta quarta-feira, que os "partidos à direita do PS" devem ter as mesmas ferramentas que a geringonça. Por esse motivo, não descarta coligações com o Chega. Numa entrevista à TSF, o …

Sem contrato com Estado, CP só tem dinheiro até junho

A CP - Comboios de Portugal enfrenta dificuldades de liquidez, não só por causa do impacto económico da pandemia, mas também porque o Estado ainda não pagou a respetiva compensação anual pelo serviço público prestado. De …

Encontradas ruínas de uma cidade chinesa construída há 5.300 anos

As ruínas de uma antiga cidade chinesa com 5.300 anos foram encontradas por uma equipa de investigadores. A descoberta revela um planeamento urbano sem precedentes. Uma equipa de investigadores encontrou as ruínas de uma antiga cidade …

Twitter coloca alerta de "verificação de factos" em publicações de Donald Trump

O Presidente dos Estados Unidos rejeitou na terça-feira a interferência do Twitter na "liberdade de expressão" que a rede social exerceu diretamente contra um texto publicado, através do novo processo de verificação de mensagens. "O Twitter …

PSP detém dois polícias suspeitos de integrar grupo criminoso violento

Dois polícias foram detidos numa operação que a PSP está a realizar, esta quarta-feira, em várias zonas do país, em particular em Lisboa e em Setúbal, no âmbito de uma investigação sobre um grupo criminoso …

Queda de 7% do PIB e desemprego nos 10%. As previsões do Governo divulgadas aos partidos

Queda de 7% no PIB, défice de 6,5% e taxa de desemprego a atingir os 10%. Estas são as previsões macroeconómicas do Governo, que continuou esta terça-feira a ronda com os partidos com assento Parlamentar. …

Proteína "antienvelhecimento" que atrasa crescimento celular é fundamental na longevidade

Uma equipa de cientistas identificou uma nova proteína antienvelhecimento, que controla o metabolismo das outras proteínas, um processo implicado no envelhecimento e na doença. Os seres humanos estão a viver mais do que nunca. No entanto, …

Em protesto, as farmácias vão fechar 23 minutos. Infarmed avisa que podem sofrer sanções

As farmácias estão vinculadas a obrigações legais e incorrem em sanções, avisou terça-feira a Infarmed, em resposta à Associação Nacional das Farmácias (ANF) que anunciou para esta quarta-feira uma paragem simbólica dos serviços farmacêuticos. “Inerente ao …